<$BlogRSDUrl$> Impressões de um Boticário de Província
lTradutor Translator
Amanita muscaria

Impressões de um Boticário de Província

Desde 2003


terça-feira, 29 de abril de 2014

Vírus Ebola; orientações 

À atenção dos colegas as seguintes orientações da DGS:

Doença por vírus Ebola – Procedimentos Laboratoriais
 
 Equipamentos de proteção individual para agentes biológicos de tipo 4
 
Doença por vírus Ebola: Procedimentos a adotar pelos Serviços de Saúde

Peliteiro,   às  15:11
2  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

quarta-feira, 23 de abril de 2014

Onde há fumo há... carcinógenos 

O tabaco vendido nas cadeias de farmácias Americanas é uma das muitas características que atestam a superioridade do modelo de farmácia Português.

Recentemente, a par de algumas iniciativas que aproximam a farmácia americana do modelo português, a CVS tomou a corajosa decisão (estimam-se perdas anuais de 2 biliões de dólares) de deixar de vender tabaco nos seus estabelecimentos.

Independentemente das motivações que possam levar a esta decisão, ela é provavelmente positiva para a população. É sem dúvida uma clarificação de que estas farmácias pretendem ser um agente promotor de saúde.

Infelizmente algumas farmácias em Portugal parecem querer remar na direcção oposta. Só posso interpretar isso como incompetência ou laxismo da direcção técnica e/ou, mais uma vez, a influência dos infames do costume.

O infarmed até agora, tem encolhido os ombros, é certo. Mas só porque se pode fazer (vender) algo não quer dizer que se deva fazer.

Pode ser que com o empurrãozinho da OMS as coisas se resolvam.

Azrael,   às  14:10
3  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Hospital Pedro Hispano poupa 4,4 milhões  

Lendo esta notícia entende-se que as análises feitas no Pedro Hispano não custam dinheiro e que a "capacidade instalada" é infinita. Lendo de outra perspectiva, ou a jornalista é trenga e não sabe nada de contabilidade analítica ou a notícia é intencional e tendenciosa:

«Em 2003, a unidade local de saúde de Matosinhos fez contas à vida. Gastava 5,5 milhões em exames fora, apesar da capacidade instalada. Decidiu fazê-los em casa. Em 2013 já só pagou 1,1 milhão a privados.»

Etiquetas:


Peliteiro,   às  00:01
1  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

segunda-feira, 14 de abril de 2014

Infarmed esbanja 10.000 € em ajuste directo 

«Infarmed esbanja dez mil euros em aplicação para iOS «muito básica e pouco apelativa visualmente» que não cumpre a lei e é discriminatória, além do mais «os erros nesta aplicação são tantos e tão básicos». É isto.

Etiquetas:


Peliteiro,   às  23:59
6  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

quinta-feira, 10 de abril de 2014

Ruinoso negócio de Correia de Campos: comprou 2,5 milhões! 

«the use of both neuraminidase inhibitors (oseltamivir and zanamivir) in the prevention or treatment of influenza should be revised to take account of the evidence of small benefit and increased risk of harms.» - «Menos meio dia com sintomas de gripe»

Tamiflu

Sempre me pareceu estranho este negócio de Correia de Campos, que comprou 2,5 milhões de unidades de Tamiflu. A Roche agradece!...
Eu, na altura, não tendo a informação do Ministério da Saúde, «ponderei comprar Tamiflu ou Relenza para a família e não o fiz»...

Peliteiro,   às  23:42
6  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

quarta-feira, 9 de abril de 2014

Dantes os analistas clínicos ganhavam bom dinheiro; agora... 



Peliteiro,   às  23:46
0  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Dos concursos...



O Infarmed já arranjou tempo (porque dinheiro já não faltava) para arranjar um procedimento concursal para o sorteio das farmácias...

E vai-se a ver, vai ser de tômbola, de papel branco com o nome do concorrente em envelope lá para dentro, dá-se umas voltas na geringonça e tira-se um papelito!...

Será que vão ter umas assistentes como na tômbola do 1,2,3?

A Tômbola anda à roda em Maio, apenas 6 meses depois do suposto, tivesse o Infarmed mais tempo. Não está mau. Esperemos que a tômbola seja grande o suficiente porque assim também dava para o Fatura da sorte!! E o estado sempre poupava uns trocos!!

Pormenor estranho: Os envelopes vão ser fechados com o nome de cada concorrente previamente ao sorteio... só "no dia e hora" do sorteio é que serão colocados na tômbola transparente (transparência é a palavra)... 

O papel que for retirado deverá ser exibido de forma clara na direcção de quem se encontrar a ver e reproduzido oralmente imediatamente... Esperemos que não haja aqui gralhas como no sorteio da Taça de Portugal 2014 Penafiel vs Benfica, senão avizinham-se mais umas providências cautelares como em 2005...



Farmacêutico de Serviço,   às  19:33
2  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

sábado, 5 de abril de 2014

A seringueira 


Um dia entra-me um rapaz apressado pela farmácia adentro, com um lenço enrodilhado, imundo e ensanguentado sobre a testa. Vinha trocar seringas. É só um golpezinho, dizia. Tinha um corte de navalha aí com 10 cm que deixava visível o frontal. A custo, acalmei-o, vi a ferida, lavei e desinfectei, chamei uma ambulância, onde o convenci a entrar.
Nas farmácias, trocar seringas a toxicodependentes não é um sistema automático de dispensa, um toma lá dá cá mecânico. São seres humanos, ora ansiosos, ora debilitados, carentes, doentes, malcriados, amáveis, agressivos, afáveis, vê-se de tudo. O programa de trocas de seringas que as farmácias tão bem fizeram durante anos tem uma logística associada e necessita de um atendimento cuidado e às vezes demorado, exige preparação e motivação, gasta-se tempo para fazer bem.

No Público de hoje uma senhora escreve um «O valor dos “minutos” das farmácias», onde em tom catedrático - "para quem tem uma noção mínima do que está em causa quando falamos de drogas" - explica ao mundo a importância da problemática da troca das seringas e não consegue «perceber como é possível que a Associação Nacional de Farmácias tenha tido o topete de se desvincular do protocolo de distribuição e troca de seringas a toxicodependentes».

São José Almeida julga que temos a obrigação de trabalhar de borla para o Estado, mesmo que o Estado sobranceiramente nada tenha feito preservar para um programa de tão bons resultados. Se é tão fácil que o faça o Público através da rede de quiosques ou o Ministério da saúde através da rede de Centros de Saúde.

Esta gente está habituada a gabinetes alcatifados e climatizado onde têm visões sobre amanhãs que cantam, não sabem o que é ter a obrigação de pagar salários no fim do mês, pagar facturas e impostos, enfim, não sabem o que custa a vida.

Peliteiro,   às  15:10
3  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

quarta-feira, 2 de abril de 2014

Liberalização da abertura de farmácias 


Uns para trás outros para a frente:

Grecia aprueba la liberalización de las farmácias
 
Estonia está tramitando una ley para volver a regular su modelo de farmacia, liberalizado en 1991








A propósito, nenhuma destas notícias em português. Fazia falta um jornal farmacêutico minimamente atento, em tempo, ao que se passa no mundo.

Etiquetas:


Peliteiro,   às  21:52
6  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

terça-feira, 1 de abril de 2014

Em breve a liberalização da abertura de farmácias 

Fontes seguras garantem-me que está para muito breve a liberalização da abertura de farmácias, condicionada apenas a "requisitos de infraestruturas e competência". Isto com o argumentário do "estímulo à economia e à concorrência" e para fazer face às falhas "de cobertura farmacêutica resultantes de falências, transferências e assimetrias demográficas". Legislação a publicar antes do início da campanha para as eleições europeias.

Peliteiro,   às  00:56
21  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

ARQUIVOS

Maio 2003      Junho 2003      Julho 2003      Agosto 2003      Setembro 2003      Outubro 2003      Novembro 2003      Dezembro 2003      Janeiro 2004      Fevereiro 2004      Março 2004      Abril 2004      Maio 2004      Junho 2004      Julho 2004      Agosto 2004      Setembro 2004      Outubro 2004      Novembro 2004      Dezembro 2004      Janeiro 2005      Fevereiro 2005      Março 2005      Abril 2005      Maio 2005      Junho 2005      Julho 2005      Agosto 2005      Setembro 2005      Outubro 2005      Novembro 2005      Dezembro 2005      Janeiro 2006      Fevereiro 2006      Março 2006      Abril 2006      Maio 2006      Junho 2006      Julho 2006      Agosto 2006      Setembro 2006      Outubro 2006      Novembro 2006      Dezembro 2006      Janeiro 2007      Fevereiro 2007      Março 2007      Abril 2007      Maio 2007      Junho 2007      Julho 2007      Agosto 2007      Setembro 2007      Outubro 2007      Novembro 2007      Dezembro 2007      Janeiro 2008      Fevereiro 2008      Março 2008      Abril 2008      Maio 2008      Junho 2008      Julho 2008      Agosto 2008      Setembro 2008      Outubro 2008      Novembro 2008      Dezembro 2008      Janeiro 2009      Fevereiro 2009      Março 2009      Abril 2009      Maio 2009      Junho 2009      Julho 2009      Agosto 2009      Setembro 2009      Outubro 2009      Novembro 2009      Dezembro 2009      Janeiro 2010      Fevereiro 2010      Março 2010      Abril 2010      Maio 2010      Junho 2010      Julho 2010      Agosto 2010      Setembro 2010      Outubro 2010      Novembro 2010      Dezembro 2010      Janeiro 2011      Fevereiro 2011      Março 2011      Abril 2011      Maio 2011      Junho 2011      Julho 2011      Agosto 2011      Setembro 2011      Outubro 2011      Novembro 2011      Dezembro 2011      Janeiro 2012      Fevereiro 2012      Março 2012      Abril 2012      Maio 2012      Junho 2012      Julho 2012      Agosto 2012      Setembro 2012      Outubro 2012      Novembro 2012      Dezembro 2012      Janeiro 2013      Fevereiro 2013      Março 2013      Abril 2013      Maio 2013      Junho 2013      Julho 2013      Agosto 2013      Setembro 2013      Outubro 2013      Novembro 2013      Dezembro 2013      Janeiro 2014      Fevereiro 2014      Março 2014      Abril 2014      Maio 2014      Junho 2014      Julho 2014      Setembro 2014      Outubro 2014      Novembro 2014      Dezembro 2014      Janeiro 2015      Fevereiro 2015      Março 2015      Abril 2015      Maio 2015      Junho 2015      Julho 2015      Agosto 2015      Setembro 2015      Outubro 2015      Novembro 2015      Dezembro 2015      Janeiro 2016      Fevereiro 2016      Março 2016      Abril 2016      Junho 2016      Julho 2016      Agosto 2016      Setembro 2016      Outubro 2016      Novembro 2016      Dezembro 2016      Janeiro 2017      Fevereiro 2017      Março 2017      Maio 2017     

 

Perfil de J. Soares Peliteiro
J. Soares Peliteiro's Facebook Profile

 


Directórios de Blogues:


Os mais lidos


Add to Google

 

 

Contactos e perfil do autor

 

 

Portugal
Portuguese flag

Blogues favoritos:


Machado JA

Sezures

Culinária daqui e d'ali

Gravidade intermédia

Do Portugal profundo

Abrupto

Mar Salgado

ALLCARE-management

Entre coutos e coutadas

Médico explica

Pharmacia de serviço

Farmácia Central

Blasfémias

31 da Armada

Câmara Corporativa

O insurgente

Forte Apache

Peopleware

ma-shamba



Ligações:

D. G. Saúde

Portal da Saúde

EMEA

O M S

F D A

C D C

Nature

Science

The Lancet

National library medicine US

A N F

Universidade de Coimbra


Farmacêuticos sem fronteiras

Farmacêuticos mundi


This page is powered by Blogger. Isn't yours?

Creative Commons License
Licença Creative Commons.