<$BlogRSDUrl$> Impressões de um Boticário de Província
lTradutor Translator
Amanita muscaria

Impressões de um Boticário de Província

Desde 2003


quarta-feira, 30 de abril de 2008

Libero ma non troppo 

Muita se escreveu e falou neste últimos anos sobre Farmácias mas só eu, neste blogue, afirmei, por exemplo aqui, que este Governo de facto não liberalizou a propriedade de farmácia e, por exemplo aqui, que a abertura de novas farmácias seria condicionada o mais possível.

Pelos vistos a Comissão Europeia tem a mesma opinião:


Comissão Europeia contesta legislação portuguesa sobre farmácias


PÚBLICO 30.04.2008, Alexandra Campos e Catarina Gomes

Só no próximo ano abrem as primeiras novas farmácias com propriedade liberalizada. Ministério concluiu que há localidades onde existem a mais.
A Comissão Europeia contesta a nova legislação portuguesa das farmácias dizendo que impõe limitações à liberdade de estabelecimento, pondo assim em causa o direito comunitário. Em causa está, por exemplo, a limitação a um máximo de quatro farmácias por proprietário.
Até ao ano passado, as farmácias só podiam ser propriedade de farmacêuticos e cada profissional apenas podia ter uma. A nova legislação alterou essa e outras regras e hoje qualquer pessoa ou sociedade pode ter até quatro farmácias. A Comissão Europeia considera que, ainda assim, as regras actuais são restritivas, pondo em causa a liberdade de estabelecimento, prevista no artigo 43.º do Tratado da União Europeia.
Catherine Bunyan, assessora de imprensa no organismo europeu, confirma que, na sequência de uma queixa, a Comissão accionou um procedimento por infracção contra o Estado Português - que se inicia com o envio de uma carta pedindo esclarecimentos, o que aconteceu em Janeiro. O procedimento é uma fase de pré-litigância que pretende levar o Estado a voluntariamente fazer as alterações para ficar em conformidade com o direito comunitário. Portugal respondeu em Abril. A assessora de imprensa do Ministério da Saúde, Helena Marteleira, adianta apenas que Portugal recebeu uma notificação no âmbito de um processo em que estão em causa alguns aspectos do novo regime e "aguarda decisão". Em última análise, o caso pode acabar no Tribunal de Justiça Europeu.
A vice-presidente da Ordem dos Farmacêuticos, Elisabete Faria, lamenta que a Comissão esteja a olhar para a saúde como "qualquer outro sector comercial". A Comissão não está a ver os problemas que se colocariam se houvesse completa liberdade de instalação, defende. "Provavelmente, o interior ficaria desprotegido." Estava prevista para Abril a abertura dos primeiros concursos para as novas farmácias mas, afinal, estes vão destinar-se só a farmacêuticos já com estabelecimentos. Primeiro foi necessário fazer um levantamento da cobertura a nível nacional, o que permitiu perceber que há localidades com unidades a mais, sobretudo nas grandes cidades, explica o assessor de imprensa da Autoridade do Medicamento, Carlos Pires.
O quadro com o levantamento das localidades onde isto acontece - em causa estarão "dezenas de farmácias", criadas numa altura em que não havia regras - vai ser enviado nos próximos dias para publicação em Diário da República. A lei prevê que os donos destas farmácias possam assim pedir transferência para as vagas criadas nos concelhos limítrofes. Caso haja mais do que um candidato, a escolha será feita por sorteio. Só depois de concluída esta primeira fase, a de "arrumação", é que se iniciarão concursos para as novas unidades, estes sim abertos à população em geral. As estimativas do Ministério da Saúde apontavam para a criação de cerca de 350 novas farmácias. Mas, tendo em conta os prazos definidos na portaria que regula a abertura, só no próximo ano abrirão as primeiras com propriedade liberalizada. Actualmente, há 2666 farmácias em Portugal continental.
O Ministério da Saúde prevê a criação de 350 novas farmácias, que se vão juntar às 2666 que já existem só no continente.

E também como escrevi anteriormente, aqui, estou ansioso por conhecer a defesa do Governo de Portugal, que contradições assinará Ana Jorge, a mesma que diz que defende a abertura de farmácias «num cenário de liberalização, pondo fim a uma exclusividade já incompreensível».

Isto tudo herança das trapalhadas de Correia de Campos. Eu não vos disse sempre que ele era um manhoso especialista em modelos "nem é carne nem é peixe" e "o que parece não é", um incompetente?

Tínhamos um sistema tão bom, estável, mas resolveram fingir que enfrentavam lóbis e deu nisto: uma originalidade portuguesa, uma aberração.

Etiquetas:


Peliteiro,   às  14:12
2  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

terça-feira, 29 de abril de 2008

Terapêuticas não convencionais - discussão pública 

Sou contra a utilização de terapêuticas não explicadas pelo método científico ou não baseados em evidências.
Sou contra o exercício profissional em saúde não licenciado, não tutelado por médicos ou farmacêuticos.

Sou contra mas não defendo a sua proibição - segundo a defesa do princípio da livre e esclarecida escolha do doente -, defendo tão somente avisos obrigatórios que elucidem completamente o potencial interessado - do género "o tratamento a que se vai submeter não tem suporte científico" ou "Não há estudos que comprovem o efeito deste produto" ou "Profissional não inscrito na Ordem dos Médicos" - e defendo a obrigatoriedade de uma declaração de consentimento informado do doente.

As terapêuticas não convencionais estão em discussão pública na DGS: Acupuntura, Homeopatia, Osteopatia, Fitoterapia, Naturopatia, Quiroprática.
Aquelas lérias do saber fazer / saber aprender / saber ser estão lá todas.
Espero que esta discussão não passe despercebida e que todos contribuam (terapeuticasnaoconvencionais@dgs.pt) para esclarecer que não há terapêuticas convencionais e não convencionais da mesma forma que não há doentes convencionais e não convencionais, há apenas doentes.
Há que ter a coragem de dizer que, por exemplo, a fitoterapia e a naturopatia podem estar associadas a produtos potencialmente muito perigosos para a saúde, a homeopatia é um absurdo científico com resultados sobreponíveis aos placebos e que adiar ou substituir um diagnóstico médico ou um tratamento farmacológico pode causar a morte.

Peliteiro,   às  22:00
1  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Jantar de curso - 20 anos 

Faculdade de Farmácia da Universidade de CoimbraJantar do curso de Ciências Farmacêuticas 1982-88;
Mudança de planos - devido ao elevado número de inscrições, à última hora tivemos que mudar do restaurante Zé Carioca para um restaurante com maior capacidade: Gauchão, na Av. Elísio de Moura, no Atrium Solum.
Mantém-se a data, Sábado, 3 de Maio, e a "concentração" na Praça da República às 20:30H.
Inscrições em jorge@peliteiro.com

Peliteiro,   às  21:55
0  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Dicionário escolar de filosofia 

Agora totalmente online. A adicionar aos favoritos.

Peliteiro,   às  21:47
0  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

segunda-feira, 28 de abril de 2008

Treme Sócrates 

é oficial. Está determinado o próximo primeiro-ministro: Manuela Ferreira Leite.

Peliteiro,   às  19:50
4  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Há, nos olhos meus, ironias e cansaços 

Dr. João Cordeiro, na entrevista ao Expresso:

«José Sócrates manteve uma atenção muito especial para com o sector das Farmácias. Em fases decisivas, soube mostrar o carinho, o interesse e a avaliação positiva do sector.»

Peliteiro,   às  13:54
1  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Distinções de Cristiano Ronaldo 

Cristiano Ronaldo e Nereida Gallardo

«Cristiano Ronaldo entrou para a história do futebol inglês, ao tornar-se o segundo futebolista a vencer duas vezes consecutivas o prémio de melhor jogador da Premiership

Tudo corre bem a Cristiano Ronaldo.
A Cristiano e à namorada, a espanhola Nereida Gallardo, que esta semana é a capa da interviú. Ela merece mais a distinção do que ele.

Peliteiro,   às  13:50
2  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

domingo, 27 de abril de 2008

Etiquetas:


Peliteiro,   às  23:41
0  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

sábado, 26 de abril de 2008

Tórinha 

Vitória de Guimarães
Sou - somos todos! - do Tórinha desde pequenino.

Peliteiro,   às  15:03
4  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

quinta-feira, 24 de abril de 2008

A saúde e os lagares de azeite 

Esta entrevista devia ser lida com atenção por todos, pelos doentes, pelos contribuintes e pelos loucos irresponsáveis que nos governam:

«O médico Fernando Jorge diz nunca ter sonhado com uma conta bancária tão grande quanto a que possui, depois de ter vendido os seus negócios da saúde.

"De há dois anos a esta parte mudou muita coisa na saúde. As estruturas familiares, como a nossa, foram perfeitamente desmanteladas pelas políticas, pelo que as multinacionais e os fundos internacionais vieram para Portugal”. Refere por isso vários exemplos de grupos portugueses que foram adquiridos por ingleses, a norte, por suíços e suecos, a sul, pelo que sobrava muito pouco. “Começámos a ser pressionados para vendermos ou estabelecermos parcerias. Até um banco português teve negociações connosco para aumentarmos a nossa área de influência”. Agora, o processo findou, mas outras razões pesaram na decisão.
Uma das razões que pesaram foi “a incerteza da política de saúde”, pois “não se sabe se se deve investir, ou não”, uma vez que “aparecem sempre uns aprendizes de feiticeiros a mandar por aí nestas áreas, os quais percebem tanto de saúde como eu percebo de lagares de azeite.
»

Peliteiro,   às  22:43
1  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

quarta-feira, 23 de abril de 2008

Coisas realmente importantes 

Parlamento português ratificou Tratado de Lisboa

Costumo usar este título para temas atrengalhados. Mas hoje é mesmo a sério, a ratificação do tratado de Lisboa pelo Parlamento é um assunto realmente importante.
No entanto ninguém ligou meia ao assunto - talvez fosse mesmo isso que os políticos pretendiam.

Peliteiro,   às  23:30
2  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Parafarmácia é como "telepizza da saúde" 

«Uma "telepizza da saúde" é como o proprietário de uma parafarmácia caracteriza o seu negócio desde que passou a poder vender medicamentos por Internet. O facto de a pessoa não poder vir à loja significava que nós não poderíamos facturar. Agora, com esta possibilidade será mais um cliente que nós vamos ter

Tudo isto é triste.
A política do medicamento deste Governo é um desastre, de dimensões incalculáveis; não só por isto, pelo facto de proporcionar a encomenda de medicamentos pela internet - não só mas o fomento deste hábito de consumo pode facilmente estender-se, resvalar para a compra em origens duvidosas e perigosas - mas sobretudo pelo conjunto de medidas que vem adoptando e que tem um objectivo único: limitar a acessibilidade ao medicamento comparticipado e incentivar a automedicação de medicamentos não comparticipados e de porcarias várias.
Claro que é um disparate irresponsável de efeitos benéficos no orçamento de Estado a curto prazo mas com custos enormes a médio-longo prazo e com consequências graves na saúde pública.
Tudo isto é fado nosso.

Nem a propósito, existe agora o mais cinco - consultas verdes, um programa destinado a prevenir os problemas da polimedicação (linha mais cinco: 226062797), a «promover a personalização da prescrição médica e a implementação de sistemas de vigilância farmacoterapêutica».
Parece-me uma boa ideia, um complemento importante do trabalho dos médicos e dos farmacêuticos, particularmente útil e importante quando somos governados por loucos irresponsáveis.


Peliteiro,   às  23:00
2  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

FC Famalicão desce aos distritais 

O FC Famalicão, um clube que já fez carreira entre os maiores de Portugal, um clube de um concelho grande e rico (agora, com a crise dos têxteis nem tanto), desceu este ano para as distritais. Como há 72 anos atrás. É triste. Muito triste.
Um, mau, exemplo a considerar por outros clubes.

Peliteiro,   às  22:58
4  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

terça-feira, 22 de abril de 2008

Arrendo quarto em troca de sexo 

«Detectados en portales inmobiliarios de España, Francia, Italia y Estados Unidos anuncios de alojamiento a cambio de relaciones sexuales»

Ora aí está uma boa ideia! Não sei onde isto vai parar - Mas quero estar cá para participar. De facto tenho uns 3 ou 4 apartamentos devolutos que não quero arrendar e esta é a forma perfeita de arranjar uma dúzia de concubinas logo de uma assentada.

Não, agora a sério, reparem que se trata de uma reportagem do conceituado EL PAÍS e não de um pasquim qualquer, se trago o assunto a este - igualmente sério e prestigiado meio de comunicação social - blogue é porque me parece um importante sinal dos novos tempos, dos novos modos das relações entre as pessoas, especialmente num tempo em que se discutem temas "fracturantes" como os divórcios expresso. A análise deste fenómeno - que provavelmente terá já chegado a Portugal - dá pano para mangas: prostituição? casamento? escravidão? liberdade? solidão? leviandade? irresponsabilidade? depravação? crise? insanidade? hedonismo?

Peliteiro,   às  22:35
3  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Sem cuecas 

posted by besugo:
«Todos os dias me telefonam de empresas com nomes esquisitos, inglesados, querendo fazer-me breves questionários sobre drogas que uso no cancro.
Há mesmo uma Susan "qualquer coisa" que diz falar de Londres, com sotaque de Chelas.
O que querem de mim é saber se os delegados de informação médica a quem pagam "o pão que o diabo amassou" me passam a informação pretendida, da forma desejada. E, já agora, se eu a engulo assim, crua.
Sei isto pelos próprios delegados, desesperados, suando cada vez mais todos os dias, que me pedem - mesmo - para decorar frases. Coitados. Não têm culpa. Eu não decoro.

Descobri a forma correcta de lidar com estes novos pides do marketing.

- Não, é engano, eu não sou o doutor besugo, sou o Pires da padaria. Pra que era?
- Sim, sou o doutor besugo, mas agora não posso, estou a operar um tip... foda-se, agora não posso, cabrão, lá se foi o caralho da válvula, tu e a tua empresa vão pagá-las, meu filhadaputa!
- Ligue-me de noite para este número, dá-me mais jeito. Sim, para este. Se vou estar cá? Não, por isso mesmo.»

Peliteiro,   às  22:22
0  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Apitos esquecidos 

Um bocadinho a destempo, uma chamada de atenção para o caso Lanalgo:

«Fisco vendeu imóvel avaliado em 5 milhões de euros por 450 mil euros.
6 dos 7 arguidos foram absolvidos, tendo um deles sido condenado a 50 meses de prisão remível a multa, por peculato.»

Prisão remível a multa? Está bem!

Peliteiro,   às  22:12
0  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

ANF diversifica participações para investigação e tecnologia 

«Diversificação é a palavra de ordem. A ANF tem uma estrutura de participações cada vez mais ampla, cujo crescimento tem privilegiado ao mesmo tempo investimentos em empresas com grandes facturações e em sociedades em fase de arranque na área da biotecnologia.»

Etiquetas:


Peliteiro,   às  22:07
0  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

segunda-feira, 21 de abril de 2008

Treme Sócrates 

Manuela Ferreira Leite avança candidatura com o apoio de Rui Rio

Está decidido o meu voto. Sem dúvidas e com muito entusiasmo e esperança.

Etiquetas:


Peliteiro,   às  19:07
9  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Um Governo fajardo 


6. Proposta de Lei que procede à segunda alteração do Estatuto da Ordem dos Farmacêuticos, aprovado pelo Decreto-Lei n.º 288/2001, de 10 de Novembro

Esta Proposta de Lei, a submeter à Assembleia da República, visa alterar uma norma constante do Estatuto da Ordem dos Farmacêuticos relativa ao medicamento veterinário, tendo em vista estabelecer um exercício mais aberto de prestação de serviços neste campo.

Com esta alteração, e no que diz estritamente respeito ao medicamento veterinário, aquelas actividades poderão ser exercidas por pessoas com qualificações específicas para o efeito, para além do farmacêutico.


Engana-se quem pensa que o circuito do medicamento veterinário dispensa os níveis de controlo exigidos ao medicamento de uso humano e que o impacto da utilização indevida ou inadequada de medicamentos veterinários na saúde pública tem uma relevância limitada. Claro que as implicações dos erros em áreas sensíveis e complexas, como a dos medicamentos, são quase intangíveis - porque nem sempre se consegue associar facilmente a causa ao efeito -, manifestam-se a médio-longo prazo, e portanto não existe percepção da gravidade dos problemas a não ser em surtos episódicos empolgados: nitrofuranos ou depuralinas.

O XVII Governo, e o Partido Socialista, em matéria de política de medicamentos é uma desgraça, disparates constantes, asneira atrás de asneira, não dá uma caixa, são uns fajardos.
Preparam-se agora, conforme se pode prever lendo o texto acima, para cometer mais um erro, uma irresponsabilidade gravíssima: retirar aos farmacêuticos as competências exclusivas que possuem no circuito do medicamento veterinário e «estabelecer um exercício mais aberto» desregulando por completo o sector, ou seja, - usando terminologia apropriada -, mais uma vez os socialistas vão ajavardar o sistema.

Os socialistas são uns javardos

Peliteiro,   às  00:12
1  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

domingo, 20 de abril de 2008

Quidam 

Cirque du Soleil



Muito mais que um circo. Ou a reinvenção do circo.
Recomendo; os seus filhos, também, gostarão.

Etiquetas:


Peliteiro,   às  23:18
0  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Apito encarnado 

Porto 2 - 0 Benfica

Mau resultado. Só duas secas a este Benfica é mau resultado.
De salientar a imensa mole de adeptos benfiquistas nas bancadas das Antas: 1 dúzia deles!...

Etiquetas:


Peliteiro,   às  22:21
4  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

sexta-feira, 18 de abril de 2008

ParaRede e Consiste assinam projecto de fusão 

A ParaRede anunciou ter aprovado hoje o Projecto de Fusão com a Consiste, que é detida a 80% pela Farminveste, que pertece por seu turno à Associação Nacional de Farmácias (ANF), e do qual irá resultar uma das maiores empresas a actuar no mercado das Tecnologias de Informação e dos serviços de Portugal. O processo deverá ficar concluído até ao final do semestre, ficando a ANF com uma participação de 49,5% no capital da nova empresa.

Etiquetas:


Peliteiro,   às  23:40
0  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Jantar de curso - 20 anos 

Jantar do curso de Ciências Farmacêuticas 1982-88;
Sábado, 3 de Maio, no restaurante Zé Carioca à Praça da República;
"concentração" na dita Praça às 20:30H.

Inscrições em jorge@peliteiro.com

Peliteiro,   às  19:46
0  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

José Vicente de Sá Sampaio 

é homenageado e nomeado sócio honorário a título póstumo logo à noite, num jantar no Novotel Vermar, pela Associação Comercial da Póvoa de Varzim, que comemora 115 anos.

Peliteiro,   às  14:10
          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Tendencialmente paga 

«Os portugueses gastaram no ano passado 71 milhões de euros em taxas moderadoras, das quais mais de 2 milhões nas novas taxas de internamento, que entraram em vigor em Abril.
Na altura, Correia de Campos garantiu que a medida não tinha fundamentos económicos


Os socialistas deviam pedir uma emenda à Constituição onde ficasse bem claro que a saúde dos portugueses é tendencialmente paga. Em nome da verdade.

Peliteiro,   às  14:02
0  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

quinta-feira, 17 de abril de 2008

O PSD é grande 

Nas últimas directas não votei em Meneses, votei em Mendes. Se Meneses for novamente a eleições, com certeza não votarei nele; no entanto admiro este seu gesto, este murro na mesa, demonstrando que não está na política - como tantos outros! - que nem uma lapa e que tem a coragem necessária para correr riscos.
Hoje, gostei da entrevista de António Borges.
Desenganem-se os que profetizam a agonia do partido porque o PSD é grande.

Peliteiro,   às  23:57
4  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

coisas injustas 

O Benfica leva cinco do Sporting e o Luís Filipe do PSD é que se demite.

Rodrigo Moita de Deus

Peliteiro,   às  23:55
0  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Os jovens e os ricos são do FCP 

Interessante um estudo sobre a distribuição dos adeptos dos clubes em Portugal, a ler no Footbicancas, "o" blogue de futebol.

Peliteiro,   às  23:25
3  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Charley, pequenino 

Já enfrentei um furacão tropical, o Charley, mas nada que chegue aos calcanhares de uma nortada chuvosa da Póvoa. Estes ventos desamparados, directos do mar frio, são uma boa representação das forças da natureza - assustam!

Peliteiro,   às  23:21
1  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

A coisa, em Espanha, está brava 


Ler mais aqui e ali.

Peliteiro,   às  23:18
0  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Charles Darwin na www 

Os trabalhos de Charles Darwin, incluindo o primeiro rascunho da "A origem das espécies", estão agora acessíveis para todo o mundo, gratuitamente, em versão online. Fenomenal, 20.000 artigos e 90.000 imagens, com a chancela de qualidade da Universidade de Cambridge.


Peliteiro,   às  23:03
0  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Mara Carfagna - Berlusconi é que a sabe 

Conheçam a futura Ministra da família de Itália, Mara Carfagna:


Peliteiro,   às  14:15
2  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

As alegrias do futebol 

Sinceramente, não sei se este ano tive mais alegrias, tantas, com as vitórias do FCP ou com as derrotas do SLB.

Peliteiro,   às  14:10
1  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

quarta-feira, 16 de abril de 2008

Apito encarnado 

Sporting 5 - 3 Benfica

Etiquetas:


Peliteiro,   às  22:30
1  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Cuidado com os Cuidados 

Birrinhas. Queixinhas. Histórias mal contadas. Vassouradas. Já vamos no 3º capítulo deste romance nos cuidados de saúde primários. Mau sinal. A única verdadeira reforma do Ministério da Saúde do XVII assim não vai lá, não passa de um aborto de reforma.

Peliteiro,   às  21:58
1  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Colecção António Piné 


O colega António Piné, da Guarda, confiou a sua colecção de arte à Associação Nacional das Farmácias, ANF, que agora a expõe ao público na sua sede, até 6 de Junho.

Picasso, Dali, Miró, Arpad Szènes, Paula Rêgo, Graça Morais, Vieira da Silva, Júlio Resende, Júlio Pomar, Eduardo Batarda, Nadir Afonso, Rui Chafes, entre muitos outros autores contemporâneos de pintura e escultura.
A não perder, claro.

Peliteiro,   às  21:54
0  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Cartas ao Director 

Caro Dr. Peliteiro, é com muita atenção e regularidade que visito o seu blogue. Venho então por este meio, já que não disponibiliza o seu endereço de e-mail, sugerir-lhe o seguinte: e que tal uma breve "dissertação" sobre o estado da profissão farmacêutica no panorama actual? É preocupante assistir à relegação, progressiva, para segundo plano, da profissão farmacêutica. Quando em programas em que a temática é o medicamento não há um farmacêutico sequer entre o painel de convidados é porque algo está mal, só pode estar mal (ver Sociedade Civil de 14 de Abril, RTP2, disponível online em www.rtp.pt). Em vez do farmacêutico, está uma endocrinologista (!!!) a falar, pasme-se, das diferenças entre produtos "naturais" e medicamentos! Que formação? Que competência? E este não é um caso pontual. Esta é, infelizmente, cada vez mais, a prática comum, não oficialmente (para quando oficialmente? Por este andar, por exemplo, qualquer dia um mero técnico poderá ser director de uma farmácia!). É também triste observar a inércia da Ordem dos Farmacêuticos, que de interventiva no âmbito das várias questões de saúde nada tem, sendo por vezes, quase esquecida. Pergunto-me se será este o caminho que os farmacêuticos querem para a sua profissão. A perda de visibilidade, credibilidade e influência é, cada vez mais, uma infeliz realidade.



Caro Colega,
Eu vi esse debate na RTP-N. Também fiquei admirado com a ausência de um Farmacêutico. É mau sinal, sobretudo da parte da RTP, que revela ignorância e ligeireza. [Outra que me espantou no debate foi um professor de nem percebi o quê a falar grosso, a dizer que de ciência percebia ele, que também era doutorado, e a calar os assustados professores de endocrinologia, da OM, e nutricionismo.]
Não nos podemos esquecer que este Governo - mas não só - tem efectuado uma campanha negra sobre a profissão (uma profissão que sabe demais, uma profissão que pode ser incómoda).
Quanto à «breve "dissertação" sobre o estado da profissão farmacêutica no panorama actual» fica registada a sua proposta. Para quando houver tempo / disposição (um tema complexo que exige algum trabalho e fôlego que neste momento - hoje, pelo menos -, sinceramente, não tenho).
Mas o Colega - bem se vê - escreve bem e tem ideias. Partilhe as suas impressões connosco, envie-me o texto (o correio-e do blogue é peliteiro@gmail.com) que publico aqui. Sem censura.

Peliteiro,   às  21:50
5  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Tachos 

A propósito do tacho de Jorge Coelho tenho-me lembrado do meu inimigo de estimação Correia de Campos. O homem está encostado, encalhado, lá na sua Escola, afastado da ribalta, do poder, de que tanto gosta. Bem sei que vale pouco, mas ninguém lhe arranja um tachito?

Peliteiro,   às  21:42
0  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Como despachar um gajo ? 

Uma das coisas que se pode fazer enquanto se vê um jogo de futebol do campeonato dos segundos é analisar as proveniências das entradas no blogue, através dos registos do contador. É um passatempo divertido e há entradas fantásticas; por exemplo, hoje veio cá um tipo à procura de saber «como despachar um gajo?».

Peliteiro,   às  21:32
0  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

terça-feira, 15 de abril de 2008

Um Governo espúrio 

Portugueses estão a comprar medicamentos ilegalmente através da Internet

A contrafacção de medicamentos é um problema de saúde pública que preocupa todos os Governos sérios. A venda de medicamentos pela internet é um dos canais predilectos dos contrafactores.
O Governo Sócrates e Correia de Campos, na ânsia de bem fingir que afrontava lóbis, teve a ideia peregrina de promover em Portugal a venda de medicamentos pela internet (faça-se uma pesquisa no google para ver as muitas manchetes promocionais nos jornais). Um Governo, ele próprio, espúrio.

Peliteiro,   às  14:28
5  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Casa da Saúde 

Não conheço em pormenor o projecto e as intenções da Sanusquali e da sua rede de Casas da Saúde. Sei apenas que individualidades e investidores de peso estão envolvidos.
E sei que desde o início não lhes vaticinei grande sucesso: o projecto depende de convenções com o SNS, ADSE e demais subsistemas dependentes do Estado - ora, num sector onde a fraude é comum e as convenções estão congeladas há 10 anos, é preciso muito mais que ter influência e dinheiro para implementar um projecto destes, é preciso contratar um Jorge Coelho !
Se não há um Jorge Coelho, de facto o melhor é desistir.

Peliteiro,   às  14:28
0  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Nas ondas da rádio 

Hoje, às 16h, quem estiver na região do Porto sintonize a sua rádio na frequência 90.0 – Rádio Clube Português.
Carlos de Abreu Amorim, CAA, o homem que denunciou ao país a convicção de impunidade dos poderes públicos no caso Legionela, vai ser entrevistado. Sobre o Porto, blogues, política, futebol e etc., etc.
A não perder (presumo que não aconselhável para sulistas).

Peliteiro,   às  14:14
0  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

segunda-feira, 14 de abril de 2008

O decote de Angela Merkel 

Etiquetas:


Peliteiro,   às  19:59
5  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Etiquetas:


Peliteiro,   às  19:56
0  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

domingo, 13 de abril de 2008

Fracassado 

«Luís Pisco, formalizou a sua demissão à ministra da Saúde na passada terça-feira, por considerar ser "incapaz de levar para a frente a tarefa de reconfiguração dos centros de saúde", mas Ana Jorge, está a tentar demovê-lo

Já em Fevereiro o tínhamos defendido: Luís Pisco é um estorvo na implementação do novo modelo dos cuidados de saúde primários, os números e os incumprimentos dos objectivos não mentem, o processe decorre a velocidade de caracol. Luís Pisco finalmente reconhece-o, sente-se acossado e sabe que o fim está próximo.
Francisco George, com as suas trapalhadas e agora com a lei do tabaco, e Vasco Maria, que atascou o Infarmed, bem podiam juntar-se-lhe.


Adenda: «Pisco mantém-se». Considera-se incapaz mas mantém-se. Está bem. Por quanto tempo?
Adenda: Afinal a Ministra demitiu 8 dos 12 elementos da MCSP. O Dr. Pisco mesmo assim não terá vida longa: a missão não ata nem desata - nem com o uso da força.
Ler mais.

Peliteiro,   às  21:27
9  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Racionar em saúde 

«Desde há muitos anos que a Connie me ajuda-me a tomar banho. Eles dizem que a Connie se tornou muito cara. Uma pessoa estranha está agora a ajudar-me. Na próxima vez, será outra pessoa estranha... Qual a diferença entre isto e despir-me para toda a Holanda.»


Via Rosamármore.

Peliteiro,   às  21:11
1  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Etiquetas:


Peliteiro,   às  20:54
0  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Serenata ao fado de Coimbra em Braga 

Excelente a serenata ao fado de Coimbra no Theatro Circo em Braga. Um sucesso, muitos antigos estudantes de Coimbra, casa completamente cheia. Deixo-vos umas fotografias e uns filmes (piratas, sem flash) para se aperceberem do ambiente fantástico:





Peliteiro,   às  19:21
0  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

sábado, 12 de abril de 2008

Um país a fingir 

Para um Governo que começou a fanfarronar, a falar grosso, a gritar que enfrentava lóbis e corporações, até dá dó ver tanto recuo, tanta derrota, tanto golpe de rins:
«a avaliação de desempenho dos professores terá apenas em conta quatro parâmetros; os efeitos negativos das classificações de "regular" ou "insuficiente" estarão condicionados a uma nova avaliação a realizar no ano seguite.»
Ou seja os professores serão avaliados como já são os alunos: passa toda a gente!
Siga a rusga!

Peliteiro,   às  12:28
0  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

sexta-feira, 11 de abril de 2008

Pica-pau 

No meu tempo de Liceu os rapazolas mais espigados, mais galarós, iam para o café "Pica-pau" jogar bilhar, fumar uns "Definitivos" e, sobretudo, mandar umas "bocas" à desgarrada, a ver qual o mais espertinho, o mais engaçadinho. Aposto que a maior parte deles ainda por lá anda, que de lá nunca saiu, mas com a mania que são finos, a mandar "bocas" uns aos outros.
Os debates quinzenais no Parlamento lembram-me sempre, cada vez mais, o ambiente do "Pica-pau".

Peliteiro,   às  23:43
0  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Apito encarnado 

Benfica 0-3 Académica


Acadé
mica!

Acadé
mica!

Acadé
mica!

Ó Briosa, ó briosa...

AAC - Associação Académica de Coimbra

Etiquetas:


Peliteiro,   às  23:33
7  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Economia, arte, sexo e política 


57.000 €


Carla Bruni

42.000 €


Gisele Bündchen


Ontem na Christie's

Peliteiro,   às  13:43
3  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

quinta-feira, 10 de abril de 2008

Vale a pena reclamar? 

Até hoje só reclamei três vezes em livro próprio. A primeira vez na Repsol, a segunda no Metro do Porto e a terceira, ontem, no SEF.
Nesta última vez confesso que reclamei não por convicção, não por entender que com a minha reclamação contribuía para que outros cidadãos não fossem futuramente prejudicados, mas, sobretudo, porque estando a morrer de tédio pela espera, sem nada que fazer, sem o blogue para desabafar, aproveitei o vazio do tempo e escrevi no livro de reclamações.
E porque reclamei sem convicção? Porque nas duas primeiras vezes em que usei o livro de reclamações ninguém se dignou a responder-me. Ninguém! O que me leva a presumir que nunca foram tratadas, que foram directamente para o caixote do lixo.

Daí que, neste país a fingir, nesta choldra, o Estado obrigou milhares de empresários, de pequenos empresários, a comprar um livro de reclamações e a afixar o respectivo cartaz apenas para fingir que nesta choldra se dá atenção aos consumidores, quando o que se pretendia era obter mais umas receitas para os cofres do Estado.

Vale a pena reclamar? Claro que não! Vale a pena é emigrar.

Peliteiro,   às  23:43
3  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Receitas do Boticário 

No fundo, um laboratório é como uma cozinha e, portanto, quem sabe de laboratórios também sabe de cozinha (já o inverso não é verdadeiro, note-se). Assim, embora não tenha praticado muito, sei que um dia que me dedique à cozinha, serei um bom cozinheiro - lá para a reforma.
Mesmo sem grande prática, volta e meia faço uns petiscos saborosos e volta e três quartos divulgo aqui (não me apetece procurar os links) alguns dos meus segredos.

Hoje apresento-vos uma receita tradicional minhota (julgo eu) que me leva a recordar os paladares da infância e que no jantar de hoje preparei para entrada:

Broa frita


A partir de uma broa ressessa (mas sem estar VarzimLazer, ou seja sem bolores) com côdea cortar finas fatias longitudinais.
Numa frigideira verter azeite virgem bom (não precisa de ser excelente) até fazer um filme de cerca de 3 mm. Aquecer em lume forte até atingir uma alta temperatura.
Fritar as fatias da broa até apresentarem um aspecto torrado e um cheiro a pipocas. Virar e fritar do outro lado.

Servir imediatamente, ainda bem quente, em doses individuais pequenas. Acompanhar com vinho verde tinto a ~5ºC.
Uma delícia. E mais fácil que estrelar um ovo.

Peliteiro,   às  23:12
1  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Mudar de vida aos 40 anos 

É desta que abandono os diplomas de Boticário e começo uma nova vida profissional.
Se ainda aceitarem inscrições o J. Ferreira que se cuide...

Peliteiro,   às  23:09
2  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 


Peliteiro,   às  23:08
1  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

O típico adepto benfiquista 


Peliteiro,   às  23:05
0  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Inesperado 

Parlamento Europeu vota a favor de um possível boicote à inauguração dos Jogos Olímpicos.
E eu que pensava que a Europa era incapaz de tomar decisões difíceis em política internacional. Surpresa, uma boa surpresa esta.



Peliteiro,   às  14:26
0  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Produções Fictícias 

«Se for necessário reduzir o orçamento e tornar a equipa (do Varzim) menos competitiva, o clube pode contar com o meu apoio e da Câmara Municipal.»
Macedo Vieira, Presidente da Câmara

Peliteiro,   às  14:12
5  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

quarta-feira, 9 de abril de 2008

Acompanhantes de luxo 

Todos os anos perco uma boa parte do dia no Serviço de Estrangeiros e Fronteiras, SEF, no Porto. Tenho uma empregada Brasileira - e sem ela com certeza que este blogue não teria tantas trenguices, a esta hora estaria provavelmente a lavar louça ... - que necessita de renovar o visto, ou sei lá quê, anualmente.
O SEF é o rei da mau atendimento de entre todas as reparticipações públicas que conheço. Para um imigrante recentemente chegado ao país, o SEF dá a pior imagem possível de Portugal: incompetência, desorganização, esquemas manhosos, arrogância e abuso de poder.

Sempre vi imigrantes - especialmente aqueles com mais dificuldades de comunicação - com acompanhantes, presumo que profissionais, capazes de "desenrascar" e de criar aparentes cumplicidades com os funcionários do SEF. Nada de anormal ou inesperado.
Este ano apercebi-me de um fenómeno novo. Advogados acompanhantes de imigrantes têm prioridade e não respeitam a metodologia, manhosa, de chamada para atendimento; desta forma no intervalo de tempo, longo, que eu espero para ser atendido, um acompanhante advogado pode "aviar" meia dúzia de imigrantes.

A que propósito os advogados têm prioridade de atendimento nos serviços públicos?
A única explicação que me ocorre é o facto de a maioria dos deputados da AR serem advogados.

Peliteiro,   às  21:59
5  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Também quero! 

A Ministra da Saúde, médica, vai passar a pagar 30€ por cada consulta de medicina familiar no domicílio. Parece-me justo e acertado.
Não se pode é esquecer que há outros profissionais de saúde que também fazem domicílios, nomeadamente - puxando a brasa à minha sardinha - os analistas clínicos, a quem pagam uma miséria.
Numa organização, quando se aumentam uns e se esquecem outros criam-se focos de tensão muito prejudiciais.

Peliteiro,   às  11:05
0  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

terça-feira, 8 de abril de 2008

Uma noite do Fado de Coimbra em Braga 


Para os antigos estudantes de Coimbra - mas não só - no Teatro Circo em Braga, no próximo Sábado, dia 12 de Abril, pelas 21:30h, por uns módicos 10 euros é possível ouvir:
  • Antigos Orfeonistas da Universidade de Coimbra, dirigidos pelo Maestro Virgílio Caseiro;
  • Grupo de Fados Serenata de Coimbra, vozes de Angelo Araújo, Alcindo Costa, Tito Costa Santos e Barros Ferreira;
  • Grupo de Fados Presença de Coimbra, voz de Jorge Cravo;
  • Grupo de Fados da Associação de Antigos Estudantes de Coimbra em Braga, vozes de, Jaime Leite, Vítor Barreto;
  • Grupo de Fados e Serenatas da Universidade do Minho;
  • e ainda a presença das seguintes individualidades do Fado de Coimbra, que naturalmente também actuarão: Luís Goes; António de Almeida Santos; Camacho Vieira; Fernando Rolim e Napoleão Amorim.

Peliteiro,   às  23:51
1  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Airis Kira a 299 euros 

Não é ficção nem vem da Ásia. Agora já podemos comprar um computador portátil, Airis Kira, por 299 euros, aqui na vizinha Espanha.
Depois dos voos, dos carros, dos hóteis, agora dos PC, só falta mesmo um país com impostos low cost.

Peliteiro,   às  23:38
4  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

segunda-feira, 7 de abril de 2008

A loja do Sr. Avelino 

Deixei de ler, há tempos, sobre gestão. Livros de gestão ensinam pouco sobre gestão - prefiro livros de filosofia e de sociologia e aprendo muito, sobretudo, a observar casos de gestão.
Com as grandes empresas, com o desempenho dos gestores das grandes empresas também aprendemos pouco: mastodontes pouco eficientes e com pequena capacidade de adaptação que se impõe apenas pelo proteccionismo dos Estados, pela subversão das regras da concorrência e, claro, pela vantagem da dimensão actual que permite ofuscar a entrada de pequenos potenciais concorrentes. Se um dia a cerveja Cintra vier a disputar quotas de mercado com a Unicer e a Centralcer, aí sim teríamos um caso interessante para estudar - mas isso nunca vai acontecer, seja lá quem for o gestor da Cintra; por outro lado, qualquer meco geria com sucesso a Unicer ou a Centralcer, que é como quem diz a EDP, GALP, etc., etc..
Aprende-se muito é com as pequenas empresas, com os gestores, que crescem e têm sucesso em meio completamente adverso, contra ventos e marés, disputando o mercado aos ricos e poderosos, aos tubarões, e que contrariando todas as expectativas se impõe fidelizando e conquistando todos os dias nova clientela, usando expedientes engenhosos e ferramentas inovadoras, empíricas, desenvolvidos a partir de um apurado instinto de sobrevivência.

Um dos melhores comerciantes da Póvoa que conheço é o Sr. Avelino. O Sr. Avelino tem uma mercearia tradicional, pequena, numa rua nada comercial, sem estacionamento fácil, sem visibilidade, sem nada; supostamente seria uma mercearia para servir unicamente o quarteirão onde está implantada, classe média-baixa, reformados, poucas compras por impulso, poucos frequentadores de lojas gourmet.
Há uns anos atrás, com a entrada em força da grande distribuição, todas a rede do chamado comércio tradicional foi seriamente afectado. Os hipermercados praticaram uma política de preços avassaladora - e um conceito de vendas moderno, atractivo, profissional - com a qual os pequenos negócios não conseguiam competir. Como consequência desta política de terra queimada verificou-se uma razia generalizada, resultando no extermínio quase completo do pequeno comércio.
E porque serei eu cliente do Sr. Avelino? Não moro perto, não passo perto, não páro perto, não tem preços extraordinários nem produtos exclusivos. E porque destaco aqui o Sr. Avelino, que terá a sua loja de extraordinário? Nada, vulgar de Lineo.
Um dia destes foi divulgado na comunicação social o resultado de um estudo que sublinhava a importância das crianças nas opções de compra do agregado familiar - O Sr. Avelino descobriu isto há muito e esse é o seu principal segredo: a partir de um conjunto de produtos muito apelativos para os jovens adolescentes e pré-adolescentes (do tipo croissant com chocolate, aquecido, e lata grande de Sumol), a preços imbatíveis, conseguiu angariar jovens clientes de várias proveniências - do futebol do Varzim, do hóquei do desportivo, do bodybord e do surf, do vólei da praia, das escolas de música, etc. - e conseguiu a fama de barateiro que, não se aplicando a todos os produtos, se torna um factor de aproximação também para os pais destes clientes; os filhos fazem publicidade junto dos pais, os filhos levam os pais, o atendimento é rápido e simpático, os preços - sei lá - parecem bons, o ambiente é acolhedor e familiar e já está: casa sempre cheia, clientela fiel.

Peliteiro,   às  23:22
3  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Sezures 

Simpatiquíssimo, mas imerecido e manifestamente exagerado, o destaque que me foi concedido por José Luís Araújo no seu blogue. Sezures é terra de gente boa, sincera, e por isso, confesso, que apreciei muito esta referência.

Sezures é uma das mais pequenas 49 freguesias de Vila Nova de Famalicão, bem localizada (a cerca de 15 km de Braga e a 10Km de Famalicão), mas de certa forma isolada, sossegada, bastante rural e rodeada por uma bonita paisagem Minhota. Um bom sítio para ter uma casa de fim-de-semana.
Lembro-me de em pequeno ir com o meu pai à festa de S. Vicente, uma genuína romaria do Minho, e lembro-me dos passeios e piqueniques, pelo Verão, no magnífico "Penedo das letras", um penedo enorme com uma vista fabulosa sobre o vale do Ave, cravado com - diz a lenda - as patas de cavalo de D. Miguel e com umas inscrições antigas.
Há muito que não vou a Sezures - e tenho pena, porque merece a pena.

Peliteiro,   às  23:12
2  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

domingo, 6 de abril de 2008

Tetra 

Para o ano seremos Tetracampeões.
(Doa a quem doer)

Peliteiro,   às  23:14
5  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Apito dourado 

1. FC Porto63
2. Benfica45
3. V. Guimarães45
4. Sporting43

Peliteiro,   às  23:07
0  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Apito encarnado 

Boavista 0-0 Benfica

Etiquetas:


Peliteiro,   às  23:05
0  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

sábado, 5 de abril de 2008

Tri 

Hoje seremos tricampeões!
(apesar dos vermes)

Peliteiro,   às  18:04
4  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

sexta-feira, 4 de abril de 2008

Coisas realmente importantes 

Amanhã há praia!


Peliteiro,   às  13:16
7  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

quinta-feira, 3 de abril de 2008

Isto é mais difícil de interpretar que uma gasimetria 

A partir do próximo ano, a gestão do Hospital Amadora-Sintra vai sair das mãos do Grupo Mello e vai passar a ser gerido pelo Estado.

Os grupos privados que vão gerir os hospitais de Cascais, Braga, V. F. de Xira e Loures garantem que gastarão menos 777 milhões do que o Estado.

Peliteiro,   às  23:37
1  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Jorge de Sá Peliteiro defende fim da RTP 

Ramalho Eanes defende fim da publicidade na RTP

Peliteiro,   às  23:13
0  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Ministro do Ensino Superior deveria ir para o desemprego 

Ministro do Ensino Superior diz que licenciados não sofrem de desemprego

Peliteiro,   às  23:11
0  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

quarta-feira, 2 de abril de 2008

Renato Matos 

O PS da Póvoa de Varzim vai a eleições no próximo Sábado. Não sou do PS, nem gosto de Socialistas, abomino Mário Soares, Almeida Santos, Guterres, Sócrates - sobretudo este! - e restante tralhada apensa.
Mas não poderia deixar de tomar posição numa eleição tão importante para o futuro da cidade que escolhi para viver e onde pago os meus, muitos, impostos e taxas, tão chorados por mal empregues.

Claro que apoio o candidato Renato Matos, um homem com a energia e a inteligência necessária para enfrentar o caciquismo anquilosado e bolorento deste poder local. Renato Matos é a única esperança de modernidade e democracia para esta cidade.

Etiquetas: ,


Peliteiro,   às  23:58
4  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Ladrão que rouba a ladrão 

O gabinete da ministra Ana Jorge garantiu que «as novas regras para as convenções estão em preparação, devendo ser postas à discussão pública ainda este MARÇO».

Março já se foi e nada!

Siga AQUI este verdadeiro escândalo na Saúde, com início em Outubro de 2006!!!
Um sector onde há fraude num quinto dos serviços convencionados, pagos por todos nós, e onde o Estado nada faz - consente!
Será porque ladrão que rouba a ladrão tem 100 anos de perdão?

Etiquetas:


Peliteiro,   às  00:18
0  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Afinal o natural também faz mal 

Suspensão da comercialização e do consumo de Depuralina.

Talvez os néscios que dizem que um produto natural nunca faz mal se convençam que isso é uma grande léria.



______________________________________________

A propósito deste caso - disclaimer: a propósito mas sem relação directa, sabendo que não há ainda evidência objectiva da nocividade da Depuralina, mas apenas fortes suspeitas; escreverei sobre produtos com indicações terapêuticas veladas. - quatro questões:

  1. Como é possível que Farmácias - presumo que poucas -, unidades de saúde, vendam e promovam produtos que também se vendem em ervanárias e dietéticas - ou lá o que seja isso - e que tenham como slogan promocional, por exemplo, «Sabia que, o seu corpo acumula entre 2 a 20kg de resíduos?»?
  2. Quem regula e como se regula o exercício profissional nas ervanárias, dietéticas, gabinetes de naturopatia - ou lá o que seja isso -, a que requisitos devem obedecer estes locais de venda, e quem controla a eficácia, segurança e qualidade da parafernália destes produtos "naturais", suplementos alimentares, milagres para emagrecer e quejandos mais ou menos inócuos?
  3. Se um dia, na ausência de mecanismos legais de farmacovigilância, um produto destes for vendido e tiver consequências fatais, mesmo depois dos avisos de retirada de mercado publicados nos jornais, de quem é a responsabilidade?
  4. Porque carga de água o Ministério da Agricultura está envolvido nestes assuntos? Pelas avestruzes?!

Peliteiro,   às  00:06
5  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Furacão dourado 

Muito gostava que se falasse tanto da Operação Furacão como do Apito Dourado.
Apenas porque aquela mexe com dinheiros públicos e este não - só isso, não se ponham com comentários clubísticos.

Peliteiro,   às  00:05
1  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Gratuitos 

Se o jornal gratuito espanhol 20 minutos, na sua versão online, é há anos uma leitura diária sobretudo pela rapidez de edição e pela estrutura da apresentação das notícias, ordenadas cronologicamente, o jornal gratuito português Destak, versão online, tem vindo a ganhar peso nas minhas preferências pelas mesmas razões. O futuro é dos gratuitos, mesmo online?

Peliteiro,   às  00:04
0  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

1º de Abril 

Afinal o blogue não acabou nada. Pediram-me muito, insistiram, suplicaram-me e eu voltei - não é bem isto, foi apenas uma palermice de 1º de Abril.

Peliteiro,   às  00:01
4  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

terça-feira, 1 de abril de 2008

Este blogue acabou 

Devido a pressões incontornáveis vejo-me obrigado a terminar este blogue. Adeus. Encontramo-nos por aí.

Peliteiro,   às  00:10
15  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

ARQUIVOS

Maio 2003      Junho 2003      Julho 2003      Agosto 2003      Setembro 2003      Outubro 2003      Novembro 2003      Dezembro 2003      Janeiro 2004      Fevereiro 2004      Março 2004      Abril 2004      Maio 2004      Junho 2004      Julho 2004      Agosto 2004      Setembro 2004      Outubro 2004      Novembro 2004      Dezembro 2004      Janeiro 2005      Fevereiro 2005      Março 2005      Abril 2005      Maio 2005      Junho 2005      Julho 2005      Agosto 2005      Setembro 2005      Outubro 2005      Novembro 2005      Dezembro 2005      Janeiro 2006      Fevereiro 2006      Março 2006      Abril 2006      Maio 2006      Junho 2006      Julho 2006      Agosto 2006      Setembro 2006      Outubro 2006      Novembro 2006      Dezembro 2006      Janeiro 2007      Fevereiro 2007      Março 2007      Abril 2007      Maio 2007      Junho 2007      Julho 2007      Agosto 2007      Setembro 2007      Outubro 2007      Novembro 2007      Dezembro 2007      Janeiro 2008      Fevereiro 2008      Março 2008      Abril 2008      Maio 2008      Junho 2008      Julho 2008      Agosto 2008      Setembro 2008      Outubro 2008      Novembro 2008      Dezembro 2008      Janeiro 2009      Fevereiro 2009      Março 2009      Abril 2009      Maio 2009      Junho 2009      Julho 2009      Agosto 2009      Setembro 2009      Outubro 2009      Novembro 2009      Dezembro 2009      Janeiro 2010      Fevereiro 2010      Março 2010      Abril 2010      Maio 2010      Junho 2010      Julho 2010      Agosto 2010      Setembro 2010      Outubro 2010      Novembro 2010      Dezembro 2010      Janeiro 2011      Fevereiro 2011      Março 2011      Abril 2011      Maio 2011      Junho 2011      Julho 2011      Agosto 2011      Setembro 2011      Outubro 2011      Novembro 2011      Dezembro 2011      Janeiro 2012      Fevereiro 2012      Março 2012      Abril 2012      Maio 2012      Junho 2012      Julho 2012      Agosto 2012      Setembro 2012      Outubro 2012      Novembro 2012      Dezembro 2012      Janeiro 2013      Fevereiro 2013      Março 2013      Abril 2013      Maio 2013      Junho 2013      Julho 2013      Agosto 2013      Setembro 2013      Outubro 2013      Novembro 2013      Dezembro 2013      Janeiro 2014      Fevereiro 2014      Março 2014      Abril 2014      Maio 2014      Junho 2014      Julho 2014      Setembro 2014      Outubro 2014      Novembro 2014      Dezembro 2014      Janeiro 2015      Fevereiro 2015      Março 2015      Abril 2015      Maio 2015      Junho 2015      Julho 2015      Agosto 2015      Setembro 2015      Outubro 2015      Novembro 2015      Dezembro 2015      Janeiro 2016      Fevereiro 2016      Março 2016      Abril 2016      Junho 2016      Julho 2016      Agosto 2016      Setembro 2016      Outubro 2016      Novembro 2016      Dezembro 2016      Janeiro 2017      Fevereiro 2017      Março 2017      Maio 2017      Setembro 2017      Outubro 2017     

 

Perfil de J. Soares Peliteiro
J. Soares Peliteiro's Facebook Profile

 


Directórios de Blogues:


Os mais lidos


Add to Google

 

 

Contactos e perfil do autor

 

 

Portugal
Portuguese flag

Blogues favoritos:


Machado JA

Sezures

Culinária daqui e d'ali

Gravidade intermédia

Do Portugal profundo

Abrupto

Mar Salgado

ALLCARE-management

Entre coutos e coutadas

Médico explica

Pharmacia de serviço

Farmácia Central

Blasfémias

31 da Armada

Câmara Corporativa

O insurgente

Forte Apache

Peopleware

ma-shamba



Ligações:

D. G. Saúde

Portal da Saúde

EMEA

O M S

F D A

C D C

Nature

Science

The Lancet

National library medicine US

A N F

Universidade de Coimbra


Farmacêuticos sem fronteiras

Farmacêuticos mundi


This page is powered by Blogger. Isn't yours?

Creative Commons License
Licença Creative Commons.