<$BlogRSDUrl$> Impressões de um Boticário de Província
lTradutor Translator
Amanita muscaria

Impressões de um Boticário de Província

Desde 2003


quinta-feira, 8 de setembro de 2011

O socialismo está vivo 

«Estado vai deixar de comparticipar pílulas e três vacinas vendidas nas farmácias. Distribuição continuará a ser gratuita nos centros de saúde.»

Dizia há dias o Prof. Amílcar Falcão, num inteligente texto, «A política do medicamento em Portugal», que «quando se delineia uma política, deve saber-se o que se quer, o que não se quer, o que se quer mas não se pode ter, e o que se pode ter mas não se quer». Ora eu não consigo entender o que preside a decisões como a de distribuir determinados medicamentos apenas nos Centros de Saúde e gratuitamente. Porquê estes e não outros? Que critérios? Porquê gratuitamente? Pretende-se poupar por via da difícil acessibilidade, da incompetente e suspeita gestão de stocks?
Num governo de direita, chamado de liberal, não seria de supor o contrário, acabar com a distribuição gratuita através dos ineficientes circuitos do medicamento dos centros de saúde e passar a fazê-lo, a custos controlados, através da mais competente rede de distribuição que são as farmácias portuguesas?

Espera-se do Ministério da Saúde «algo com sentido, algo com princípio, meio e fim, com objectivos bem definidos, independente dos ilegítimos interesses, enfim, uma política do medicamento» e não medidas desconexas e avulsas - oferecendo boa oportunidade de algazarra aos rottweilers de Sócrates -, e espero eu que não se propaguem decisões como esta, ou como a de nacionalizar as análises clínicas, perdendo todos nós em qualidade de serviço e em despesa pública.

Peliteiro,   às  14:56

Comentários:

 

A política do medicamento está capturada pela cega e vil economicite aguda...doença que vai alastar cada vez mais... basta a Grécia apresentar sinais de fraqueza e...

 

 

 

Vacinas e pílulas que perdem comparticipação são de graça nos centros de saúde
20h42m

O presidente da Autoridade Nacional do Medicamento e Produtos de Saúde (Infarmed) garantiu hoje que as vacinas e pílulas contraceptivas que vão deixar de ser comparticipadas estão disponíveis gratuitamente nos centros de saúde.

Em declarações à Agência Lusa, Jorge Torgal indicou que "não há justificação para as vacinas que estão nos centros de saúde serem comparticipadas para as pessoas as irem comprar nas farmácias".

"Havia a regra de que as vacinas incluídas no Plano Nacional de Vacinação, como a do tétano e a da varíola, não eram comparticipadas. Mas quando foi integrada a da hepatite B, que já era comparticipada, a comparticipação manteve-se, apesar de praticamente ter deixado de ser vendida nas farmácias", acrescentou.

O presidente do Infarmed argumentou que deixar de comparticipar as vacinas para venda fora do Serviço Nacional de Saúde "é um reforço" desse serviço.

Além da da hepatite B, vai deixar de ser comparticipada a do Haemophilus tipo B - "e não a da gripe, que continuará a ser comparticipada" -, de que se venderam cerca de mil embalagens no ano passado.

A vacina do papiloma humano - cancro do colo do útero - "também é administrada às raparigas entre os 10 e os 13 anos nos centros de saúde e não se justifica a sua comparticipação", referiu.
# por Anonymous JN : quinta-feira, setembro 08, 2011

 

 

 

A entrega da pílula é/deveria ser bem mais do que a venda ou fornecimento da mesma. Uma consulta de planeamento familiar seria o momento ideal para para este acto( a venda da pílula) algo que ultrapassa em muito o âmbito de simples fornecimento da mesma.

Aliás é este o motivo pelo qual uma farmácia tem farmacêuticos e técnicos de farmácia e não simples vendedores de medicamentos.

No entanto, pelo facto do planeamento familiar envolver assuntos melindrosos e que ultrapassam em muito o âmbito do medicamento em si, a farmácia não é o sítio mais adequado para a mesma consulta de planeamento, quer pela não vocação dos profissionais que lá exercem quer pela falta de privacidade.

Assim, seria sempre do mais elementar bom senso aproveitar a capacidade que o SNS tem, nomeadamento as USF e os Centros de Saúde, com uma força de trabalho que não está suficientemente aproveitada , tanto por culpa própria como de terceiros, para fornecer este serviço.

Acredito que, respeitando a liberdade de escolha dos utentes e garantindo que não existem barreiras de acesso aos cuidados de saúde, nos centros de saúde/USF, o resultado final será sempre menor despesa, maior qualidade e menor custo total para o sistema.

Assim, seria sempre do mais elementar bom senso aproveitar a capacidade que o SNS tem, nomeadamento as USF e os Centros de Saúde, com uma força de trabalho que não está suficientemente aproveitada , tanto por culpa própria como de terceiros, para fornecer este serviço.

Acredito que, respeitando a liberdade de escolha dos utentes e garantindo que não existem barreiras de acesso aos cuidados de saúde, nos centros de saúde/USF, o resultado final será sempre menor despesa, maior qualidade e menor custo total para o sistema.

Na realidade trata-se de aproveitar a capacidade instalada do SNS.
# por Blogger Mauro_G : sexta-feira, setembro 09, 2011

 

 

 

"Rotweillers de Sócrates" ´das melhores expressões que já li.
Cumprmts.
# por Anonymous João Afonso Machado : sexta-feira, setembro 09, 2011

 

 

 

Só se for nos desenhos animados!
# por Blogger mfc : sábado, setembro 10, 2011

 

 

Enviar um comentário


 

 

 

ARQUIVOS

Maio 2003      Junho 2003      Julho 2003      Agosto 2003      Setembro 2003      Outubro 2003      Novembro 2003      Dezembro 2003      Janeiro 2004      Fevereiro 2004      Março 2004      Abril 2004      Maio 2004      Junho 2004      Julho 2004      Agosto 2004      Setembro 2004      Outubro 2004      Novembro 2004      Dezembro 2004      Janeiro 2005      Fevereiro 2005      Março 2005      Abril 2005      Maio 2005      Junho 2005      Julho 2005      Agosto 2005      Setembro 2005      Outubro 2005      Novembro 2005      Dezembro 2005      Janeiro 2006      Fevereiro 2006      Março 2006      Abril 2006      Maio 2006      Junho 2006      Julho 2006      Agosto 2006      Setembro 2006      Outubro 2006      Novembro 2006      Dezembro 2006      Janeiro 2007      Fevereiro 2007      Março 2007      Abril 2007      Maio 2007      Junho 2007      Julho 2007      Agosto 2007      Setembro 2007      Outubro 2007      Novembro 2007      Dezembro 2007      Janeiro 2008      Fevereiro 2008      Março 2008      Abril 2008      Maio 2008      Junho 2008      Julho 2008      Agosto 2008      Setembro 2008      Outubro 2008      Novembro 2008      Dezembro 2008      Janeiro 2009      Fevereiro 2009      Março 2009      Abril 2009      Maio 2009      Junho 2009      Julho 2009      Agosto 2009      Setembro 2009      Outubro 2009      Novembro 2009      Dezembro 2009      Janeiro 2010      Fevereiro 2010      Março 2010      Abril 2010      Maio 2010      Junho 2010      Julho 2010      Agosto 2010      Setembro 2010      Outubro 2010      Novembro 2010      Dezembro 2010      Janeiro 2011      Fevereiro 2011      Março 2011      Abril 2011      Maio 2011      Junho 2011      Julho 2011      Agosto 2011      Setembro 2011      Outubro 2011      Novembro 2011      Dezembro 2011      Janeiro 2012      Fevereiro 2012      Março 2012      Abril 2012      Maio 2012      Junho 2012      Julho 2012      Agosto 2012      Setembro 2012      Outubro 2012      Novembro 2012      Dezembro 2012      Janeiro 2013      Fevereiro 2013      Março 2013      Abril 2013      Maio 2013      Junho 2013      Julho 2013      Agosto 2013      Setembro 2013      Outubro 2013      Novembro 2013      Dezembro 2013      Janeiro 2014      Fevereiro 2014      Março 2014      Abril 2014      Maio 2014      Junho 2014      Julho 2014      Setembro 2014      Outubro 2014      Novembro 2014      Dezembro 2014      Janeiro 2015      Fevereiro 2015      Março 2015      Abril 2015      Maio 2015      Junho 2015      Julho 2015      Agosto 2015      Setembro 2015      Outubro 2015      Novembro 2015      Dezembro 2015      Janeiro 2016      Fevereiro 2016      Março 2016      Abril 2016      Junho 2016      Julho 2016      Agosto 2016      Setembro 2016      Outubro 2016      Novembro 2016      Dezembro 2016      Janeiro 2017      Fevereiro 2017      Março 2017      Maio 2017      Setembro 2017      Outubro 2017     

 

Perfil de J. Soares Peliteiro
J. Soares Peliteiro's Facebook Profile

 


Directórios de Blogues:


Os mais lidos


Add to Google

 

 

Contactos e perfil do autor

 

 

Portugal
Portuguese flag

Blogues favoritos:


Machado JA

Sezures

Culinária daqui e d'ali

Gravidade intermédia

Do Portugal profundo

Abrupto

Mar Salgado

ALLCARE-management

Entre coutos e coutadas

Médico explica

Pharmacia de serviço

Farmácia Central

Blasfémias

31 da Armada

Câmara Corporativa

O insurgente

Forte Apache

Peopleware

ma-shamba



Ligações:

D. G. Saúde

Portal da Saúde

EMEA

O M S

F D A

C D C

Nature

Science

The Lancet

National library medicine US

A N F

Universidade de Coimbra


Farmacêuticos sem fronteiras

Farmacêuticos mundi


This page is powered by Blogger. Isn't yours?

Creative Commons License
Licença Creative Commons.