<$BlogRSDUrl$> Impressões de um Boticário de Província
lTradutor Translator
Amanita muscaria

Impressões de um Boticário de Província

Desde 2003


quinta-feira, 19 de junho de 2014

"Farmácia do Hospital de Santa Maria era fachada para crimes" 

Quem o diz não sou eu. É a imprensa.

Um "obrigado" a Correia de Campos e Sócrates.

Etiquetas:


Azrael,   às  12:38

Comentários:

 

Afinal os "reguladores" estão a funcionar.
Eu até me rebolo de gozo!

 

 

 

Cá se fazem cá se pagam.. O C.C. que fez tudo para acabar com o "lóbi" das farmácias, ( triste lóbi) deve estar satisfeito.
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, junho 19, 2014

 

 

 

"Proprietária da farmácia do Hospital de Santa Maria foi ontem detida, depois do marido, assim como dois clínicos e delegado de informação médica".

É este o subtítulo da notícia.

Ficamos à espera que sejam detidos os principais responsáveis por toda esta grande vigarice, as ditas "farmácias hospitalares", a dupla Pinócrates/C.C.

Num país decente, há muito que estes malfeitores teriam batido com os costados nas profundezas de um qualquer calabouço.

Atanágio
# por Anonymous Atanágio : quinta-feira, junho 19, 2014

 

 

 

Azrael, eu diria mesmo mais: obrigado a Correia de Campos e Sócrates ;)

Mas há uma figura que não devemos esquecer: Adalberto Campos Fernandes, o Presidente do CA do S.ª Maria que apadrinhou este excelente negócio do regime. Que é agora um provável candidato a Ministro da Saúde socialista...
# por Blogger Peliteiro : quinta-feira, junho 19, 2014

 

 

 

Oh Dr. Peliteiro,

O Dr. Adalberto está bem, porque a Opus voltou à mó de cima, Na Anacom está a Opus. No BdP está o Dr. Carlos Opus Costa. No ISP, está o DR. Opus Almaça. No Ministério da Saúde está o Dr. Paulo Opus. Aliás o Dr. Correia de Campos também se farta de rezar! Tal como o Dr. Eurico, que "reza" com o bom do Dr. Menezes!

Quanto à farmácia de Santa Maria só se estranha de isto aparecer agora. Quem não viu a enormidade que foi oferecida no Concurso Público? Só mesmo o Correia de Campos e o Infarmed do Prof. Helder, que bem haja!
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, junho 19, 2014

 

 

 

Já agora, porque se demitiu o mais excelente dos excelentes administradores hospitalares? Até teve um prefácio do Dr. Paulo....

Assinatura
Bisrael
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, junho 19, 2014

 

 

 

Sempre pensei que as farmácias hospitalares não teriam sucesso.
O utente ao sair de Santa Maria depois da seca de horas e horas só queria distância.
Ia para casa e mais tranquilo aviava na farmácia do costume, onde contava com gente conhecida que lhe dava apoio,(não era mais um anónimo entre anónimos)
Sem falar nos que eram trazidos pela família, que farta de esperar
não se metia em mais filas.(chegando a casa logo se vê)
-Josefo-

# por Anonymous Anónimo : sexta-feira, junho 20, 2014

 

 

 

Como foi possível repetir-se a "cena" no hospital de Santa Maria?!
Será que a corrupção compensa? Ninguém teme a justiça pois ela é macia, flexível, quiçá contornável...ou pior ainda: descartável.
# por Blogger Jose Leite : sexta-feira, junho 20, 2014

 

 

 

Sr. José Leite: Eles podem AINDA não temer a justiça, mas o facto é que vão sendo arrecadados.
Para bom entendedor meia palavra basta.
Ou entram nos eixos ou vão ter um triste futuro.
No meu fraco entender pensava que farmacêuticos, médicos e quejandos tinham mais tino na bola


# por Anonymous Anónimo : sexta-feira, junho 20, 2014

 

 

 

De uma forma geral têm mas há maçãs podres em todas as árvores.
# por Blogger Azrael : sexta-feira, junho 20, 2014

 

 

 

Sr. Asrael:
Nesse caso o que estão à espera os farmacêuticos Honestos para pedirem ao Infarmed uma fiscalização rigorosa e punitiva das maçãs podres.
O que faz a ANF como alegada defensora das farmácias honestas?
Não acredito que não saiba de faturações que duplicam de um momento para o outro.

# por Anonymous Anónimo : domingo, junho 22, 2014

 

 

 

Este anónimo aqui de cima anda, de certeza, muito mal informado.
Então, não foi o Dr João Cordeiro que denunciou, apresentando as provas, a marosca que deu origem à operação "Remédio Santo" que colocou "à sombra", entre vários outros, alguns médicos, o chefe de vendas do laboratório do regime e o grande empreendedor da farmácia do Hospital de Santa Maria ?
Meu caro, as farmácias com facturações excessivas, irregulares ou marteladas, como queira, não pertencem, por motivos óbvios, à ANF, que tem de estar muito atenta uma vez que adianta o pagamento.
Nada me custa a crer que, nesses casos, não haja certas conivências ou até cumplicidades no interior do sistema.

Atanágio
# por Anonymous Atanágio : segunda-feira, junho 23, 2014

 

 

 

Anónimo: O Atanágio teve a amabilidade de responder aquilo que eu próprio responderia.

Acrescento ainda que desde há mais de 10 anos que a ANF, precisamente para evitar estas situações, se tem debatido pela implementação da prescrição electrónica (no verdadeiro sentido da palavra e não o que temos hoje) em portugal.

Chegou mesmo a existir um projecto piloto, salvo erro em portalegre, de grande sucesso, em parceria com o Ministério da Saúde. Estavam reunidas as condições para tudo ir em frente mas então foi eleito Correia de Campos que, como é seu hábito, acabou com o projecto sem nenhuma justificação e decidiu que o que era mesmo preciso era um centro de conferência de facturas que, até agora, contribuiu com 0 para apanhar estes criminosos e, se bem me lembro, com 32 (milhões) para os bolsos de quem construiu o monumento.
# por Blogger Azrael : segunda-feira, junho 23, 2014

 

 

 

Pronto, quem sabe, sabe.
Dou-me por vencido mas ainda não convencido.
Onde anda o Dr. Cordeiro? Salvo erro, nas hostes do PS.
Quem dirige agora a ANF anda muito apagado.
Nem tanto ao mar nem tanto à terra.
Mais: Eu anda me lembro da guerra CC - Cordeiro que a meu ver foi mal conduzida pele ANF. Dizer em público e bom som que não se confia no ministro foi, no mínimo, desastroso.
# por Anonymous Anónimo : segunda-feira, junho 23, 2014

 

 

 

Bem, desastroso ou não, faziam bem em não confiar. Hoje se vêm bem os resultados catastróficos das suas decisões na área da farmácia com o mote deste post que estamos a comentar a servir de exemplo disso mesmo.

Apagado? Só se for da comunicação social pois creio que nunca vi a ANF tão acesa como tenho visto.
# por Blogger Azrael : segunda-feira, junho 23, 2014

 

 

 

É necessária muita prudência e diplomacia para levar a água ao seu moinho, principalmente contra quem tem a faca e o queijo na mão.
E o Dr. Cordeiro, que tinha muitas qualidades, nada tinha de diplomata nem o dom da palavra.
# por Anonymous Anónimo : segunda-feira, junho 23, 2014

 

 

 

Quem é que tinha várias propriedades de farmácias, em Cascais, por exemplo, quando era ilegal possuir mais do que uma farmácia?

E a ANF promovia a legalidade?

Quem promoveu o negócio ANF-Alliance, para assim tentar fechar o cartel?

E a ANF promovia a legalidade?

Quem promoveu o negócio Ministério da Saúde - ANF - BCP, para pagar adiantadamente aos proprietários farmaceuticos?

Assinatura
Brutus
# por Anonymous Anónimo : segunda-feira, junho 23, 2014

 

 

 

Atenção que o Cordeiro esvaziou-se depois da separação do gémeo Costa Freire! O criador e a criatura.

Assinatura
Consiste
# por Anonymous Anónimo : segunda-feira, junho 23, 2014

 

 

 

Brutus, deve haver ai alguma confusão: a ANF nunca foi proprietária de farmácias, directa ou indirectamente.

Mais, se assim era, com tanta gente durante tantos anos e em tantos cargos de poder, incomodados pela ANF, parece-me estranho como é que nunca houve nenhuma condenação devido a isso.

Nem quando durante a governação de Correia de Campos, a mando do braço bélico do governo (AC) uma brigada da PJ entrou de armas em punho na sede da ANF, alegadamente à procura de provas de concentração de mercado.
# por Blogger Azrael : terça-feira, junho 24, 2014

 

 

 

Vamos lá por partes.

Qual "diplomacia", qual "prudência", qual "dom da palavra".
Essa gentalha, esses vendilhões que, para nossa desgraça, nos têm (des)governado, devem ser desmascarados em público, sempre que possível.
Isto não vai lá com paninhos quentes...

As "várias propriedades de farmácias em Cascais" não passa de maledicência, mais uma.

A compra da Alliance foi a medida tomada pela ANF de posicionamento no mercado face à liberalização que a dupla Sócrates/C.C. tencionava concretizar, compra essa, que os fez desistir dessa intenção, enveredando, depois, por outras medidas tendentes "à destruição da ANF", tais como a rafeirice das farmácias hospitalares.

Para muita boa gente, será um grande pecado se o "cartel" das farmácias em Portugal pertencer aos farmacêuticos portugueses.
Não será pecado, pelo contrário, seria uma virtude, se o mesmo "cartel" pertencer a uma qualquer multinacional, aos Xanos ou aos Belmiros, que pagam salários portugueses em Portugal e impostos holandeses... na Holanda.

Os pagamentos às farmácias a tempo e horas não constituiu nenhuma benesse ou sequer um favor, trata-se de uma obrigação.
Acabemos com os louvores ao estado caloteiro.

Quanto a "o Cordeiro", de facto, já lá estava há muito tempo.
Curiosamente, sempre por vontade expressa dos associados...
Deixou obra.

Atanágio
# por Anonymous Atanágio : terça-feira, junho 24, 2014

 

 

 

A ANF não foi, nem poderia ter sido proprietária de farmácia. As farmácias só podiam ser detidas, na altura, por "um" farmaceutico.

Mas, não basta manter as aparências. Em Cascais e outras localidades, TODA a gente sabia das "multi-propriedades". Provas? Em Portugal, é coisa que não interessa, se estiver relacionada com os poderes fáticos.

Quando o Estado paga a 1.000 dias a laboratórios farmaceuticos e a empresas da construção, ou a empresa de serviços informáticos ou outras, porque será que o Estado até pagava juros se tivesse atraso no pagamento às farmácias? Só por razões extra-terrenas. A zanga do Senhor da Associação com o socialismo foi tão aparente, que o dito Senhor quis ser Édil da terriola, com a anuencia do esposo da farmaceutica, chefe do socialismo inSeguro.

Só na Sícilia, a organização sobreviveu muito tempo. Nas outras paragens, as organizações parecidas, ou cortam cabeças, ou desaparecem. Em Portugal, o poder mudou-se para a Fundação da Dra. Leonor. O criador da coisa cansou-se e foi para a investigação oftalmológica.....e a criatura passa os dias a beber malte na Baía de Cascais.

ASSINATURA
Consiste
# por Anonymous Anónimo : terça-feira, junho 24, 2014

 

 

 

Normalmente, tudo o que vem a seguir à expressão "toda a gente sabe que..." é da mais pura e irrelevante treta. Mas se tem conhecimento desses casos porque não diz concretamente quais são?

Cada um exige receber do estado quando bem entende. Uns têm capacidade de alavancagem para, de facto, o exigir (veja-se o que se passa na madeira) outros, infelizmente, não têm e sujeitam-se à arbitrária vontade pública.

Dizer que receber a 1000 dias deve ser a norma e receber a horas ou com juros deve ser a excepção revela muito sobre a mentalidade de quem o diz.

Mas comparar a ANF à máfia só pode ser, como diria JC, produto de uma mente doente.
# por Blogger Azrael : terça-feira, junho 24, 2014

 

 

 


"ASSINATURA Consiste".

Huuummm!!!...

Cheira-me a "criador" ressabiado...

Cocas

# por Anonymous Cocas : terça-feira, junho 24, 2014

 

 

 

Este senhor Consiste transpira veneno por todos os poros. E concordo com Asrael e outros.
Cuidado sr. Consite, não morda a língua, olhe que ainda morre envenenado.
-flávio.
# por Anonymous Anónimo : terça-feira, junho 24, 2014

 

 

 


O Cocas quase acertava.

Qual "criador" qual carapuça.

O "assinatura Consiste" não passa de um criado, corrido e, claro, ressabiado...

# por Anonymous Atanágio : quarta-feira, junho 25, 2014

 

 

 

j) Vogal do Conselho Consultivo
Fernando Jorge da Costa Freire, com domicílio profissional na Rua dos Bem Lembrados, nº 5, 2750-306
Cascais.

http://web3.cmvm.pt/sdi2004/emitentes/docs/fsd18303.pdf
# por Anonymous Anónimo : quarta-feira, junho 25, 2014

 

 

 

Por pontos:
- Multi-propriedades em Cascais - não é verdade. O que é verdade é que vários elementos de algumas familias têm, em Cascais, Lisboa, Almada, etc. várias farmácias. Isto não é nem nunca foi crime (a não ser em casamentos de entre farmacêuticos, com uniões de facto).
- Máfias - as provas vão surgindo. Isto ainda é só o começo. Mas quando se depararem com as farmácias de testas-de-ferro da drª Isabel dos Santos a investigação irá parar, à boa maneira siciliana.
- A ANF tem feito muito pelas farmácias e pelos farmacêuticos. Mas podia fazer muito mais se preocupasse mais com estes do que com as negociatas com o BES, com as seguradoras, e com o Xano da Holanda e sua rede da Polónia (continua a ser um contra-senso a ANF advogar a propriedade de farmácia para um farmacêutico e na Polónia possuir uma rede em conjunto com o Xano).


# por Blogger GreenMan : quinta-feira, junho 26, 2014

 

 

 

A maior empresária de África comprou a farmácia que era da Patrícia, a 90%, em Campolide. Selou assim o casamento com a família Cavaco/Montez. Os tempos das famílias de Cascais já lá vão. Agora, são as famílias do Mussulo.
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, junho 26, 2014

 

 

 

O apetite de "Africa" pelas farmácias, sabendo nós que é gente que não desperdiça dinheiro, só leva a pensar que ter farmácia ainda é muito rentável. Ou não?
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, junho 26, 2014

 

 

 


Há muitas e variadas formas de lavar o dinheiro que esses(as) oligarcas, no exercício de funções públicas ou seus próximos, roubam desalmadamente aos seus povos, que continuam a viver na miséria.
Metem milhões na Imprensa, por motivos óbvios, em quintas no Douro, no imobiliário, na banca, nas construtoras, etc, etc, agora, tambem nas farmácias.
Perder algum não é importante, e, na aquisição de farmácias, perdem com certeza, desde que os milhões roubados entrem no circuito dito "legal".
Ah, já agora, tambem investem forte e feio nos vistos dourados do Portas.

Atanágio




# por Anonymous Atanágio : quinta-feira, junho 26, 2014

 

 

 

Cuidado Atanágio!
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, junho 26, 2014

 

 

 

" A tralha socrática"
" A farmacêutica socialista"
" O mail"
E caterva...

Que lindo que isto vai, seguramente um mimo!
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, junho 26, 2014

 

 

 

"O que é verdade é que vários elementos de algumas familias têm, em Cascais, Lisboa, Almada, etc. várias farmácias. Isto não é nem nunca foi crime"

Pois não. Há muitos Presidentes de Câmara que não possuem património. Mas, as cunhadas, as sobrinhas, os filhos e afins, têm fortunas colossais, sem nunca terem tido actividade relevante. Também não é crime.

Não basta a César, ser sério. Tem que parecer sério.

Depois, do BPP, do BCP, da Caixa, do BPN, do Banif, chega agora o Rei Salgado. Também não é crime.

Paga o contribuinte.
# por Anonymous Anónimo : sexta-feira, junho 27, 2014

 

 

 

Não percebo o que é as fortunas dos familiares de presidentes de câmara têm a ver com a propriedade e gestão de empresas. Importa-se de explicar, anónimo?
# por Blogger Azrael : sexta-feira, junho 27, 2014

 

 

 

Querem-se fazer de parvos.

As propriedades de farmácias espalhadas por vários membros da família, sob a forma de testas de ferro, era tão legal como as fortunas feitas por vários autarcas, que não possuíam nada, estando todos os seus bens espalhados pelos primos e sobrinhos.

Não faltará muito para chegarem as Walgreen ou as Boots. Ao menos, o capital está cotado em Bolsa e a gente até pode comprar acções.
# por Anonymous Anónimo : sexta-feira, junho 27, 2014

 

 

 

Caro anónimo, não confunda ilegal com imoral. O sistema que vigorou durante muitos anos (e que subsiste) presta-se a isso. Legalmente, não há nada que se possa apontar - no papel está tudo certo. De resto, num país que liberta corruptos e ainda lhes dá emprego à vista de todos, e ver a corja do PSD calada que nem ratos enquanto o Isaltino prossegue a sua vida de "consultor", já nada há a apontar a moralidade que não seja evidente para todos excepto para a classe política.
# por Blogger GreenMan : sexta-feira, junho 27, 2014

 

 

 

Não percebo a sanha contra os "anónimos". Peçam ao Dr. Peliteiro para vedar o acesso aos "anónimos". Até porque o "Greenman" ou o "Asrael" parece que costumam estar nas festas do Beleza ou do Montez, de tão conhecidos que são!

Não se trata apenas de imoralidade, mas de ilegalidade, pois a "propriedade tinha uma escritura", mas depois existiam documentos "escondidos", algures num cofre de um advogado.

Vir para aqui dar como exemplo negativo o Isaltino, quando há os Valentins, ou os Narcisos, e até em Salvaterra de Magos foram descobertas pepitas. Ou será que o Dr. Vitorino não é sócio do candidato nº 1 dos laranjas ao Parlamento Europeu, na http://www.cuatrecasas.com/es/?
# por Anonymous Anónimo : sexta-feira, junho 27, 2014

 

 

 

É Azrael.
# por Blogger Azrael : sábado, junho 28, 2014

 

 

Enviar um comentário


 

 

 

ARQUIVOS

Maio 2003      Junho 2003      Julho 2003      Agosto 2003      Setembro 2003      Outubro 2003      Novembro 2003      Dezembro 2003      Janeiro 2004      Fevereiro 2004      Março 2004      Abril 2004      Maio 2004      Junho 2004      Julho 2004      Agosto 2004      Setembro 2004      Outubro 2004      Novembro 2004      Dezembro 2004      Janeiro 2005      Fevereiro 2005      Março 2005      Abril 2005      Maio 2005      Junho 2005      Julho 2005      Agosto 2005      Setembro 2005      Outubro 2005      Novembro 2005      Dezembro 2005      Janeiro 2006      Fevereiro 2006      Março 2006      Abril 2006      Maio 2006      Junho 2006      Julho 2006      Agosto 2006      Setembro 2006      Outubro 2006      Novembro 2006      Dezembro 2006      Janeiro 2007      Fevereiro 2007      Março 2007      Abril 2007      Maio 2007      Junho 2007      Julho 2007      Agosto 2007      Setembro 2007      Outubro 2007      Novembro 2007      Dezembro 2007      Janeiro 2008      Fevereiro 2008      Março 2008      Abril 2008      Maio 2008      Junho 2008      Julho 2008      Agosto 2008      Setembro 2008      Outubro 2008      Novembro 2008      Dezembro 2008      Janeiro 2009      Fevereiro 2009      Março 2009      Abril 2009      Maio 2009      Junho 2009      Julho 2009      Agosto 2009      Setembro 2009      Outubro 2009      Novembro 2009      Dezembro 2009      Janeiro 2010      Fevereiro 2010      Março 2010      Abril 2010      Maio 2010      Junho 2010      Julho 2010      Agosto 2010      Setembro 2010      Outubro 2010      Novembro 2010      Dezembro 2010      Janeiro 2011      Fevereiro 2011      Março 2011      Abril 2011      Maio 2011      Junho 2011      Julho 2011      Agosto 2011      Setembro 2011      Outubro 2011      Novembro 2011      Dezembro 2011      Janeiro 2012      Fevereiro 2012      Março 2012      Abril 2012      Maio 2012      Junho 2012      Julho 2012      Agosto 2012      Setembro 2012      Outubro 2012      Novembro 2012      Dezembro 2012      Janeiro 2013      Fevereiro 2013      Março 2013      Abril 2013      Maio 2013      Junho 2013      Julho 2013      Agosto 2013      Setembro 2013      Outubro 2013      Novembro 2013      Dezembro 2013      Janeiro 2014      Fevereiro 2014      Março 2014      Abril 2014      Maio 2014      Junho 2014      Julho 2014      Setembro 2014      Outubro 2014      Novembro 2014      Dezembro 2014      Janeiro 2015      Fevereiro 2015      Março 2015      Abril 2015      Maio 2015      Junho 2015      Julho 2015      Agosto 2015      Setembro 2015      Outubro 2015      Novembro 2015      Dezembro 2015      Janeiro 2016      Fevereiro 2016      Março 2016      Abril 2016      Junho 2016      Julho 2016      Agosto 2016      Setembro 2016      Outubro 2016      Novembro 2016      Dezembro 2016      Janeiro 2017      Fevereiro 2017      Março 2017     

 

Perfil de J. Soares Peliteiro
J. Soares Peliteiro's Facebook Profile

 


Directórios de Blogues:


Os mais lidos


Add to Google

 

 

Contactos e perfil do autor

 

 

Portugal
Portuguese flag

Blogues favoritos:


Machado JA

Sezures

Culinária daqui e d'ali

Gravidade intermédia

Do Portugal profundo

Abrupto

Mar Salgado

ALLCARE-management

Entre coutos e coutadas

Médico explica

Pharmacia de serviço

Farmácia Central

Blasfémias

31 da Armada

Câmara Corporativa

O insurgente

Forte Apache

Peopleware

ma-shamba



Ligações:

D. G. Saúde

Portal da Saúde

EMEA

O M S

F D A

C D C

Nature

Science

The Lancet

National library medicine US

A N F

Universidade de Coimbra


Farmacêuticos sem fronteiras

Farmacêuticos mundi


This page is powered by Blogger. Isn't yours?

Creative Commons License
Licença Creative Commons.