<$BlogRSDUrl$> Impressões de um Boticário de Província
lTradutor Translator
Amanita muscaria

Impressões de um Boticário de Província

Desde 2003


terça-feira, 23 de março de 2010

Questões sobre mordomias e corrupção 

ADSE gastou 1.000.000.000 de euros com saúde na função pública

Mas alguém explica porque terá Portugal um serviço de saúde especial para os funcionários públicos? Que mordomias são essas?
Já agora, alguém explica qual a política de convenções - quais os critérios estabelecidos - com os prestadores de serviços de saúde privados? A ADSE alguma vez foi auditada pela Comissão de Corrupção?

Peliteiro,   às  09:13

Comentários:

 

Boa tarde Dr. Peliteiro;
O que acha do novo curso da Universidade de Coimbra? Química Medicinal - Uma licenciatura da FCTUC com a colaboração da FFUC e da FMUC. Pasme-se, se não souber ainda, que o Dr. Amilcar Falcão, director da FFUC e mentor de cursos como Farmácia Biomédica e Ciências Bioanalíticas se encontra no corpo docente desta nova aberração!

Não acha que é tempo de se fazer algo contra esta falta de respeito, por parte do Dr. Falcão, pelos seus colegas e futuros colegas farmacêuticos?

Aqui fica um link para a notícia:
http://www.cienciahoje.pt/index.php?oid=40969&op=all

 

 

 

Despesa média por beneficiário em 2008 - 743.8€
# por Anonymous Nuno Pimentel : terça-feira, março 23, 2010

 

 

 

Willy, conheço bastante bem o Prof.º Amílcar Falcão, foi meu contemporâneo na Faculdade e tenho acompanhado com interesse a sua brilhante carreira como cientista.
É um farmacêutico com muito valor, muito inteligente, conhecedor, esforçado e sério.
Tenho a certeza que é bem intencionado.
Não conheço o contexto das decisões de criação desses cursos, mas, de facto, e talvez por isso, não as compreendo e, com os elementos que me são dados a conhecer, não concordo com elas.
# por Blogger Mário de Sá Peliteiro : terça-feira, março 23, 2010

 

 

 

Dr. Peliteiro, eu admiro o currículo do Dr. Amilcar Falcão. Como ele deveriamos ter muitos mais, mas não é por isso que deixam de ser dúbias as licenciatura que patrocina. Mais irrita o facto de parecer surgir, das mãos dele, de 2 em dois anos uma nova licenciatura que forma profissionais que competem com os farmacêuticos.
Já lá vão Ciências Biomédicas na U.Aveiro, que se bem me lembro , tem o plano curricular de uma das minors elaborada por ele, Farmácia Biomédica, Ciências Bioanalíticas e agora esta Química Medicinal.

Numa altura em que o ensino superior se encontra extremamente subfinanciado, sendo isto um facto, que se vê e se sente hoje em dia pelo estudante (e o próprio Dr. Peliteiro já o referiu aquando da sua públicação sobre a sua visita à sua residência dos tempos de estudante), não deixa de ser curioso constatar que estas licenciaturas se aproveitam de todo o potencial pedagógico, docente e material já instalado nas faculdades, não necessitando grande investimento por parte das mesmas. Imaginamos, muitos de nós que nos deparamos com esta enchente de cursos na área do medicamente, na UC, que a licenciatura não servirá de muito, sendo quase obrigatória a continuação de estudos no Mestrado que, como se sabe, cobra propinas altíssimas! Será que a FFUC vai proporcionar os mestrados a preço de licenciatura?
# por Blogger Willy : terça-feira, março 23, 2010

 

 

 

Com artistas como Sócrates à solta, se calhar seria mais inteligente ter alguma prudência na criação destes cursos, não? Não é que acredite muito nestes cursos, porque com os dados que tenho me parecem meras plataformas para angariar fundos do Estado para uma Universidade subfinanciada, aproveitando por a capacidade já instalada. Mas a continuar a seguir este caminho não faltará muito para outro artista, ao estilo de Sócrates ou Correia de Campos, vir retirar a exclusividade dos farmacêuticos sobre, por exemplo, as direcções técnicas na indústria farmacêutica. É um exemplo. Não vejo qualquer benefício na criação destes cursos - se é suprir uma alegada falta de profissionais no sector, então talvez fosse mais sensato e honesto o Sr. Director da FFUC aumentar o n.º de vagas para o MI em Ciências Farmacêuticas da instituição que dirige. Bem sabemos que há imensos farmacêuticos na área dos assuntos regulamentares, então toca a criar uma licenciatura em Farmácia Biomédica para competir com eles. Agora, Química Medicinal. O que virá a seguir? Uma licenciatura em Tecnologia Farmacêutica para as direcções técnicas da indústria farmacêutica? Acho tudo isto uma falta de respeito para com os estudantes de Ciências Farmacêuticas e para com o seu futuro profissional. Eu sou um deles.
# por Anonymous Anónimo : terça-feira, março 23, 2010

 

 

 

Boa Noite!

Cada discussão no seu tempo e no seu lugar.

A ADSE enquanto entidade financiadora dos encargos da saúde dos f. públicos e seus familiares, perto de 2 milhões de beneficiários, é um escândalo tão grande como os salários e prémios dos gestores de empresas públicas, ou privadas com capital público(p.ex. PT), onde o valor anual auferido pode ultrapassar o milhão de euros, mesmo tratando-se de empresas com prejuízo, como foi o caso da TAP em 2009.
A ADSE é um escândalo na medida em que os seus utentes, pagando apenas 0.5% da Salário,(já que o restante 1% deve-se à diferença de valores pagos à SS(11%)pelos utentes do SNS e os 10% pagos pelos fp para a CGA, actualmente com condições de reforma muito mais vantajosas que as da SS), tem muitas vantagens ao nível das consultas e exames complementares de diagnóstico. Um exemplo: enquanto que os utentes do SNS pagam cerca de 40€ no dentista, os utentes da ADSE, 13€(não sei se entretanto foi actualizado), o mesmo se passa com análises clínicas,rx, ecografias, etc.
Tendo em conta que os salários dos fp, em média são o triplo dos da privada, facilmente se concluirá que este sistema agrava as injustiças sociais.
A ADSE só faz sentido existir como um sub-sistema que controla os gastos dos seus beneficiários, evitando desperdícios na utilização dos meios disponíveis, mas sempre nas mesmas condições do SNS.
# por Anonymous Carlos F : terça-feira, março 23, 2010

 

 

 

E que tal os 150.000 euros que os pilotaços da TAP recebem quando se reformam?
# por Anonymous Anónimo : quarta-feira, março 24, 2010

 

 

Enviar um comentário


 

 

 

ARQUIVOS

Maio 2003      Junho 2003      Julho 2003      Agosto 2003      Setembro 2003      Outubro 2003      Novembro 2003      Dezembro 2003      Janeiro 2004      Fevereiro 2004      Março 2004      Abril 2004      Maio 2004      Junho 2004      Julho 2004      Agosto 2004      Setembro 2004      Outubro 2004      Novembro 2004      Dezembro 2004      Janeiro 2005      Fevereiro 2005      Março 2005      Abril 2005      Maio 2005      Junho 2005      Julho 2005      Agosto 2005      Setembro 2005      Outubro 2005      Novembro 2005      Dezembro 2005      Janeiro 2006      Fevereiro 2006      Março 2006      Abril 2006      Maio 2006      Junho 2006      Julho 2006      Agosto 2006      Setembro 2006      Outubro 2006      Novembro 2006      Dezembro 2006      Janeiro 2007      Fevereiro 2007      Março 2007      Abril 2007      Maio 2007      Junho 2007      Julho 2007      Agosto 2007      Setembro 2007      Outubro 2007      Novembro 2007      Dezembro 2007      Janeiro 2008      Fevereiro 2008      Março 2008      Abril 2008      Maio 2008      Junho 2008      Julho 2008      Agosto 2008      Setembro 2008      Outubro 2008      Novembro 2008      Dezembro 2008      Janeiro 2009      Fevereiro 2009      Março 2009      Abril 2009      Maio 2009      Junho 2009      Julho 2009      Agosto 2009      Setembro 2009      Outubro 2009      Novembro 2009      Dezembro 2009      Janeiro 2010      Fevereiro 2010      Março 2010      Abril 2010      Maio 2010      Junho 2010      Julho 2010      Agosto 2010      Setembro 2010      Outubro 2010      Novembro 2010      Dezembro 2010      Janeiro 2011      Fevereiro 2011      Março 2011      Abril 2011      Maio 2011      Junho 2011      Julho 2011      Agosto 2011      Setembro 2011      Outubro 2011      Novembro 2011      Dezembro 2011      Janeiro 2012      Fevereiro 2012      Março 2012      Abril 2012      Maio 2012      Junho 2012      Julho 2012      Agosto 2012      Setembro 2012      Outubro 2012      Novembro 2012      Dezembro 2012      Janeiro 2013      Fevereiro 2013      Março 2013      Abril 2013      Maio 2013      Junho 2013      Julho 2013      Agosto 2013      Setembro 2013      Outubro 2013      Novembro 2013      Dezembro 2013      Janeiro 2014      Fevereiro 2014      Março 2014      Abril 2014      Maio 2014      Junho 2014      Julho 2014      Setembro 2014      Outubro 2014      Novembro 2014      Dezembro 2014      Janeiro 2015      Fevereiro 2015      Março 2015      Abril 2015      Maio 2015      Junho 2015      Julho 2015      Agosto 2015      Setembro 2015      Outubro 2015      Novembro 2015      Dezembro 2015      Janeiro 2016      Fevereiro 2016      Março 2016      Abril 2016      Junho 2016      Julho 2016      Agosto 2016      Setembro 2016      Outubro 2016      Novembro 2016      Dezembro 2016      Janeiro 2017      Fevereiro 2017      Março 2017      Maio 2017      Setembro 2017      Outubro 2017      Dezembro 2017      Abril 2018      Maio 2018      Outubro 2018     

 

Perfil de J. Soares Peliteiro
J. Soares Peliteiro's Facebook Profile

 


Directórios de Blogues:


Os mais lidos


Add to Google

 

 

Contactos e perfil do autor

 

 

Portugal
Portuguese flag

Blogues favoritos:


Machado JA

Sezures

Culinária daqui e d'ali

Gravidade intermédia

Do Portugal profundo

Abrupto

Mar Salgado

ALLCARE-management

Entre coutos e coutadas

Médico explica

Pharmacia de serviço

Farmácia Central

Blasfémias

31 da Armada

Câmara Corporativa

O insurgente

Forte Apache

Peopleware

ma-shamba



Ligações:

D. G. Saúde

Portal da Saúde

EMEA

O M S

F D A

C D C

Nature

Science

The Lancet

National library medicine US

A N F

Universidade de Coimbra


Farmacêuticos sem fronteiras

Farmacêuticos mundi


This page is powered by Blogger. Isn't yours?

Creative Commons License
Licença Creative Commons.