<$BlogRSDUrl$> Impressões de um Boticário de Província
lTradutor Translator
Amanita muscaria

Impressões de um Boticário de Província

Desde 2003


quinta-feira, 10 de novembro de 2011

O que é um Posto Farmacêutico? 

É escandaloso! Com tanta gente interessada em abrir uma farmácia o Infarmed não abre novos concursos desde, que me lembre, 2004, mas entretém-se a abrir concursos para postos farmacêuticos móveis.

Postos farmacêuticos? Isso era nos idos de 1950, no tempo da outra senhora. Ainda se fosse em Carrazeda do Aljube, mas no litoral, em S. Tirso?

Hummm... Huummm...

Etiquetas:


Peliteiro,   às  07:51

Comentários:

 

Tudo isto está a funcionar como no antigamente, não o antigamente da velha senhora mas o antigamente dos últimos anos anteriores à troika. O Paulo Macedo tem o prato cheio e ainda não teve tempo de se debruçar sobre este assunto. Penso que vão abrir mais farmácias a partir de 2012; não será uma enchente e não irá colocar em questão a viabilidade das "farmácias sociais". Mas isto é só o que eu acho...

 

 

 

A lei do coveiro correia de campos não podia levar a outra coisa!
Quem votou no PS deve estar muito satisfieto!
O povo que somos todos, quer bonito, fácil
e barato como nas lojas do chinês!
A ética a deontologia o sigilo e a honestidade neste país já não interessam para nada!
Cada país têm aquilo que mereçe...
É o salve-se quem poder e abaixo
os "milionários" da Farmácia, diz o povo!
A seu tempo vão torcer a orelha!
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, novembro 10, 2011

 

 

 

Esperem até o governo explicar qual a extensão da medida licenciamentos facilitados.
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, novembro 10, 2011

 

 

 

O que é isso dos licenciamentos facilitados?
Aguardo esclarecimento por favor.
E concordo com o anónimo sobre a lei do correia de campos.
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, novembro 10, 2011

 

 

 

Disclaimer: Não faço ideia de qual é Farmácia e qual a parafarmácia de que falam, muito menos de quem são. Este caso foi aqui trazido tendo em consideração não um caso particular mas a crítica à política de acessibilidade aos medicamentos seguida pelo Infarmed e ao cumprimento da legislação de instalação de farmácias.

Agradeço que os comentários anónimos não contenham acusações infundadas, dada a impossibilidade de as comprovar (muito embora o autor não se responsabilize pelo teor dos comentários, até porque muitas vezes nem os lê).
# por Blogger Peliteiro : quinta-feira, novembro 10, 2011

 

 

 

Está fácil de perceber esta jogada. A farmácia que xxxxxxx na localidade onde querem abrir o Posto farmacêutico, foi xxxxxxxxx e transferida para o centro de xxxxxxx xxxxxxx. Em lugar ficou uma parafarmácia que, consta-se, aceita receituário da população local que envia para a farmácia em xxxxx xxxxxxx. Agora pretendem abrir concurso para um posto farmacêutico onde pasme-se concorre a xxxxxxxx xxxxxxxxx que saiu de xxxxxxxx xxxxxxxxx e outra farmácia que até é xxx xxxxxxxx do proprietário, não vá o diabo tece-las, mais vale aumentar a probabilidade deste negócio ficar na família.
Assim vão as negociatas neste país...
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, novembro 10, 2011

 

 

 

De facto, até parece que que a "coisa" estará preparada para o dito xxxxxx, xxxxxx da farmácia transferida para xxxxxxxx xxxxxxxx e da parafarmácia que lá ficou, que tem, permanentemente, a atravancar a porta de entrada um cartaz impresso numa coisa que parece um automóvel:
"FARMÀCIA XPTO (a tal de xxxxxxx xxxxxxx) ENTREGAS AO DOMICÍLIO". A parafarmácia no edifício e a farmácia à porta, no automóvel...
As condições impostas no programa do concurso, nomeadamente a instalação no lugar de xxxxxxxx xxxxxxxxxx, o mesmo da parafarmácia e não outro qualquer lugar da Freguesia ainda que próximo ou até mais central, a obrigação da apresentação do contrato de arrendamento da loja e respectiva licença de utilização, tudo num prazo extremamente curto, favoreciam objectivamente quem já lá está instalado, dir-se-ia que o fato terá sido feito à medida...
Aliás, corre lá pela terra que é tu cá tu lá com ministros e, pasme-se, que o resultado já estará decidido.
Só resta esperar que a caranguejola, roleta, tômbola, ou o que quer que seja, não esteja martelada...
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, novembro 10, 2011

 

 

 

É um escândalo!
# por Blogger Peliteiro : quinta-feira, novembro 10, 2011

 

 

 

A Ordem dos Farmacêuticos tem que intervir!!!
# por Anonymous Masurício : quinta-feira, novembro 10, 2011

 

 

 

A Ordem!
O que é isso da Ordem!
Não tem poder nem margem de manobra.
Quando podia intervir, mesmo com muitas difilcudades, não teve coragem!
Ninguém fez frente ao correia de campos (ANF incluida) dada a divisão dos farmacêticos a olhar cada um para si e a detestar os colegas!
A demissão do c. de c. não se deveu aos farmaceuticos, borrados de medo!(como agora)
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, novembro 10, 2011

 

 

 

Então? O Peliteiro foi ameaçado com algum processo?
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, novembro 10, 2011

 

 

 

Isto é coisa do gang do M. Mendes. Leva caro mas mexe-se bem no Infarmed.
# por Anonymous Varada : sexta-feira, novembro 11, 2011

 

 

 

"O que e isso dos licenciamentos facilitados?"
nao fui eu que falei disso, mas do que sei sao uma serie de medidas que o governo vai apresentar para facilitar o estabelecimentos de negocios como por ex fabricas, comercios e etc
nao sei se as farmacias também vao fazer parte, mas pelo menos noutras areas vai mexer com os interesses estabelecidos e aumentar a concorrencia
# por Anonymous Anónimo : sexta-feira, novembro 11, 2011

 

 

 

E quando se poderão abrir novas farmácias??
# por Anonymous Anónimo : domingo, novembro 13, 2011

 

 

 

Não se sabe... Não se sabe...
# por Anonymous Anónimo : domingo, novembro 13, 2011

 

 

 

Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
# por Anonymous Anónimo : domingo, novembro 13, 2011

 

 

 

Os farmacêuticos são mesmo uns meninas. Fala-se em Tribunal e fogem todos, bico caladinho. Que raça de efeminados.
# por Anonymous Anónimo : domingo, novembro 13, 2011

 

 

 

As farmácias fecham as portas, abandonam as populações, abrem noutro lugar. Depois, ninguém pode abrir uma farmácia no lugar abandonado, mas a farmácia que saiu torna-se em parafarmácia e vende medicamentos sujeitos a prescriçao ou então abre um posto.
São essas portuguesadas que fazem desse país o atraso de vida que é. Espero bem que liberalizem a abertura das farmácias.
# por Anonymous Americano : segunda-feira, novembro 14, 2011

 

 

 

As tranferências de farmác. dentro do mesmo concelho já só podem ser feitas com autorização vinculativa das respectivas camaras M.
Os autarcas têm a faca e queijo na mão.
Mais um lei do famigerado C.C.que foi revogada!
As farm.só abandonam a população se os autarcas deixarem!
# por Anonymous Anónimo : segunda-feira, novembro 14, 2011

 

 

 

E as localidades que já perderam as farmácias? O quê delas?
# por Anonymous Anónimo : segunda-feira, novembro 14, 2011

 

 

 

Queixe-se ao C.Campos.
As farmácias e as parafarmácias à luz das leis actuais são meros negócios.
Olham por si como em qualquer negócio.
Os poderes públicos é que devem resolver o assunto.
Liberalizem a instalação,ponham a concurso,mudem as leis,facam o que quserem (como sempre).
Se não podes vence-los junta-te a eles e manda a ética ás malvas
(dizem as farmácias).
# por Anonymous Anónimo : segunda-feira, novembro 14, 2011

 

 

 

A linha da comissão Europeia é uma de liberalização e aumento da concorrência. Duvido que não se faça algo nesse sentido em Portugal, uma aproximação. A troika vai exigir. A questão é até que ponto.
# por Anonymous Anónimo : segunda-feira, novembro 14, 2011

 

 

 

Pois acho que se devem despachar!
Ou sim ou sopas!
Estou farto de tanta confusão.
# por Anonymous Anónimo : segunda-feira, novembro 14, 2011

 

 

 

Sosseguem, de fonte segura a liberalização não está em cima da mesa; não há tempo para pensar nisso, há assuntos mais urgentes para tratar.

Ja em Itália: «Liberalizaciones. En tres meses se liberalizará el sector público de suministro de agua; en seis, el de tratamiento de aguas residuales; en nueve, el transporte público, y en un año, las farmacias. Las barreras de entrada en algunos sectores profesionales como el de la abogacía serán rebajadas. De la misma forma, la regulación del sector de seguros y de los servicios públicos, como el del suministro del gas, será reducida.»
# por Blogger Peliteiro : segunda-feira, novembro 14, 2011

 

 

 

É engraçado que ainda em Junho passado 95% dos italianos votaram em referendo contra a privatização da água...
# por Anonymous Anónimo : segunda-feira, novembro 14, 2011

 

 

 

Liberalizar não esperava, por questões culturais, mas ainda espero que hajam concursos. Dr Peliteiro, a sua fonte segura não lhe disse nada sobre isso?
# por Anonymous Anónimo : terça-feira, novembro 15, 2011

 

 

 

Prós e contras na RTP : Inútil e vergonhoso.
Sairam todos mal e os espectadores
ficaram ainda mais confusos.
# por Anonymous Anónimo : terça-feira, novembro 15, 2011

 

 

Enviar um comentário


 

 

 

ARQUIVOS

Maio 2003      Junho 2003      Julho 2003      Agosto 2003      Setembro 2003      Outubro 2003      Novembro 2003      Dezembro 2003      Janeiro 2004      Fevereiro 2004      Março 2004      Abril 2004      Maio 2004      Junho 2004      Julho 2004      Agosto 2004      Setembro 2004      Outubro 2004      Novembro 2004      Dezembro 2004      Janeiro 2005      Fevereiro 2005      Março 2005      Abril 2005      Maio 2005      Junho 2005      Julho 2005      Agosto 2005      Setembro 2005      Outubro 2005      Novembro 2005      Dezembro 2005      Janeiro 2006      Fevereiro 2006      Março 2006      Abril 2006      Maio 2006      Junho 2006      Julho 2006      Agosto 2006      Setembro 2006      Outubro 2006      Novembro 2006      Dezembro 2006      Janeiro 2007      Fevereiro 2007      Março 2007      Abril 2007      Maio 2007      Junho 2007      Julho 2007      Agosto 2007      Setembro 2007      Outubro 2007      Novembro 2007      Dezembro 2007      Janeiro 2008      Fevereiro 2008      Março 2008      Abril 2008      Maio 2008      Junho 2008      Julho 2008      Agosto 2008      Setembro 2008      Outubro 2008      Novembro 2008      Dezembro 2008      Janeiro 2009      Fevereiro 2009      Março 2009      Abril 2009      Maio 2009      Junho 2009      Julho 2009      Agosto 2009      Setembro 2009      Outubro 2009      Novembro 2009      Dezembro 2009      Janeiro 2010      Fevereiro 2010      Março 2010      Abril 2010      Maio 2010      Junho 2010      Julho 2010      Agosto 2010      Setembro 2010      Outubro 2010      Novembro 2010      Dezembro 2010      Janeiro 2011      Fevereiro 2011      Março 2011      Abril 2011      Maio 2011      Junho 2011      Julho 2011      Agosto 2011      Setembro 2011      Outubro 2011      Novembro 2011      Dezembro 2011      Janeiro 2012      Fevereiro 2012      Março 2012      Abril 2012      Maio 2012      Junho 2012      Julho 2012      Agosto 2012      Setembro 2012      Outubro 2012      Novembro 2012      Dezembro 2012      Janeiro 2013      Fevereiro 2013      Março 2013      Abril 2013      Maio 2013      Junho 2013      Julho 2013      Agosto 2013      Setembro 2013      Outubro 2013      Novembro 2013      Dezembro 2013      Janeiro 2014      Fevereiro 2014      Março 2014      Abril 2014      Maio 2014      Junho 2014      Julho 2014      Setembro 2014      Outubro 2014      Novembro 2014      Dezembro 2014      Janeiro 2015      Fevereiro 2015      Março 2015      Abril 2015      Maio 2015      Junho 2015      Julho 2015      Agosto 2015      Setembro 2015      Outubro 2015      Novembro 2015      Dezembro 2015      Janeiro 2016      Fevereiro 2016      Março 2016      Abril 2016      Junho 2016      Julho 2016      Agosto 2016      Setembro 2016      Outubro 2016      Novembro 2016      Dezembro 2016      Janeiro 2017      Fevereiro 2017      Março 2017      Maio 2017      Setembro 2017      Outubro 2017     

 

Perfil de J. Soares Peliteiro
J. Soares Peliteiro's Facebook Profile

 


Directórios de Blogues:


Os mais lidos


Add to Google

 

 

Contactos e perfil do autor

 

 

Portugal
Portuguese flag

Blogues favoritos:


Machado JA

Sezures

Culinária daqui e d'ali

Gravidade intermédia

Do Portugal profundo

Abrupto

Mar Salgado

ALLCARE-management

Entre coutos e coutadas

Médico explica

Pharmacia de serviço

Farmácia Central

Blasfémias

31 da Armada

Câmara Corporativa

O insurgente

Forte Apache

Peopleware

ma-shamba



Ligações:

D. G. Saúde

Portal da Saúde

EMEA

O M S

F D A

C D C

Nature

Science

The Lancet

National library medicine US

A N F

Universidade de Coimbra


Farmacêuticos sem fronteiras

Farmacêuticos mundi


This page is powered by Blogger. Isn't yours?

Creative Commons License
Licença Creative Commons.