<$BlogRSDUrl$> Impressões de um Boticário de Província
lTradutor Translator
Amanita muscaria

Impressões de um Boticário de Província

Desde 2003


segunda-feira, 31 de dezembro de 2007

Um Bom 2008



Janeiro e Fevereiro


Março e Abril


Maio e Junho


Julho e Agosto


Setembro e Outubro


Novembro e Dezembro

Etiquetas:


Peliteiro,   às  00:01
3  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

domingo, 30 de dezembro de 2007

O milagre do pão 

No início de 2006 Correia de Campos enunciou o seu objectivo para os cuidados primários de saúde até ao final desse ano: a abertura de 100 Unidades de Saúde Familiares.
Esta semana, ou seja com mais de 1 ano de atraso em relação ao planeado, ou seja à boa maneira portuguesa, ou seja à Correia de Campos, abriu a 100ª USF (num sprint de fim de ano alucinante), precisamente aqui ao lado, em Vila do Conde*.
As USF, o milagre do pão do XVII Governo (com o mesmo número de médicos e enfermeiros e sem fazer disparar a despesa conseguem muito maior "produção" sem perda significativa de qualidade - uma espécie de omeletas sem ovos), actualmente abrangem cerca de 10% da população portuguesa e dificilmente chegarão durante 2008 aos 20%. Pouco, muito pouco, sobretudo quando se pirotecnia tanto esta inovação organizativa, ou lá o que é, tão pouco que já deveriam ter rolado cabeças - mas enfim.
Aos doentes pouco importa se têm um médico de família USF ou se têm um médico de família Centro de Saúde; o que querem é um médico de família, ou melhor, querem acompanhamento médico de qualidade quando e onde precisam.
Veremos o milagre, veremos os resultados destes dois anos, acompanharemos a evolução dos indicadores de desempenho em 2008 e, sobretudo, o número de portugueses sem médico de família e em lista de espera para cirurgias.

* Coitados dos Marroquinos, bem precisam que os enganem: perderam a sua urgência e têm um Hospital vergonhoso, ainda mais miserável que o da Póvoa.

Peliteiro,   às  23:40
1  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Eles comem tudo 

Não sei bem porquê mas desde sempre tive medo de acabar a viver no meio da rua, como sem-abrigo.
Medos inexplicáveis, sei lá.
Este medo desapareceu, atenuou-se muito, quando acabei de pagar a minha primeira casa.
Entretanto esta insegurança tem recrudescido com a idade; da maneira que o Estado e os amigos nos sugam o dinheiro sem garantias de contrapartida nenhuma, da maneira que vejo isto tudo, não sei não...

Peliteiro,   às  23:16
0  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

A saúde em 2007 

A OMS distingue as 10 principais questões de saúde em 2007: A ameaça da pandemia da gripe das aves; os surtos das febres hemorrágicas de Ébola e Marburgo; a assistência sanitária nos grandes desastres; o drama da mortalidade materna; a febre amarela em África; a regulação sanitária internacional; a erradicação da poliomielite; os benefícios do combate à tuberculose; o sucesso da vacinação contra o sarampo; a revisão das estatísticas do SIDA.


Peliteiro,   às  23:14
0  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

sexta-feira, 28 de dezembro de 2007

Mau 2007 

Este ano não há "o melhor de 2007", nem "a figura do ano" nem nada de parecido. Não me apetece. Não perdi muito tempo, mas a verdade é que não encontrei nada de francamente positivo e merecedor de destaque.
É natural; o que se espera de um país que tem como primeiro-ministro José Sócrates e como líder da oposição Luís Filipe Meneses? Afundamento progressivo e depressão endémica.

Peliteiro,   às  18:57
2  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

É difícil ser pescador, especialmente no Inverno. Sobre a imagem imaginem a nortada forte; e já agora, o medo do mar bravo. O peixe é caro?


Peliteiro,   às  18:35
2  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

quinta-feira, 27 de dezembro de 2007

Coisas realmente importantes 

OMS confirma caso de transmissão humano a humano de H5N1.

Peliteiro,   às  23:24
1  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Carreiras 

Conheço algumas pessoas que são quadros superiores no BCP. Para isso tiveram que fazer estudos longos e exigentes e tiveram que trabalhar muito e afincadamente. Algumas destas pessoas são muito bem formadas, competentes e trabalhadoras e, consequentemente, têm uma carreira promissora.
Contudo, um indivíduo que se não fora a política e suas influências provavelmente nunca passaria de caixa num balcão de província, é agora nomeado para administrar o BCP.
Conheço algumas pessoas que bem poderiam um dia, pela sua carreira, alcançar o lugar de administrador do BCP. Mas desde agora ficam com a certeza que a carreira prioritária é a política.

Peliteiro,   às  23:12
0  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

quarta-feira, 26 de dezembro de 2007

Do contra 

Já não fumo um cigarro há 9 meses.
Não sei se no dia 1, para contrariar a vaga proibicionista, não fumarei uns cigarritos. Na minha idade, já há poucas oportunidades para transgredir.

Peliteiro,   às  23:26
1  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

BCP 

A novela do BCP demonstra bem a mecânica dos poderes no nosso país, a viscosidade das relações da política com a economia e com os reguladores. A novela do BCP indicia bem como isto é um pântano lodoso em que nada tem futuro.

Pelo sim ou pelo não, aconselho-o a rapar todas as suas aplicações do BCP.

Peliteiro,   às  23:18
1  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Novos Hospitais 

Anúncios de construção de novos hospitais públicos, estamos fartos de ouvir. Inaugurações, só me lembro das de hospitais privados; de públicos, nos últimos tempos, nada...

Peliteiro,   às  23:11
0  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Allez Sarkozy 


Peliteiro,   às  23:08
1  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

segunda-feira, 24 de dezembro de 2007

Bom Natal 

Boticelli

Peliteiro,   às  14:36
6  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Prendas de Natal 

Prenda de Natal de Sócrates, com aprovação de Macedo Vieira, para os Poveiros:
Na A28 já estão montados os primeiros pórticos que irão testar novas formas de portajar as auto-estradas.

Peliteiro,   às  14:18
2  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

domingo, 23 de dezembro de 2007

Ilícitos criminais? 

Como sabem, tenho uma percepção da sociedade um tanto negativa. Muitas vezes me auto-penitencio e tento convencer-me que a culpa é da minha visão negativa exagerada e digo para mim mesmo, por exemplo, "não é assim, não pode ser, os políticos não são todos corruptos", ou "não é verdade, está a exagerar Jorge Mário, aquilo não deve funcionar apenas com base na cunha", ou "claro que sim, claro que a Justiça em Portugal funciona".

Sempre olhei para o BCP como sendo uma instituição séria, que se pautava pelo rigor, governada por gente honesta e honrada. Talvez sim, talvez não. Talvez, afinal, a minha percepção da sociedade seja muito positiva e, até, um tanto ingénua.

Pelo sim ou pelo não, vou rapar todas as minhas aplicações do BCP.

Peliteiro,   às  23:27
0  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Coveiro e Caloteiro 

«As dívidas do Estado às empresas cresceram 19% em 2006. O Ministério da Saúde é o grande devedor do Estado e responde por 72,4% da factura a pagar.
Recomendações do Tribunal de Contas às dívidas da Saúde: A adopção de uma boa gestão é fundamental. Alerta para a possibilidade de se reduzirem os custos na área da saúde, mantendo os serviços, mas introduzindo uma maior qualidade na sua gestão.
»

Gosto do sublinhado "mantendo os serviços". Claro que Correia de Campos não sabe fazer isto, é caloteiro e é o coveiro do SNS.
O Tribunal de Contas deveria ter recomendado também que o fundo público de pagamento às Farmácias criado por este Governo e que está "às moscas" servisse para pagar aos outros credores.
Coveiro e caloteiro!

Peliteiro,   às  23:23
0  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Coitadinhos 

Coitadinhos que não sabem o que fazem. Coitadinho deste povinho estúpido, que nem sabe, que nem nunca entenderá o que é melhor para eles; é preciso que alguém iluminado, uma inteligência única lhes determine o caminho e lhes diga onde está o bem e o mal, o bom e o mau - é assim que pensam os socialistas:
Fecho de urgência em Anadia e Alijó "é para o melhor das populações", diz Ministério da Saúde.

Peliteiro,   às  23:12
0  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

sábado, 22 de dezembro de 2007

Que horror ! 

Que horror! Foi assim que a minha mulher, nada e criada na Praça do Almada, reagiu à vista de umas enormes traves ferrugentas que colocaram na dita Praça no âmbito das obras de renovação. Eu, igualmente espantado, usei uma expressão um pouco menos própria.
É uma questão de gosto, mas gastaram um dinheirão e a Praça do Almada, perdendo a calçada portuguesa, perdendo em pátina e ganhando em ferrugem, descaracterizou-se, vulgarizou-se, diminuiu-se e perdeu as características de praça central da cidade.

Praça do Almada; Póvoa de Varzim

Ainda por cima, não há estacionamento...

Peliteiro,   às  17:16
4  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Apito madeirense 

Sim sim, bem sei, o FCP perdeu com o Nacional, inesperadamente é claro, imerecidamente, por culpa do árbitro, mas se o futebol não fosse assim mesmo, se de vez em quando os melhores não perdessem com os piores, se não houvesse surpresas, se não fosse um jogo, todos nós ganharíamos todas as semanas o totobola.

Peliteiro,   às  17:11
0  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

quinta-feira, 20 de dezembro de 2007

Mário de Almeida

Peliteiro,   às  22:17
4  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

quarta-feira, 19 de dezembro de 2007

Coisas que convém saber 

Especialmente nesta altura do ano, em que o aquecimento global não está em evidência e as pinhas secas já acabaram, há coisas que convém saber:
Para acender a lareira o PÚBLICO é o jornal que melhor arde; o pior é o Diário Económico. O caderno principal do Expresso é melhor que o do SOL mas os suplementos deste semanário são muito melhores que os daquele. As listas telefónicas são de evitar mas os folhetos do Feira Nova são bastante bons para os fins a que se destinam.

Peliteiro,   às  23:26
2  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Homeopatetices 

Excelentes esta série de postais de Palmira F. Silva sobre homeopatia, mais propriamente sobre homeopatetices: As origens; A componente mística; Is it a kind of magic?; O memorial da água; O sono da razão.

Confesso que nunca percebi o mecanismo de acção dos ditos medicamentos homeopáticos - aliás sou um céptico sistemático de todas as terapias "alternativas" não explicadas devidamente pelo método científico - e que aquilo das diluições centesimais, agitação dinâmica, memória da água, etc. sempre me pareceu muito fantasioso. Efeito placebo quanto muito.

Peliteiro,   às  23:13
0  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Esclarecimento da ASAE 

Isto é como na tropa, não se pode ser nem muito bom nem muito mau, o melhor é estar ali na média; ser muito bom pode ser pior que ser muito mau: desperta cobiças.
A ASAE poderá, pontualmente, ter cometido alguns excessos, ter sido, eventualmente, mais papista que o próprio Papa (a legislação, essa sim por vezes exagerada), mas para mim é indiscutível: tivéssemos nós mais algumas "ASAEs" e o país seria bem diferente - para melhor.
Por estar a ser alvo de contestação crescente, uma petição online absurda por exemplo, a ASAE viu-se obrigada a desfazer certos mitos que entretanto começaram a ser construídos (e que interessam a quem?) e emitiu um comunicado de esclarecimento que me parece muito oportuno e que todos deveriam ler.

Peliteiro,   às  23:05
1  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Cuidem-se 

Um weblog não se destina a concorrer directamente com um jornal - originalmente servia como uma página web com recomendações de links para outras páginas web e hoje serve para quase tudo, há blogues de tudo, sobre tudo - mas é incrível como em rapidez, em actualidade, os blogues vencem largamente os tradicionais jornais impressos.
Um exemplo, este blogue de 5ª categoria mostrou aos seus leitores as imagens de extremos seleccionadas pela UNICEF na segunda-feira e o jornal de referência PÚBLICO só as mostrou hoje, quarta-feira. Este blogue de graça, o jornal de referência por 1€. Jornalistas, cuidem-se!

UNICEF

Peliteiro,   às  22:52
0  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Indohyus 

O último antepassado das baleias a abandonar o meio terrestre faz lembrar uma enorme ratazana? Assim parece, segundo um estudo publicado na Nature.
A evolução das espécies foi uma matéria que me interessou bastante quando jovem e ainda hoje este tema me fascina e esta descoberta me parece admirável.


Peliteiro,   às  20:17
0  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

terça-feira, 18 de dezembro de 2007

Palavras para quê? 

Resultados da sondagem conjunta Povoaonline / Boticário de Província:

O que pensa da candidatura de Macedo Vieira?


Peliteiro,   às  23:51
1  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

upa upa maza maza 

Dois actores amadores angolanos foram mortos ao serem confundidos com criminosos durante as gravações de um filme na capital de Angola, Luanda.

Peliteiro,   às  23:31
0  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Zandinga Peliteiro 

Este blogue não é como o Ministério da Saúde, não se anuncia sem depois cumprir, não se dizem coisas sabendo que rapidamente passarão ao esquecimento e ninguém verificará.
No fim do ano passado foram lançadas algumas premonições para 2007. O ponto da situação (a verdo o verdadeiro; a vermelho o falso):
  • Cavaco Silva torna-se insuportavelmente aborrecido e já ninguém o escuta; FALSO (verdadeiro apenas no que respeito ao aborrecido)
  • O PIB cresce uma cagagésima e a retoma nunca mais chega; VERDADEIRO
  • Desemprego aumenta; VERDADEIRO
  • O IVA é "ajustado" para 25%; FALSO (era uma provocação)
  • Sócrates prossegue a cruzada das reformas: tudo piora e nada melhora - as sondagens dão-lhe a maioria; VERDADEIRO
  • Correia de Campos tenta, mais umas quantas vezes, aniquilar a ANF; VERDADEIRO
  • CGD cria linha de crédito para famílias sobreendividadas; FALSO (era uma provocação)
  • Registada a primeira transmissão de H5N1 entre humanos; VERDADEIRO
  • Incêndios devastam floresta em Agosto; FALSO (os incêndios foram mais tarde)
  • Guerras no médio-Oriente e em África; VERDADEIRO
  • Fome alastra no mundo; VERDADEIRO
  • UE discute Constituição; VERDADEIRO (ou tratado)
  • Fidel profere discurso de 7 horas; FALSO
  • Cristiano Ronaldo será o melhor jogador de futebol de 2007; FALSO
  • O FCP será campeão Nacional em quase todas as modalidades, incluindo, naturalmente, o futebol; VERDADEIRO
  • M.ª José Morgado não consegue nenhuma condenação de vulto no processo Apito Dourado; VERDADEIRO
  • Carolina edita novos livros na Páscoa, nas férias e no Natal; FALSO
  • No caso Casa Pia apenas Bibi é condenado; FALSO
  • Pedroso recebe indemnização avultada do Estado Português; FALSO
  • Salmonelas persistem nas águas das praias da Póvoa; VERDADEIRO
  • Obras da Avenida embargadas pelo IPPAR. FALSO

Como se vê, tirando as brincadeiras e provocações acertei em quase tudo...

Peliteiro,   às  23:16
0  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

A questão de Davos 

Os todos poderosos do mundo reunem-se mais uma vez em Davos nos próximos dias 23 a 27 de Janeiro. A Google dá-lhe a oportunidade de fazer parte deste fórum mundial, dizendo ao mundo o que podem fazer os países, as empresas e os indivíduos para tornar o mundo um lugar melhor em 2008. Para isso basta que envie as suas propostas via Youtube-Davos e que obtenha o apoio da respectiva comunidade.


Destaco este tema não porque acredite muito nas consequências práticas das conclusões de Davos mas por me parecerem extraordinárias estas novas formas de participação individual à escala global.

Peliteiro,   às  22:49
0  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

segunda-feira, 17 de dezembro de 2007

UNICEF 

UNICEF Photo of the Year 2007
Foto do ano 2007 da UNICEF, de Stephanie Sinclair, retratando um casamento entre um homem de 40 anos e uma menina de 11, no Afeganistão.

«Precisávamos do dinheiro», disseram os pais da menina.
Saiba mais sobre o concurso e veja outras imagens de extremos premiadas no concurso.

Peliteiro,   às  23:04
0  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Estavam à espera de quê? 

«As lojas Pharmacon disponibilizam aos seus clientes o serviço de telemedicina, possibilitando, através de videoconferência, que os utentes esclareçam junto de um médico questões de saúde que os possam preocupar. Através do pagamento de um valor semelhante a qualquer taxa moderadora, o doente é atendido por um médico de clínica geral que faz o respectivo aconselhamento

Consultas médicas em ParaVazias. É muito prestigiante para a classe médica... Ao que chegamos. Agradeçam ao Miguel Leão e às beldades que o acompanham:


Peliteiro,   às  22:53
0  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Bruncas 

Médicos vão começar a ser pagos em função da produtividade

Quem quer apostar que isto é mais um bluff de Correia de Campos e nada de parecido acontecerá? Aposto um mergulho no mar na manhã de 24 de Dezembro de 2008.

Peliteiro,   às  22:25
0  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Broncas 

Foi hoje inaugurado - mas já estava em funcionamento há cerca de 3 meses - o Tribunal do século XXI, o Tribunal do futuro, em Famalicão. Custou quase nove milhões de euros. Pena é que, segundo a Juíza Presidente, audiências como as anteriormente realizadas no quartel dos Bombeiros tenham que ser agora realizadas... no mesmo quartel dos Bombeiros.

Peliteiro,   às  22:24
1  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Brincas 

Tribunal absolveu do crime de fraude e plano criminoso João Proença, Torres Couto, José Veludo, Rui Oliveira e Costa e todos os 36 arguidos do caso da UGT.

Peliteiro,   às  19:47
0  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

domingo, 16 de dezembro de 2007

Brancas 

Não querendo ser agoirento, pode ser que a operação levada a cabo por "uma das melhores polícias do mundo", a operação Noite Branca, resulte... em nada, em nem uma condenação!

Peliteiro,   às  23:37
0  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Sinais de melhoria 

Em Setembro coloquei aqui no blogue umas fotografias que pretendiam demonstrar o estado lastimável em que se encontravam as piscinas camarárias da Póvoa. Degradação, desleixo e desrespeito pelos utentes.

Nessa mesma semana o Vereador Afonso Oliveira vem dizer que «as reclamações do utentes são fundamentais» e, usando a linguagem do qualidadês, «A melhoria dos serviços públicos passa pelo bom tratamento das reclamações, porque são as pessoas que usufruem dos espaços que sabem como podemos melhorar... temos permanentes preocupações de melhoria de qualidade e de melhor serviço para as pessoas.»

Desde Setembro que não ia às piscinas. Hoje fui e surpreendi-me. Notam-se diferenças - não que se tenham feito grandes obras nem grandes mudanças, mas nota-se uma tentativa de melhoria, nota-se algum brio, os tubos antes ferrugentos estão agora pintados de branco, aquele maior nos balneários e que no interior tinha incontáveis colónias de bactérias e de fungos, talvez até musgo, foi removido e a parede foi rebocada - enfim, pequenos sinais de que alguém está a tentar inverter um ciclo de incúria.
Não levei máquina fotográfica - não costumo acreditar em conversas de políticos - mas ficaria muito contente se daqui a uns meses mostrasse aqui fotografias de umas piscinas, não digo como novas, mas pelo menos limpas e zeladas.

Peliteiro,   às  23:18
1  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 


Peliteiro,   às  16:59
0  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 


Peliteiro,   às  16:23
0  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 


Peliteiro,   às  16:19
0  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Apito encarnado 

Belenenses 1 - Benfica 0

A 10 pontos...

Etiquetas:


Peliteiro,   às  15:34
1  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

sexta-feira, 14 de dezembro de 2007

Estavam à espera de quê? 

Infarmed detectou a venda ilegal de fármacos sujeitos a receita médica em Parafarmácias

Como sabem sempre fui contra, por mais que uma razão, a criação destas lojas.
A maioria delas mantêm-se abertas na esperança, vã, de um dia serem promovidas de ParaFarmácias a Farmácias - A Correia de Campos, cínico e manhoso, interessa exibir como troféu um número grande de ParaVazias. É claro que quando se trata de pagar as facturas no fim do mês a honestidade e o cumprimento da lei é sempre relativo e vender drogas ilegalmente é um efeito previsível.

No entanto uma atenuante podem ter os farmacêuticos que procedem à venda ilegal de MSRM: se são competentes para o fazer no balcão da Farmácia porque não no balcão da Parafarmácia?
Um médico só pode consultar no Centro de Saúde, mas não na sua casa? Um advogado pode advogar no escritório mas não no café? Um arquitecto pode desenhar no atelier mas não na rua? O local do exercício profissional - desde que existindo as condições necessárias - condiciona o exercício?
Uma discussão interessante que está por fazer. É claro que discussões interessantes não se fazem, decide-se em cima do joelho, no jogo dos interesses, e depois logo se vê. As consequências pouco interessam, quem vier atrás que feche a porta.

Peliteiro,   às  13:49
2  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Sucessos das políticas de saúde do XVII 

Prejuízos dos hospitais públicos aumentaram 5.000%

Etiquetas:


Peliteiro,   às  13:45
0  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

A melhor maneira de ser feliz é contribuir para a felicidade dos outros 

Confúcio

«Cada português consumiu em média no ano passado duas embalagens de comprimidos de sedativos, ansiolíticos ou hipnóticos, gastando mais de 80 milhões de euros, segundo dados do Infarmed»

Peliteiro,   às  00:07
0  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

quinta-feira, 13 de dezembro de 2007

O Vate 

Nem era para ligar o PC - mais uma vez parabéns Leonardo, a festa esteve excelente - mas lendo esta notícia não resisto a deixar um comentário.

Isto está sempre a acontecer. Há coisas que me cheiram a esturro a quilómetros distância. Provavelmente cheiram a mim e a muitos outros menos atentos - só que eu tenho evidências de que previ a ocorrência, coisas que escrevi aqui.

««É com muito prazer que Portugal regressa à produção de vacinas», afirmou o ministro da Saúde, Correia de Campos, na cerimónia de assinatura do memorando de entendimento que vai permitir à Medinfar produzir vacinas anti-gripais já a partir do próximo ano.» Janeiro de 2006

JMSPeliteiro dixit: Não acredito minimamente na conversa de Correia de Campos... Parece propaganda barata... posso estar a ser do contra mas a mim não me convence; espero estar errado... O que é certo é que tenho muitas dúvidas que nos próximos anos, em Condeixa, se consigam produzir vacinas...

«A farmacêutica Medinfar recuou na construção da primeira unidade de produção de vacinas antigripais em Portugal, projectada para Condeixa-a-Nova e que deveria estar concluída em 2008, disse ontem aos jornalistas o ministro da Saúde, Correia de Campos.» Hoje, Dezembro de 2007.

Eu é que sou o mau? Eu é que sou o trengo? Ora, ora, pensam que somos todos lorpas...

Etiquetas:


Peliteiro,   às  23:50
0  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

terça-feira, 11 de dezembro de 2007

Doa a quem doa 

Porto de pesca na Póvoa de VarzimA Câmara Municipal da Póvoa de Varzim formalizou, esta manhã, a doação de um terreno à Santa Casa da Misericórdia local para a construção de um edifício ligado à área da saúde.

Uma boa acção da Câmara Municipal da Póvoa, por certo, mas confesso que tenho algumas dúvidas quando se tratam de assuntos deste género.
É inegável o importante papel social das Misericórdias, em particular na assistência na doença às populações mais desfavorecidas. As Misericórdias são instituições de utilidade pública mas de direito privado, não dependendo, portanto, de dinheiro público. O Estado Português tem um ministério a quem competem os investimentos na área da saúde - que por acaso não o tem feito - e as Câmaras, o poder local, está então dispensado de atribuições no sector da saúde.

Bem sei que a saúde na região, como no país, está uma lástima e o Ministério da Saúde nada faz: um hospital obsoleto, arcaico, bafiento, um centro de saúde sobrecarregado, com muitos doentes sem médico de família, e uma urgência caótica, em obras para albergar os doentes de Vila do Conde.
Mas com que direito uma Câmara Municipal, para a prossecução de uma actividade que não lhe diz directamente respeito, doa um bem público a uma instituição privada?

Peliteiro,   às  23:49
3  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

O lado escuro da net é o lado escuro do mundo 

Ainda um dia destes escrevi que «É espantoso como certas pessoas não perceberam que a www não é mais que uma extensão do comportamento humano, uma ferramenta - poderosa é certo - mas apenas uma ferramenta, e que o que se faz na net faz-se nas ruas ou nas casas onde vivemos». Agora que releio a frase não me parece tão bem como devia - mas percebe-se a ideia.

Hoje, a principal conclusão da primeira sessão da WEB3, em Paris, é «Internet es un demonio, un lugar peligroso en el que te pueden humillar, robar la identidad o, llegado el caso, el dinero... como en cualquier parcela de la vida. Los peligros que a Internet puede representar son exactamente los mismos a los que nos enfrentamos en la vida offline

Obviamente.

Peliteiro,   às  23:36
0  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Apito dourado 

FCP ficou em primeiro do grupo A



Peliteiro,   às  23:30
0  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Eleições na Ordem do Médicos 

Um blogador que se preze tem opinião sobre tudo. Nas eleições para a Ordem dos Médicos, de amanhã, também tenho o meu candidato a Bastonário preferido: Carlos Silva Santos.




Também tenho o meu candidato odiado, Miguel Leão, que fez uma campanha muito contida, muito adultazinha e a quem dedico a reedição de um postal de Março:

Miguel Leão anunciou que não será candidato a Bastonário da Ordem dos Médicos.

Miguel Leão anunciou a sua candidatura a Bastonário da Ordem dos Médicos

Nos dias de hoje, entre nós, as profissões mais prestigiadas são as de Juiz e de Médico. A Ordem dos Médicos representa uma classe importante na nossa sociedade e conta entre os seus membros com homens brilhantes em vários domínios.

Como se explica então que o lugar de Bastonário da Ordem dos Médicos, a imagem dos Médicos para o país, possa ser ocupado por um homenzinho de aspecto vulgar e linguagem ordinária?


Miguel Leão

Etiquetas:


Peliteiro,   às  00:02
2  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

segunda-feira, 10 de dezembro de 2007

Carta Aberta de um Professor 

A carta aberta do Prof.º Domingos Cardoso ao Presidente da República - que pode ler-se aqui e aqui - não traz nada de profundamente novo, é apenas uma espécie de momento único em que todos conseguem ver que o rei vai mesmo nu.

Toda a gente sabe a balbúrdia que é o ensino em Portugal e toda a gente sabe perfeitamente que nos regimes paralelos - ou como lhe queiram chamar - a balbúrdia é incomensuravelmente maior.

Fui professor no ensino nocturno enquanto jovem, aí entre 88 e 93, trabalhava no hospital durante o dia e vendia umas aulas e umas formações nos tempos livres - já devo ter escrito alguns episódios desta experiência -, e já nessa altura aquilo era uma anarquia, uma selva, os professores eram maus, os alunos eram maus, as condições de ensino eram más, era tudo mau, mas a taxa de aprovações rondava os 100%.

Sejamos sérios, não brinquem, as estatísticas valem o que valem lá nos indicadores oficiais, mas o facto é que continuamos um país de analfabetos. O problema é que competitivo não é o povo que tem bons indicadores de educação, competitivo é o povo que tem uma boa educação.

Peliteiro,   às  23:31
1  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Pinhões Beluga 



Pablo Ruiz PicassoEnquanto a minha mulher fazia umas compras para o fim-de-semana na aldeia, eu vagueava pelo supermercado, o Modelo da Póvoa, passando o tempo, comprando à sorte porcarias que se cruzam com o meu olhar. Geralmente vou para a secção dos queijos, ou dos presuntos, ou dos vinhos, e embora deambule sem destino pelos corredores tomo sempre muita atenção aos preços, nunca - ou quase nunca - compro nada sem saber o preço e sem comparar cuidadosamente as várias apresentações e as diferentes marcas. Manias de quem já foi comprador profissional.

Quase nunca, disse há pouco, quer dizer que às vezes compro sem ver os preços. Jorge! Jorge! Ouvi eu quando apreciava o balcão dos frutos secos. Estava na hora de carregar os sacos. Tinha na mão um saco de pinhões, brancos, apetitosos - nunca se devem fazer compras antes de jantar - de 250g e não encontrava a tabuleta dos preços nem sequer a da embalagem de 80g. Jorge! Jorge Mário! Caramba, tenho 1 segundo para decidir se levo o saco de 250g, o de 80g ou nenhum. Nenhum nem pensar; a embalagem maior é, de certeza, proporcionalmente mais barata, portanto levo-a. Embora.

Durante a viagem, 5 minutos, conduzia e ia roendo uns pinhões. Descarregar a mala, carregar o carrinho de compras, chamar o elevador, abrir a porta, levar o carrinho à despensa e o saco de pinhões estava a dar as últimas.

Já não há pinhões? Sabes quanto custa um quarto de quilo de pinhões? 18,5 euros!
O quê? Isso dá 15 contos o kg! Mais caro que caviar beluga, não pode ser.

Não podia ser mas era. 15 contos o Kg do pinhão no Continente. A D. Emília que tem uma mercearia das antigas, daquelas que não faz anúncios na TV a dizer que tem os preços mais baixos, vende os pinhões a menos de metade. Temos que estar atentos, há sempre alguém pronto explorar-nos. E a gula é um pecado. E os pecados pagam-se.

Etiquetas:


Peliteiro,   às  00:08
0  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

sexta-feira, 7 de dezembro de 2007

Darfur 

Reeditado de 1 de Maio de 2007 e a propósito da cimeira Europa / África em Lisboa:

«Quantas mais mortes, violações e vidas destruídas no Darfur serão necessárias para que a comunidade internacional actue de forma a pôr fim a esta situação?

Desde 2003, o Darfur, no Sudão Ocidental, foi envolvido num conflito mortal. Várias centenas de milhares de pessoas foram mortas ou seriamente feridas. Mais de dois milhões de pessoas foram deslocados e vivem em campos de deslocados no Sudão ou em campos de refugiados no Chad; mais de 3,5 milhões de pessoas dependem da ajuda internacional para sobreviver.

António Guterres, o Alto Comissário das Nações Unidas para os Refugiados descreveu a situação no Sudão e no Chad como “o maior e o mais complexo problema humanitário no mundo.”

Deixe bem claro ao mundo que não virará a cara quando milhares de civis continuam a perder as suas vidas, e a violação e outras violências sexuais continuam a ser utilizadas como armas de guerra.»

Darfur

Etiquetas:


Peliteiro,   às  22:06
1  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

A1 

A A1 não é autoestrada coisa nenhuma; não é mais que uma estrada sobrelotada, permanentemente em obras e remendos (há que alimentar o monstro), onde é impossível circular em segurança na maioria dos troços a mais de 80km/h, mas em que se paga uma boa portagem.

Peliteiro,   às  14:20
0  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Desafios da globalização 

O medicamento, liberalização ou normalização


Prossegue o excelente ciclo de conferências da Secção Regional de Coimbra, desta vez pelo Dr. António Faria Vaz, da Comissão de Ética para a Investigação Clínica, com o tema "Desafios da globalização - O medicamento, liberalização ou normalização". A moderação coube ao Prof. Batel Marques, Presidente da SRC-OF, e da mesa faziam parte o Dr. António Rodrigues, da Missão para os Cuidados de Saúde primários, e o Dr. Vladimiro Silva, do Efervescente.
Uma exposição inteligente e avisada, um painel de comentários pertinentes e construtivos e um debate animado e muito participado. Um ciclo de conferências em crescendo, com temas actuais muito bem seleccionados que tem todos os atributos para futuramente atrair farmacêuticos - e outros profissionais - a Norte e a Sul de Coimbra.

Peliteiro,   às  00:48
0  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Remédios caseiros 

Etiquetas:


Peliteiro,   às  00:41
0  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

quarta-feira, 5 de dezembro de 2007

What else? 

Para quem gosta de marketing a Nespresso é um caso de estudo admirável: o negócio do café foi completamente reinventado, todos os "pês" foram modificados, originando um produto totalmente diferenciado destinado a um mercado completamente diferente.

António Nunes fez algo de parecido na ASAE. A partir de uma organização bolorenta com uns funcionários deprimidos e desmoralizados criou uma "Autoridade" à Americana, habituada às manchetes e aos holofotes, com uns funcionários hercúleos e garbosos. Cometem excessos? Claro que sim, numa revolução é inevitável. Mas limitam-se a cumprir a legislação, esta sim muitas vezes exagerada e divorciada da realidade. O certo é que num ápice toda a gente sabe o que é, por exemplo, segurança alimentar.

Por outro lado a ERS é uma calamidade. Ninguém sabe para que serve. Os pareceres até têm um certo eco na imprensa mas depois morrem nas gavetas ministeriais. As reclamações - muitas pelo que li há dias nos jornais - têm como resultado umas respostas simpáticas e... 4 processos de contra-ordenação; o primeiro multa uma clínica por não ter livro de reclamações - já não li os restantes.

Há instituições públicas que existem apenas para desfalcar quem trabalha. What else?

Peliteiro,   às  23:49
0  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Velhos do Restelo 

«A Internet é a maior colecção de insultos, mexericos, boatos e disparates alguma vez reunida na história da humanidade. Existem também coisas excelentes, belas e grandiosas, com uma qualidade única e inovadora. Mas não há dúvida que numa grande parte dos blogs, mensagens, comentários e sites de debate dominam o pedantismo e a grosseria, maldade e despeito, vacuidade e a mais pura e prístina estupidez.»
«Net tende a trazer ao de cima os instintos mais baixos dos que a frequentam. Uma prova desse facto é que muita gente põe em blogs e e-mails coisas que teria vergonha de dizer ao telefone, escrever numa carta ou publicar em jornais ou livros. Aliás vê-se que, interpelado ou confrontado com o que escreveu, frequentemente o autor cai em si e admite ter-se deixado levar pelo meio. O que prova que existe algo nessa forma de comunicação que motiva o dislate.»
Prof.º J. César das Neves


Quando desenvolveram os sinais de fumo, a mala-posta, a impressão, o telégrafo ou o telefone, com certeza que apareceram uns arautos a dizer coisas parecidas. É espantoso como certas pessoas não perceberam que a www não é mais que uma extensão do comportamento humano, uma ferramenta - poderosa é certo - mas apenas uma ferramenta, e que o que se faz na net faz-se nas ruas ou nas casas onde vivemos.
João César das Neves não é uma figura que reúna grandes simpatias e consequentemente na net - mas também no café, hoje à tarde, estavam a zurzir no Prof.º - tem sido várias vezes violentamente desfeiteado. Percebe-se então a prosa, ultra-conservadora e dorida.
Não percebo é porque têm estas afirmações honras de frases da semana aqui no jornal da terra.

Peliteiro,   às  22:59
3  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Levem os gatos, toma os gatos 

«A generosidade é um fenómeno programado geneticamente, segundo um estudo de cientistas israelitas publicado hoje na "Genes, Brain and Behavior".»

Esta notícia fez-me lembrar o meu avô Peliteiro. Que morreu era eu ainda um rapazito.
O meu avô era muito pobre. Era Pedreiro - mas não maçon, nem usava avental - e tinha muitos filhos, criados ali por altura da segunda grande guerra. Teria vivido tempos difíceis, segundo contam o meu pai e os meus tios; histórias de uma sardinha para três, sopa de ervas e coisas assim.
O meu avô ainda hoje é recordado pela sua generosidade. Tinha, e tem, fama de dar tudo, mesmo que ficasse sem nada. Há uma história que faz parte da mitologia familiar - e de que retenho ainda algumas imagens, ainda que vagamente - que ilustra bem o seu gosto em dar:
Numa visita de Domingo à tarde, depois de ter ateado o lume da lareira até morrermos de calor, depois de ter oferecido uma merenda com tudo o que tinha, depois de ter oferecido uns vasos com umas flores à minha mãe, umas esferógráficas a mim e aos meus irmãos, mais isto e mais aquilo, e de não ter mais nada para dar, olhou em redor e viu uns gatos ramelosos, meio vadios, famélicos; voltou-se para o meu pai e disse - tens um gato? Não? Então leva estes gatos, faz sempre falta um gato numa casa, levem os gatos, toma os gatos...

E conto esta história porquê? Por nada. Apeteceu-me. O que interessa a história dos gatos ao mundo? Nada, não pretende demonstrar nada, talvez mostrar que dantes as pessoas eram mais dadas, mais solidárias, apesar da pobreza; mas não se pode fazer evidência a partir de um mito familiar - além disso, embora o ambiente seja mais desfavorável, o genótipo mantém-se na família, dizem os Israelitas.

Peliteiro,   às  22:42
0  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Filhos e enteados 

«A Câmara social-democrata de Terras de Bouro vai analisar os termos do empréstimo a conceder pela CGD ao município de Lisboa, para exigir à banca condições contratuais iguais, disse hoje o seu presidente.»
Boa, Dr. Afonso.

Peliteiro,   às  22:31
0  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Petição STOP ao Cancro do Colo do Útero 


«Todos os anos 50.000 mulheres são diagnosticadas e 25.000 morrem devido a cancro do cólo do útero. A existência de programas eficazes de prevenção podem prevenir a grande maioria destes casos.

Apoio e assino a Petição STOP ao Cancro do Colo do Útero, e chamo a atenção do Parlamento Europeu, da Comissão Europeia e de todos os Governos Nacionais da Europa para implementarem programas de rastreio organizados contra o cancro do cólo do útero que providenciarão uma protecção mais eficaz contra o cancro do colo do útero em todas as mulheres da Europa

Peliteiro,   às  13:16
1  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Dever e direito à diferença 

No Norte existem duas cooperativas de distribuição farmacêutica: a COFANOR e a COOPROFAR. Duas grandes empresas que figuram em qualquer listagem das maiores e melhores empresas do país. A primeira é a COoperativa de FArmacêuticos do NORte, a segunda é COOperativa de PROprietários de FARmácia. Há rivalidades antigas quer entre farmácias associadas, quer entre os próprios fucionários, e diferenças nas culturas das duas empresas - por exemplo o Director Geral da COFANOR é sempre Farmacêutico (eu fui um deles e no meu tempo esta função coincidia com a de Director Técnico) e o da COOPROFAR não (actualmente é um Economista).
Feridas antigas, quase saradas pelo longo período em que vigorou a reserva de propriedade da Farmácia para Farmacêuticos, de 1965 a 2007. Mas que provavelmente serão reavivadas com o retrocesso legislativo - eu diria mesmo civilizacional - que é o recentemente aprovado regime da propriedade de Farmácia.
Lanço eu - que não gramo aqueles tipos da COOPROFAR - a primeira pedrada: devem os proprietários de Farmácia Farmacêuticos unirem-se em defesa da COFANOR, que se quer forte e coesa, como primeiro passo de uma estratégia de diferenciação das Farmácias de Farmacêuticos e das Farmácias doutros quaisquer.

Peliteiro,   às  00:05
3  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

terça-feira, 4 de dezembro de 2007

Milagre 

Etiquetas:


Peliteiro,   às  23:24
0  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Francisco Sá Carneiro 

Francisco Sá Carneiro
«Francisco Sá Carneiro faleceu na noite de 4 de Dezembro de 1980, em circunstâncias trágicas e nunca completamente esclarecidas.»

Peliteiro,   às  14:37
1  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

segunda-feira, 3 de dezembro de 2007

Ziehl Nielsen 

Em tempos alguém definiu que para considerar negativa a pesquisa do bacilo da tuberculose num exame directo de expectoração se deveriam observar meticulosamente 3 amostras ao microscópio durante cerca de 30 minutos, em mais de 300 campos da objectiva de imersão, sem detectar um único Mycobacterium spp..
Ou seja, 90 minutos para cada doente, 90 minutos a perscrutar ao microscópio um escarro, de preferência produtivo, espesso e viscoso.

O tema não é agradável. Mas não é de escarros que vos quero falar hoje.

A verdade, é que não acredito que um exame com 100 anos, mas ainda largamente requisitado pela classe médica, seja nos dias de hoje executado como manda a sapatilha. 90 minutos a espreitar ao microscópio por causa de um doente? Isso era há 100 anos, agora será muito raro, muito mais raro que a própria tuberculose. A noção do tempo mudou, agora tudo deve ser rápido, ainda que nem sempre eficiente. Um exame laboratorial que utilize uma hora e meia de mão-de-obra especializada é, por definição, um exame obsoleto.
Se todos estes exames directos requisitados hoje em Portugal fossem efectuadas comme il faut os especialistas em análises clínicas, estimo eu, não fariam mais nada durante o dia todo.

É do tempo, portanto, que vos falo hoje, de como a noção do tempo mudou ao longo dos tempos. Aproveitei e falei também dos enganos do tempo e do tempo dos enganos.

Peliteiro,   às  23:45
0  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Jogos Olímpicos 2008 China 




Via correio-eOlympic games beijing jeux olympiques juegos

Peliteiro,   às  22:13
1  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

Mar bravo 

É verdade, Besugo, se não fossem as fotografias já quase não tinha assunto para este blogue. Dantes escrevia mais, agora às vezes isto parece uma caixa de comentários aos disparates do Ministério da Saúde. Por um lado já escrevi sobre quase tudo e agora faltam-me os temas; por outro lado, agora anda por aqui mais gente e de certa forma parece-me que isso, a exposição, me inibe a criação de trenguices. Um dia destes mudo tudo, renovo isto tudo, que quatro anos e meio é muito tempo, começa a tornar-se bolorento, quem sabe se começo a escrever com pseudónimo noutro blogue qualquer. A ver vamos. Entretanto, e como sei que já ensinou a Lolita a gostar do mar da Póvoa, que já a trouxe a uma das nossas esplanadas ricas em brometos do mar, dedico à Lolita - de quem sou leitor fiel - umas fotografias deste mar que tem estado tão bravo, mas tão bonito.
Quanto ao mau feitio, isso é uma ideia errada sua, não há tipo mais calmeirão do que eu. A não ser que me arreliem muito - por exemplo agora que estou a ver uma reportagem sobre um puto de 7 anos, aqui de S.º Tirso, com deficiência, a quem foi negado apoio escolar, que ao vê-lo sorridente para a câmara, nos seus 7 anos inocentes, me dá ganas de entrar na DREN, ou lá onde seja, e escaqueirar tudo a pontapé e amarrar nos colarinhos do burocrata que para poupar uns míseros tostões negou apoio ao mocinho e dar-lhe tantas tantas tantas naquelas ventas que lhe haveriam de servir de ensino para o resto da vida, ao grande sacana.


Peliteiro,   às  14:19
1  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

domingo, 2 de dezembro de 2007

Apito encarnado 

SLB 0 - FCP 1

7 pontos!...

Etiquetas:


Peliteiro,   às  15:09
4  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

sábado, 1 de dezembro de 2007

Dia mundial da luta contra o SIDA 

Nacho Doce / Reuters

Peliteiro,   às  15:13
0  Comentários pertinentes e devidamente fundamentados          Enviar este texto por mail:

 

 

 

ARQUIVOS

Maio 2003      Junho 2003      Julho 2003      Agosto 2003      Setembro 2003      Outubro 2003      Novembro 2003      Dezembro 2003      Janeiro 2004      Fevereiro 2004      Março 2004      Abril 2004      Maio 2004      Junho 2004      Julho 2004      Agosto 2004      Setembro 2004      Outubro 2004      Novembro 2004      Dezembro 2004      Janeiro 2005      Fevereiro 2005      Março 2005      Abril 2005      Maio 2005      Junho 2005      Julho 2005      Agosto 2005      Setembro 2005      Outubro 2005      Novembro 2005      Dezembro 2005      Janeiro 2006      Fevereiro 2006      Março 2006      Abril 2006      Maio 2006      Junho 2006      Julho 2006      Agosto 2006      Setembro 2006      Outubro 2006      Novembro 2006      Dezembro 2006      Janeiro 2007      Fevereiro 2007      Março 2007      Abril 2007      Maio 2007      Junho 2007      Julho 2007      Agosto 2007      Setembro 2007      Outubro 2007      Novembro 2007      Dezembro 2007      Janeiro 2008      Fevereiro 2008      Março 2008      Abril 2008      Maio 2008      Junho 2008      Julho 2008      Agosto 2008      Setembro 2008      Outubro 2008      Novembro 2008      Dezembro 2008      Janeiro 2009      Fevereiro 2009      Março 2009      Abril 2009      Maio 2009      Junho 2009      Julho 2009      Agosto 2009      Setembro 2009      Outubro 2009      Novembro 2009      Dezembro 2009      Janeiro 2010      Fevereiro 2010      Março 2010      Abril 2010      Maio 2010      Junho 2010      Julho 2010      Agosto 2010      Setembro 2010      Outubro 2010      Novembro 2010      Dezembro 2010      Janeiro 2011      Fevereiro 2011      Março 2011      Abril 2011      Maio 2011      Junho 2011      Julho 2011      Agosto 2011      Setembro 2011      Outubro 2011      Novembro 2011      Dezembro 2011      Janeiro 2012      Fevereiro 2012      Março 2012      Abril 2012      Maio 2012      Junho 2012      Julho 2012      Agosto 2012      Setembro 2012      Outubro 2012      Novembro 2012      Dezembro 2012      Janeiro 2013      Fevereiro 2013      Março 2013      Abril 2013      Maio 2013      Junho 2013      Julho 2013      Agosto 2013      Setembro 2013      Outubro 2013      Novembro 2013      Dezembro 2013      Janeiro 2014      Fevereiro 2014      Março 2014      Abril 2014      Maio 2014      Junho 2014      Julho 2014      Setembro 2014      Outubro 2014      Novembro 2014      Dezembro 2014      Janeiro 2015      Fevereiro 2015      Março 2015      Abril 2015      Maio 2015      Junho 2015      Julho 2015      Agosto 2015      Setembro 2015      Outubro 2015      Novembro 2015      Dezembro 2015      Janeiro 2016      Fevereiro 2016      Março 2016      Abril 2016      Junho 2016      Julho 2016      Agosto 2016      Setembro 2016      Outubro 2016      Novembro 2016      Dezembro 2016      Janeiro 2017      Fevereiro 2017      Março 2017      Maio 2017     

 

Perfil de J. Soares Peliteiro
J. Soares Peliteiro's Facebook Profile

 


Directórios de Blogues:


Os mais lidos


Add to Google

 

 

Contactos e perfil do autor

 

 

Portugal
Portuguese flag

Blogues favoritos:


Machado JA

Sezures

Culinária daqui e d'ali

Gravidade intermédia

Do Portugal profundo

Abrupto

Mar Salgado

ALLCARE-management

Entre coutos e coutadas

Médico explica

Pharmacia de serviço

Farmácia Central

Blasfémias

31 da Armada

Câmara Corporativa

O insurgente

Forte Apache

Peopleware

ma-shamba



Ligações:

D. G. Saúde

Portal da Saúde

EMEA

O M S

F D A

C D C

Nature

Science

The Lancet

National library medicine US

A N F

Universidade de Coimbra


Farmacêuticos sem fronteiras

Farmacêuticos mundi


This page is powered by Blogger. Isn't yours?

Creative Commons License
Licença Creative Commons.