<$BlogRSDUrl$> Impressões de um Boticário de Província
lTradutor Translator
Amanita muscaria

Impressões de um Boticário de Província

Desde 2003


quarta-feira, 31 de agosto de 2005

Soares não é fixe 

Uma vez, há muitos anos, Mário Soares entrou no bar da AAC, em campanha eleitoral, cumprimentando efusivamente todos que lhe apareciam pela frente.
Ao vivo é uma figura mais imponente do que na TV; ou era. Fixei o pormenor do cabelo, impecavelmente aparado. Um homem distinto, no aspecto e no trato, sem dúvida.

Quando se abeirou de mim estendeu-me a mão, sorrindo. Olhei-o nos olhos, calmamente, durante breves momentos, e não o cumprimentei.

Ele ignorou-me e rapidamente prosseguiu.
Cadeira Presidencial
Isto foi há muitos anos, hoje não faria isso com certeza.

Na altura condenava-o, sobretudo, por considerar ser ele um dos principais responsáveis pela descolonização e pelas suas dramáticas consequências.

Hoje continuo a pensar que a descolonização podia ter ocorrido de outra forma, e julgo também que Mário Soares é um político abjecto, ao serviço dos interesses da Maçonaria, do lobbying da Internacional Socialista e da corja dos seus amigos.

Portanto, se calhar, talvez não o cumprimentasse outra vez. E não votarei nele, claro.

Agora, tenho que dizer duas coisas, não propriamente em sua defesa, mas que são coisas que me parecem verdadeiras e não adianta escamotear.
Soares não é velho nem gagá, vai fazer uma campanha matreira e jovial.
Soares é decidido, corajoso e determinado.

Estas duas razões colocam a sua candidatura numa posição muito vantajosa, hoje. Somada a sua experiência política e as suas influências teremos o velho Mário Soares de novo sentado nesta cadeira.

Peliteiro,   às  23:49
2  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

terça-feira, 30 de agosto de 2005

Pessoal... e Transmissível 

Sabe bem, no fim de um dia de trabalho, ouvir as entrevistas inteligentes de Carlos Vaz Marques no Pessoal... e Transmissível.

Em tempos ouvia a Bancada Central. Ganha agora o meu estômago e o meu cérebro.

Aprende-se muito ouvindo os convidados, pessoas interessantes, bem seleccionados, e dá gosto apreciar o profissionalismo e a perspicácia do entrevistador.

Recomenda-se, de segunda a sexta.

Peliteiro,   às  23:51
6  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

A mim ninguém me cala! 

Manuel Alegre fez uma boa análise do estado do país, na fase inicial do seu discurso.
Depois não disse mais nada.
O peso dos partidos é sufocante: afinal, não há sempre alguém que resista, nem há sempre alguém que diga não.

Peliteiro,   às  23:45
2  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

domingo, 28 de agosto de 2005

Isto tá bom é pás aranhas 

O guarda da garagem onde deixo o carro no Porto recebe-me sempre com umas frases simpáticas, Lycosa tarentulaa mais das vezes sem significado nenhum, do género: «está sol», «está frio», «está mau»...
Quando lhe respondo, nem que seja apenas com um «pois está» alonga-se e diz coisas como «isto tá tudo entregue à bicharada», «está como há-de ir», «é tudo uma ladroagem», «já não há vergonha»...

Desta vez lançou-me um «Isto tá bom é pás aranhas» que me atordoou.

Desconcertado retorqui: «Pás aranhas?»

«Pois atão num sabe?» «Cum estes incêndios todos pá-í espalhados, morre tudo, depois bem as aranhas que é quem começam tudo de nobo, as aranhas som a bida noba, sem aranhas não habia bida... Bi na televisom...»

Fiquei então a saber que para além dos evolucionistas e dos criacionistas havia também os aranhistas. Sabedoria popular; aprende-se até morrer!


Os prejuízos biológicos dos incêndios não se ficam pela flora, também a fauna é dizimada. E realmente, soube depois, as aranhas (na foto uma tarântula mediterrânica, Lycosa Tarentula, carregada de crias) são dos primeiros animais a colonizar as àreas queimadas e desempenham um importante papel na regeneração dos ecossistemas.


O El Pais publica hoje uma «reportaje», «Las ilusiones devastadas de Portugal», sobre os incêndios em Portugal, relacionando-os com a crise económica e a depressão colectiva que nos assolam.
É sempre bom ter uma visão estrangeira relativa a acontecimentos nacionais. Conseguem-se análises mais isentas, mais descomprometidas. Mas é desagradável quando o quadro traçado não é o mais favorável: «Este verano, las llamas que devastaron Portugal se transformaron además en una metáfora de una cierta impotencia general del país ante muchos otros problemas estructurales que limitan su crecimiento y modernización». Imagino o sorriso irónico dos leitores e irrito-me!

Como é que os espanhóis conseguem ter uma economia pujante e equilibrada?
É-me difícil entender. Enquanto que é fácil de perceber como um Alemão, um Inglês, um Japonês ou um Americano é mais produtivo, mais organizado, mais competente, já o é mais dificíl de perceber em relação a um Espanhol.
Que factores explicam o avanço da Espanha relativamente a Portugal?
Um Galego é igual a um Minhoto, só que menos esperto. No entanto eles prosperam e nós estagnámos. Em Portugal só está bom é para as aranhas!

Etiquetas:


Peliteiro,   às  23:54
6  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

sábado, 27 de agosto de 2005


Peliteiro,   às  19:51
2  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

sexta-feira, 26 de agosto de 2005

Dantes 


"... o vinho de Tormes, caindo do alto, da bojuda infusa verde - um vinho fresco, esperto, seivoso, e tendo mais alma, entrando mais na alma, que muito poema ou livro santo..."


No primeiro trago do Tormes, por misteriosa associação de ideias lembrei-me dos correios de antigamente.

Dantes, sabíamos que àquela hora haveria de chegar um carteiro, bem ataviado, montado numa bicicleta de raios reluzentes, com ar simpático e prestável. Trazia cartas e pequenas encomendas remetidas precisamente no dia anterior de um lugar próximo ou distante. E trazia cartas de Angola ou do Brasil, religiosamente recebidas após uma longa viagem mas nunca com maior demora que a esperada. Os correios faziam parte do ritmo de vida das pessoas.
Agora, inventaram o correio azul e o verde, aprenderam a vender livros e lembranças, diversificaram actividades, mas esqueceram-se de como se fazia bem o que era suposto fazerem bem: entregar correspondência. Os carteiros são feios e barbudos, ora chegam de manhã, ora de tarde, ora nunca. Os correios estão em extinção e mais tarde ou mais cedo serão engolidos por uma qualquer UPS ou TNT. Talvez seja esse o objectivo...

*

Um destes dias, passeando entre prateleiras de uma garrafeira, encontrei o Tormes, da Fundação Eça de Queiroz, aquele "pobre homem da Póvoa de Varzim", o meu escritor preferido.
Entusiasmado, peguei numa caixa; depois, com vetusta prudência, optei por só comprar uma garrafa. Para provar.
Chegado a casa, passei na cozinha - deliciando-me com a visão de um belo perú a tostar e extasiando-me com o odor a carne tenra assada - e meti o Tormes no frio. Pouco depois, já na na mesa, prazenteiro, ergo a botelha levemente, à moda Minhota, e aprecio o gracioso chapinhar do vinho no copo.

Olho-o, e parece-me bem, cristalino, ligeira cor citrina. Cheiro e, hum, sinto-o forte para verde. Provo-o e esforço-me por o achar bom, afinal é o vinho cantado pelo Eça, o vinho do Eça. O vinho é fraco. Não presta! Um barrete....


Os ventos da modernidade podem-nos ter dado muitas coisas boas. Mas também estragaram muita coisa!

Peliteiro,   às  00:06
4  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

quinta-feira, 25 de agosto de 2005

Já cheira a campeão... 

F. C. Porto campeão

Peliteiro,   às  23:22
4  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

quarta-feira, 24 de agosto de 2005

Watchdog 

watchdog

Está na ordem do dia a discussão do poder dos blogues em Portugal. Há até quem lhes pretenda chamar o quinto poder.

Como não podia deixar de ser, também eu passo a opinar.

A influência dos blogues no país é perto de zero.
Estatisticamente pode afirmar-se que ninguém lê blogues; quase ninguém lê jornais, quanto mais blogues.

O único modo de descortinar o poder de influência do fenómeno é tomar por verdadeira a afirmação de que muitos "dos que contam" lêem blogues. Só que, neste caso, é sabido que muitos dos que lêem também escrevem, e muitos dos que lêem e escrevem nos blogues também lêem e escrevem em outros meios de comunicação.
Complicado? Claro, típico de um país subdesenvolvido e periférico onde tudo funciona em curto-circuito, em círculos fechados, entre salamaleques e bajulações cruzadas.
Assim, entre "os que contam" a influência dos blogues é, do mesmo modo, perto de zero, mais do mesmo, ruído de fundo.

Pode-se concluir então que a globosfera em Portugal não tem influência nenhuma, não representa o mínimo esboço de poder!
Para uns corresponde a uma pulsão onanista, para outros é uma brincadeira de tempos livres.

É pena. Porque os verdadeiros poderes bem precisavam de uns watchdogs possantes e ferozes.
Talvez um dia, quando "os que não contam" passarem a contar.

Peliteiro,   às  23:26
2  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

 

A Google não pára.
Agora, uma incursão nas mensagens instantâneas, pelo Google Talk.

O mundo das comunicações em revolução.
Pela parte que me toca, vou abandonar a velha PT + Sapo e mudar para a Clix; abandonar a Optimus e aderir à UZO. Verdade.

Hoje, temos que estar sempre atentos, sempre a fazer contas, sempre a marralhar, a comparar tarifas, a auditar qualidade de serviço...

Ufa! Que saudades dos monopólios!

Peliteiro,   às  13:45
3  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

terça-feira, 23 de agosto de 2005

Escravatura 

Porque, mesmo no século XXI, convém não esquecermos.


UNESCO, 23 de Agosto, Dia da memória da escravatura e sua abolição

Peliteiro,   às  14:26
4  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Fires still scorching Portugal 

Vejam este Vídeo. Que imagem, a deste pobre país!

Peliteiro,   às  12:26
0  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

segunda-feira, 22 de agosto de 2005

Coincidência 

Por coincidência, enquanto o primeiro-ministro esteve fora do país, em férias, não houve nenhum incêndio que justificasse a sua presença.
Agora que regressou... já há!

Área queimada até 31JUL05

Desculpem a teimosia, mas para além das causas naturais julgo que na origem de tantos incêndios haverá outras causas directamente relacionadas com o desgoverno e o desleixo que acompanha este país há muitos anos.

E mais. Há parcialidade no tratamento jornalístico da responsabilidade política dos incêndios. Bem sei que a irresponsabilidade e a incompetência vem de há décadas. Mas imaginemos que o primeiro-ministro era ainda Santana Lopes...

Mais ainda. Digam lá o que disserem, Sócrates e Sampaio não podem estar de férias quando tantos Portugueses sofrem esta calamidade.

Não me venham cá com conversas!

Etiquetas:


Peliteiro,   às  22:39
2  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Valha-nos Nossa Senhora da Agonia 


Peliteiro,   às  11:08
1  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

domingo, 21 de agosto de 2005

Viagem ao planeta da farmácia 

A não perder na ACTUAL do Expresso o excelente texto sobre um dos melhores museus de portugal, o Museu da Farmácia.

"Fica na sede da Associação Nacional de Farmácia (ANF), à qual pertence - um belo palacete na Rua Marechal Saldanha. Como seria de esperar de um museu dedicado ao mundo farmacêutico, também este atravessa os longos séculos da história da farmácia. Só que, ao contrário de outros congéneres, o Museu da Farmácia não é exclusivamente dedicado à história do país onde se encontra. Além disso - e ao contrário do que muitos esperariam - tão-pouco um museu é um repositório de antiguidades. Assim, o museu apresenta uma diversidade surpreendente de núcleos dedicados a culturas e civilizações não-europeias: o Egipto e a Mesopotâmia, a China e o Tibete, o Japão, África, Bizâncio, o mundo islâmico ou as civilizações pré-colombianas."

A não perder, uma visita, ainda durante Agosto.

Peliteiro,   às  22:34
2  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Estupidez 

Reconstruí uma casa no cimo dum monte da Serra do Gerês.

Se não fosse estúpido tinha-o feito na Galiza. Nunca se deve investir em Portugal. Estive a pensar nisso esta tarde, foi uma má decisão. Três razões principais:

1 - Na Galiza não há tantos incêndios como do lado de cá da fronteira. Mais dia menos dia o fogo há-de consumir a dita casa.
2 - A construção na Galiza é mais barata. Pelas minhas contas teria gasto apenas 75% do que gastei.
3 - Uma casa na Galiza possibilitava-me residência em Espanha, logo mercedes ao preço de volvos.

Etiquetas:


Peliteiro,   às  22:23
3  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 


Jorge Coelho e J. M. Boquinhas investem na Saúde


O dirigente socialista Jorge Coelho vai abrir nos próximos meses uma clínica de reabilitação física em sociedade com J. M. Boquinhas, ex-secretário de Estado da Saúde e presidente desde Junho, do Conselho de Administração de três Hospitais: S. Francisco Xavier; Santa Cruz e Egas Moniz.

Por opção dos sócios, a Fisicontrol não estabelecerá quaisquer contratos com a segurança social ou com os serviços públicos de saúde e a empresa deverá trabalhar sobretudo com companhias de seguros e subsistemas de saúde privados.



Talvez não seja uma grande ideia, é muito difícil conseguir conseguir licenças de instalação e muito mais convenções com sistemas de saúde.
Há mais de um ano que tento perceber quanto tempo leva a "criar" (como diz o Vital Moreira) um Laboratório de Análises Clínicas e não há meio de conseguir fazer um plano de investimentos.
Talvez Coelho e Boquinhas tenham mais sorte que eu...
Mas sem convenções com sistemas públicos poucos negócios de saúde me parecem ser muito atractivos... Sobretudo na área da reabilitação física uma área susceptível de concorrência desleal, por causa dos doentes que desistem do tratamento ao fim de 2 sessões mas onde se facturam as 50 sessões prescritas pelo médico.

Peliteiro,   às  17:43
0  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

sexta-feira, 19 de agosto de 2005

Ministro tem família em megaperfumaria 

O ministro da Saúde confirmou ao Correio da Manhã ter laços familiares com os proprietários das lojas «Perfumes e Companhia», uma das maiores empresas do sector no País.
Sobrinho de Correia de Campos é marido da dona da cadeia «Perfumes e Companhia» e ambos são farmacêuticos.

Peliteiro,   às  13:56
5  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

quinta-feira, 18 de agosto de 2005

Papa Bento XVI durante a primeira visita internacional do seu pontificado; Colónia


Peliteiro,   às  23:02
2  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Mnsrm; rescaldo 

"No essencial os dados estão lançados: para as pessoas, vai ser mais fácil comprar comprar um analgésico sempre que a cabeça doer. E isso é uma boa notícia. Não está lá um farmacêutico para nos recomendar a posologia? Pois não. No departamento das bebidas alcooólicas também não há nenhum enólogo para nos dizer que beber de mais faz mal à saúde."

Isto pode parecer um dos muitos textos ou comentários de textos que pululam aí pela www, uns bitaites à hora do almoço entre uma bucha e um trago de cerveja ou à noite no intervalo da telenovela.

Mas não!!!

Isto é o parágrafo final do Editorial do Público, assinado por um Director-adjunto, um tal de Manuel Carvalho!!!

Para além do mau português, não sabe o que é um enólogo e muito menos o que é um farmacêutico ou um medicamento. Grande parvo!

Irrita-me tanta gente a falar do que não sabe nada!






Irrita-me também o tendencioso liberal-novo Vital Moreira no Causa Nossa dizer que "culminando um longo processo de elaboração e consulta" (!) a venda de MNSRM fora das Farmácias é um primeiro passo para "a liberalização da criação de farmácias".

O que é a «criação de farmácias» senhor professor?
Fale claro homem!
Quer dizer liberalização da propriedade ou liberalização da instalação? Há uns tempos seria nacionalização. Agora será mais da propriedade, presumo.






Por outro lado gostei do texto do Besugo, Eu quero comprar gasóleo nas retrosarias!. Gostei porque gosto de ler o velho Besugo, muito embora nunca concordemos em nada. Gostei porque nestas alturas de discussão pública de um assunto complexo ouvem-se os maiores disparates vindos das pessoas mais inqualificadas. E o que mais me incomoda é o enxovalhamento raivoso de uma profissão. Gostei de ler "Os médicos deviam reunir-se, frequentemente, com os farmacêuticos. Trabalha-se bem. É a minha opinião". Também é a minha. Se tal acontecesse mais frequentemente talvez a Saúde fosse melhor em Portugal e não se perdesse tanto tempo com trenguices.

Peliteiro,   às  22:57
1  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Correia de CamposÉs tão mau, és tão mau, és tão mau...



Correia de Campos, ministro da Saúde afirmou, ontem, que há um cartel (conjunto de empresas que dominam um sector e combinam preços) nos combustíveis responsável pela subida dos preços desde o início da liberalização, em Janeiro de 2004.
Em entrevista à SIC a propósito da possibilidade de a liberalização dos preços de alguns medicamentos ter o mesmo efeito, Correia de Campos defendeu que se procure prevenir a cartelização dos fornecedores.
As declarações do ministro surpreenderam o presidente da Associação Portuguesa das Empresas Petrolíferas, que as classificou de «desajustadas» e reveladoras «de ignorância ou má-fé».


Conte mais coisas senhor ministro, mais coisas que nós, comuns mortais, não sabemos. Mas gostávamos de saber....

Peliteiro,   às  11:27
4  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 



Amigo Haddock:



Estava a escrever um comentário ao seu texto no O Vilacondense mas saiu muito longo, pelo que resolvi transferi-lo para aqui:

Desculpe, mas penso que o seu raciocínio contém alguns erros:

1- Não há monopólio nenhum! Há 2700 pequenas empresas pertença de ~3000 portugueses que possuem uma carteira profissional específica.
Estas empresas demonstram elevados níveis de qualidade e os clientes, em vários estudos, afirmam elevados níveis de satisfação. A farmácia portuguesa é reconhecida internacionalmente como sendo das mais evoluídas e é inegável que presta serviços de saúde (e sociais) importantes.

2- As medidas anunciadas por este péssimo Governo no que respeita aos MNSRM não têm nada a ver com o que considera "aliviar o cidadão do elevado custo dos medicamentos". Os medicamentos caros não são estes... Uma aspirina custa pouco mais que 10 cêntimos!
A liberalização dos preços não é sinónimo de baixa de preços: faça uma experiência simples, aprece, por exemplo, umas canadianas ou umas lentes graduadas ou umas meias elásticas e anote as diferenças, nomeadamente as verificadas entre o litoral e o interior.

3- O espirito da lei, "não há farmácias, há locais onde profissionais licenciados exercem a sua profissão", não é inconstitucional! Dizem-no os tribunais e vários pareceres de reputados juristas. Aliás, como bem sabe, a legislação Portuguesa não é única.

4- Acredite, não são boas notícias, contextualize e verá que em Portugal não há boas notícias, o caminho é o lodaçal e quem nos guia são os grandes interesses.

Isto sem querer dizer que é tudo perfeito na Farmácia e no medicamento. Resumidamente, que já escrevi inúmeras vezes sobre isso: deviam abrir mais novas Farmácias, permitindo uma maior acessibilidade, e o preço dos medicamentos - dos medicamentos que "pesam", não destes que se fala hoje, que custam 2,5 euros a embalagem - devia ser ajustado para baixo. E isso não se faz porque mais Farmácias representa maior consumo, logo mais despesa e mexer nos preços dos medicamentos implica afrontar a grande indústria.
Um destes dias havemos de almoçar e trocar umas impressões com mais calma.


Peliteiro,   às  00:01
2  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

quarta-feira, 17 de agosto de 2005

Tele-Farmacêuticos 

Confirmado. Agora que conhecemos (Público) o resultado das medidas anunciadas por Sócrates, no discurso de tomada de posse do seu Governo, relativas ao regime de comercialização de MNSRM, podemos concluir:

1 - Lobbying: A anunciada liberalização é afinal um frete ao poder económico dos hipermercados. Interesses!

2 - Demagogia: Não há nenhum benefício para a população, sobretudo do interior, os argumentos principais de defesa da medida - acessibilidade e preços - não são minimamente acautelados. Populismo!

3 - Irresponsabilidade: É unânime a opinião favorável à necessidade do controlo da dispensa de medicamentos por um licenciado em Ciências Farmacêuticas e da regulação da publicidade; o Governo julga que não. Inimputabilidade!

Como é possível um Farmacêutico controlar ou supervisionar o que quer que seja à distância, sentado num gabinete? Disparates!

Isto é só mais um indicador do estado do país: apodrecido!

Peliteiro,   às  14:06
3  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Noites quentes 

Assim quentes, nem no Quénia...


Peliteiro,   às  00:53
1  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Turismo em Trás-os-montes 

Pedras SalgadasNunca fui de férias para o Algarve no Verão. Aqui, na Biarritz portuguesa, em Agosto, mal me atrevo a sair à rua. Gente a mais!
Este ano, passei, pela primeira vez, uns dias em Trás-os-montes. Magnífico. Uma excelente alternativa para férias de Verão. Quase perfeito, não fossem os incêndios e as moscas. Umas belas sestas, gente simpática e acolhedora, boa comida a preços sensatos, sossego, enfim...
Estarei a ficar velho?
Vidago Palace        Golf em Vidago

Peliteiro,   às  00:40
2  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

segunda-feira, 15 de agosto de 2005

O país está bem entregue 

Fiquei a saber que o nosso José Sócrates tem uma pós-graduação à altura do cargo que desempenha: Engenharia Sanitária !

Peliteiro,   às  22:54
4  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Medicamentos e onda de calor 

Informação útil no site do Infarmed:

Informações sobre a utilização dos medicamentos em caso de onda de calor;
Informações sobre a conservação dos medicamentos em caso de onda de calor;
Questões frequentes sobre medicamentos e onda de calor.

Peliteiro,   às  22:45
1  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

sexta-feira, 12 de agosto de 2005

 

"À semelhança do que ocorre desde 1994, vai ter lugar no próximo mês de Agosto mais uma ASTROFESTA, encontro nacional de amadores de Astronomia, em que mesmo os iniciados poderão espreitar pelos mais diversos telescópios, assistir a palestras e conviver com astrónomos experientes, enquanto estes trocarão entre si conhecimentos acerca das áreas específicas a que cada um se dedica.
Esta ASTROFESTA decorrerá entre 12 e 14 de Agosto no Norte do País em Lamas de Mouro - Melgaço.
É objectivo, da organização, proporcionar um excelente convívio, céus bem escuros e transparentes, conforto e convívio saudável para os participantes."

Programa

De notar que a próxima madrugada será a melhor altura prevista para a observação das Perseidas. A não perder!

Perseidas

Peliteiro,   às  14:54
0  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

quinta-feira, 11 de agosto de 2005

Socialismo ? 

"O Governo reduziu hoje para 95% a comparticipação nos medicamentos que suportava na totalidade"

"O Governo elimina ainda, através da publicação deste Decreto-Lei, a beneficiação em 10% da comparticipação dos medicamentos genéricos"

Decreto-Lei n.º 129/2005 Lusa

Peliteiro,   às  15:55
8  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Exclamação 

A Comissão Nacional de Luta Contra o Sida foi extinta!
O Governo criou, no mesmo decreto regulamentar, o Alto Comissariado da Saúde que tem como objectivo «assegurar a direcção do Plano Nacional de Saúde como um todo».

Políticos...

De notar que a CNLCS teve o seu apogeu sob a coordenação da Farmacêutica Odete Ferreira. Após a sua demissão surgiu o nada.

Peliteiro,   às  01:35
1  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

quarta-feira, 10 de agosto de 2005

Forest Fires in Portugal 

A Reuters dedica uma fotogaleria aos incêndios em Portugal. Curiosamente não o faz em relação à Espanha, à França, Itália...



Forest Fires in Portugal - Miguel Vidal  Forest Fires in Portugal - Miguel Vidal  Forest Fires in Portugal - Miguel Vidal  Forest Fires in Portugal - Miguel Vidal  Forest Fires in Portugal - Miguel Vidal  Forest Fires in Portugal - Miguel Vidal  Forest Fires in Portugal - Miguel Vidal


Esta galeria funciona, também, como um meio de propaganda para os piromaníacos de todo o mundo. Para o ano haverá mais fogos, com certeza. Turismo temático...

Etiquetas:


Peliteiro,   às  01:08
1  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

terça-feira, 9 de agosto de 2005

Baía dos porcos 

Incêndio na praia

Em Portugal há incêndios até na praia!


As causas são sempre as mesmas: não limpam as matas - não limpam as praias.

Etiquetas:


Peliteiro,   às  20:26
0  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Terra à vista 


Peliteiro,   às  12:38
0  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Van Gogh: Café Terrace at Night


Peliteiro,   às  00:45
0  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

sexta-feira, 5 de agosto de 2005

Pois pois... 

A vice-presidente da autoridade nacional que regula as farmácias e os medicamentos era, até ser nomeada para o cargo, no mês passado, funcionária da filial portuguesa da multinacional farmacêutica Wyeth-Lederle. Confrontado com a ligação, o Infarmed garante que houve rescisão e rejeita qualquer incompatibilidade face à lei que rege os titulares de altos cargos públicos. No sector fala-se em "ligações perigosas".

Peliteiro,   às  20:36
0  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Inquisição 

O Infarmed é o Instituto Nacional da Farmácia e do Medicamento, como todos sabem.

No entanto, Correia de Campos nomeou para o Conselho de Administração do Infarmed apenas um Farmacêutico. Melhor, um professor da faculdade de Farmácia.
A equipa é constituída por dois Médicos - sendo um deles o Presidente, um Economista e ( ! ) um Engenheiro mecânico.

Peliteiro,   às  20:34
1  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Inevitabilidade? 



Repito: Os incêndios em Portugal são uma inevitabilidade? Não há, este ano, falta de meios, responsabilidades, culpas? Onde está o Ministro da A.Interna? Sócrates, sabemos que está no Quénia, num safari...

Etiquetas:


Peliteiro,   às  12:12
2  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

quinta-feira, 4 de agosto de 2005

APSI

Peliteiro,   às  14:18
0  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Conselho Farmacêutico


Peliteiro,   às  11:00
0  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

quarta-feira, 3 de agosto de 2005

Snuppy 

Snuppy
Uma equipa de cientistas da Coreia do Sul apresentou o primeiro cão clonado, o Snuppy (de Seoul National University). Fantástico!
A clonagem foi feita a partir de uma célula da orelha do seu "pai" genético, utilizando a mesma técnica da ovelha "Dolly".


P.S. Os cientistas estão agora a tentar clonar Mário Soares de forma a que o seu "filho" genético se possa apresentar às Presidenciais de 2045.

Peliteiro,   às  22:21
0  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Roteiro 

Roteiro nocturno local aconselhado para não que não se gaste tempo nem dinheiro em experiências:

1ª parte - Uns finos no bar do Toni, o "Mostarda" da praceta. Depois uns pregos no pão, do melhor que há; também podem ser umas francesinhas. Como ceia não é nada mal...

2ª parte - De Domingo a Quarta não vale a pena ir a lado nenhum. Nos outros dias:
a) Forte de S. João em Vila do Conde;
b) Se apetece um ambiente mais "revivalista" (um termo simpático) vamos (tem que ser em grupo) ao velhinho Pôr-do-som.

PS. Nunca ir a discotecas, Buddha, Hit ou Pacha, verdadeiros zoológicos!

Peliteiro,   às  15:07
3  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Dumping? 

Uma dúvida.
Estas promoções dos hipermercados em que se devolve o IVA, ou seja em que se fazem descontos comerciais de 21% não configuram uma situação de dumping?
E se sim, isso não é ilegal?

Peliteiro,   às  14:57
1  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

terça-feira, 2 de agosto de 2005

ANL 

Amostra biológicaHá mais de um ano, escrevia que: Analistas Clínicos (Farmacêuticos) e Patologistas Clínicos (Médicos) ganham a vida a fazer a mesmíssima coisa e que, portanto, as questiúnculas ridículas em que se envolviam sistematicamente eram um disparate.

Surge agora a Associação Nacional de Laboratórios Clínicos, ANL, criada pela APAC e pela APOMEPA: "A ANL quer ser um elemento forte e activo na sociedade portuguesa e, como tal, apresenta-se como parceiro na definição das políticas de Saúde. Os seus objectivos passam igualmente por se constituir como uma voz única do sector face, nomeadamente, ao Governo, para celebração de convenções e outros procedimentos comuns. A nova associação vai, assim, lutar por manter, e até desenvolver, as convenções, de forma a garantir uma melhor qualidade de serviço e uma cobertura em todo o país, num sector que conta com 400 laboratórios de análises clínicas e com perto de 12 mil funcionários."

Esperemos que a ANL contribua para a melhoria da qualidade do serviço prestado, importantíssimo para a saúde das populações. Esperemos que a ANL contribua para uma melhor cobertura de laboratórios no país, sem que as amostras biológicas viajem léguas. É bem preciso quem dê atenção a estes aspectos...

Peliteiro,   às  02:10
1  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

segunda-feira, 1 de agosto de 2005

Há farmácias à venda por sete milhões de euros 

Pode ler-se no Jornal de Notícias e no Portugal Diário.

Eu não duvido da notícia, duvido é que alguém as compre por esses preços!

A não ser que o imóvel valha perto disso, ou que uns "patos" quaisquer ainda acreditem em "árvores das patacas".

Já acompanhei várias transacções de Farmácias e nunca vi nenhuma a atingir o valor de 7 milhões. Nem mesmo na era pré-Socrática.

A quem interessa a propagação destas lendas?

Peliteiro,   às  14:04
10  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

ARQUIVOS

Maio 2003      Junho 2003      Julho 2003      Agosto 2003      Setembro 2003      Outubro 2003      Novembro 2003      Dezembro 2003      Janeiro 2004      Fevereiro 2004      Março 2004      Abril 2004      Maio 2004      Junho 2004      Julho 2004      Agosto 2004      Setembro 2004      Outubro 2004      Novembro 2004      Dezembro 2004      Janeiro 2005      Fevereiro 2005      Março 2005      Abril 2005      Maio 2005      Junho 2005      Julho 2005      Agosto 2005      Setembro 2005      Outubro 2005      Novembro 2005      Dezembro 2005      Janeiro 2006      Fevereiro 2006      Março 2006      Abril 2006      Maio 2006      Junho 2006      Julho 2006      Agosto 2006      Setembro 2006      Outubro 2006      Novembro 2006      Dezembro 2006      Janeiro 2007      Fevereiro 2007      Março 2007      Abril 2007      Maio 2007      Junho 2007      Julho 2007      Agosto 2007      Setembro 2007      Outubro 2007      Novembro 2007      Dezembro 2007      Janeiro 2008      Fevereiro 2008      Março 2008      Abril 2008      Maio 2008      Junho 2008      Julho 2008      Agosto 2008      Setembro 2008      Outubro 2008      Novembro 2008      Dezembro 2008      Janeiro 2009      Fevereiro 2009      Março 2009      Abril 2009      Maio 2009      Junho 2009      Julho 2009      Agosto 2009      Setembro 2009      Outubro 2009      Novembro 2009      Dezembro 2009      Janeiro 2010      Fevereiro 2010      Março 2010      Abril 2010      Maio 2010      Junho 2010      Julho 2010      Agosto 2010      Setembro 2010      Outubro 2010      Novembro 2010      Dezembro 2010      Janeiro 2011      Fevereiro 2011      Março 2011      Abril 2011      Maio 2011      Junho 2011      Julho 2011      Agosto 2011      Setembro 2011      Outubro 2011      Novembro 2011      Dezembro 2011      Janeiro 2012      Fevereiro 2012      Março 2012      Abril 2012      Maio 2012      Junho 2012      Julho 2012      Agosto 2012      Setembro 2012      Outubro 2012      Novembro 2012      Dezembro 2012      Janeiro 2013      Fevereiro 2013      Março 2013      Abril 2013      Maio 2013      Junho 2013      Julho 2013      Agosto 2013      Setembro 2013      Outubro 2013      Novembro 2013      Dezembro 2013      Janeiro 2014      Fevereiro 2014      Março 2014      Abril 2014      Maio 2014      Junho 2014      Julho 2014      Setembro 2014      Outubro 2014      Novembro 2014      Dezembro 2014      Janeiro 2015      Fevereiro 2015      Março 2015      Abril 2015      Maio 2015      Junho 2015      Julho 2015      Agosto 2015      Setembro 2015      Outubro 2015      Novembro 2015      Dezembro 2015      Janeiro 2016      Fevereiro 2016      Março 2016      Abril 2016      Junho 2016      Julho 2016      Agosto 2016      Setembro 2016      Outubro 2016      Novembro 2016      Dezembro 2016      Janeiro 2017      Fevereiro 2017      Março 2017      Maio 2017      Setembro 2017      Outubro 2017     

 

Perfil de J. Soares Peliteiro
J. Soares Peliteiro's Facebook Profile

 


Directórios de Blogues:


Os mais lidos


Add to Google

 

 

Contactos e perfil do autor

 

 

Portugal
Portuguese flag

Blogues favoritos:


Machado JA

Sezures

Culinária daqui e d'ali

Gravidade intermédia

Do Portugal profundo

Abrupto

Mar Salgado

ALLCARE-management

Entre coutos e coutadas

Médico explica

Pharmacia de serviço

Farmácia Central

Blasfémias

31 da Armada

Câmara Corporativa

O insurgente

Forte Apache

Peopleware

ma-shamba



Ligações:

D. G. Saúde

Portal da Saúde

EMEA

O M S

F D A

C D C

Nature

Science

The Lancet

National library medicine US

A N F

Universidade de Coimbra


Farmacêuticos sem fronteiras

Farmacêuticos mundi


This page is powered by Blogger. Isn't yours?

Creative Commons License
Licença Creative Commons.