<$BlogRSDUrl$> Impressões de um Boticário de Província
lTradutor Translator
Amanita muscaria

Impressões de um Boticário de Província

Desde 2003


segunda-feira, 11 de janeiro de 2010

Insensibilidade social 

O meu filho mais velho acaba este ano o 9º ano. A escola pública que frequenta está a organizar uma viagem de "fim de curso". A Paris!

Ora, como pode um filho de um pescador, de um operário das conservas de peixe ou de uma cordoaria, de um pequeno comerciante assolado pela crise, desempregados, etc., pagar a um filho um passeio de uma semana a Paris que custa mais de 500 euros? Deve aquilo que seria um momento de confraternização entre colegas transformar-se em, mais um, factor de exclusão entre os jovens?
E não colhe o argumento de que "a vida é assim mesmo". Porque a escola pública existe, é paga com os impostos de todos nós, exactamente para que todos, independentemente da sua condição sócio-económica, possam evidenciar mérito, procurando a igualdade de oportunidades, cimentando a coesão social necessária ao desenvolvimento de qualquer país.
Não ver isto, como não estarão a ver os professores organizadores da viagem, demonstra uma enorme insensibilidade social, é cruel.
[Para ver todos os comentários é necessário ir a "Enviar um comentário" e no fim da página clicar em "mais recentes"]

Peliteiro,   às  07:58

Comentários:

 

Pois, mas como podem eles, professores, ter sensibilidade social... não sentem minimamente o que se passa no país...

 

 

 

É como premiar os melhores alunos sem ter em conta as condições sociais, pessoais e familiares de cada um. O que conta é a nota quando há miudos que saem de casa sem pequeno-almoço. Que país é este?
# por Anonymous Anónimo : segunda-feira, janeiro 11, 2010

 

 

 

Acontece que na escola pública onde o seu filhinho anda, apesar de ser pública, é a escola pública frequentada maioritariamente pelos meninos queques, pelos meninos bem... Quantos excluídos haverá?!?! Vá às escolas públicas onde andam os filhos dos pescadores e veja lá se organizam viagens a Paris! De qualquer modo, estes pitos e estas pitas - como o seu filho - já andam a organizar viagens de "fim-de-curso"? Andam muito crescidos para a idade que têm... Haja noção!
# por Anonymous Anónimo : segunda-feira, janeiro 11, 2010

 

 

 

Dr. Peliteiro, isto nem parece um artigo escrito por um homem da direita e cheio de massa.
O livre mercado? Emtão os pobres e desprotegidos não deviam procurar uma escola menos elitista?
# por Anonymous Marx : segunda-feira, janeiro 11, 2010

 

 

 

os tempos mudam depressa... eu lembro-me quando fiz uma viagem comemorativa do final do 9ºano, foi a Ovar! e mesmo assim, na altura, muitos pais achavam que era um privilégio.

Os "padrões" destas viagens de "finalistas" vai aumentando... no 12º ano já não sei onde se irá, se no final do curso universitário a tendência é Brasil, Cuba, República Dominicana... e final do 9ºano, Paris é referência...
# por Blogger Andie : segunda-feira, janeiro 11, 2010

 

 

 

Jorge, como sabes o Pedro é um bocadinho mais velho e j... Ver maisá passámos pelo mesmo...Acabámos por perceber que uma agência de viagens estava por trás de tudo...vê se não é o mesmo caso!!!
Fomos a uma reunião feita na escola´"pública" com a Dir de Turma e um pseudo vendedor de viagens, que prometia uma viagem a Paris (em camioneta) - o que nos dias que correm é até um perigo, onde a escola não tinha qq responsabilidade, etc, etc.. Íamos sendo enganados!!! Até que, por iniciativa de alguns pais se sugeriu utilizar o avião (pois a diferença de custos é minima) e aí percebemos tudo...
Certifica-te de todos os pormenores, pois, no nosso caso, houve ingerência de uma empresa privada (através de uns Srs Profs) na dita escola pública.. isto, sem falar na exclusão...
# por Anonymous Filipa : segunda-feira, janeiro 11, 2010

 

 

 

na minha altura e não sou assim tão velho, havia 1 festa de fim de curso.
Quando terminava-mos a faculdade.
Hoje há 5...
finalista de infantário... finalista do ensino básico... finalista do 9º ano... finalista do 12º ano... finalista da faculdade... e se calhar até há mais...
# por Anonymous operario : terça-feira, janeiro 12, 2010

 

 

 

Já faz um tempo que não perdia tempo trocando opinião através do seu Blogue. Mas ía sempre passando por cá e lendo.
Hoje não resisti em deixar uma opinião. Ou melhor, duas. 1º. Sobre o tema introduzido por Si. Parece que nem todos os opinantes leram com atenção o que escreveu. E se leram, pelo que opinaram,não devem ter entendido o que está escrito. Ou então, sob a capa do anonimato, aproveitaram para mais um ataque de estupidez.
2º. Será que as autoridades escolares, a começar pelas da própria escola, ainda não se aperceberam que este tipo de viagens, de iniciativas, são um custo incomportável para muitas famílias, uma frustração para os que não têm possibilidade financeiras, um negócio reprovável de uns tantos agentes escolares?
Já sabemos a resposta. Só vai quem quer.Claro. Mas o simples facto de se permitir, ou nada fazer para travar este tipo de negócios,usando a natural apetência das crianças, sim, são crianças aqueles que frequentam o 9º ano, demonstra bem o nível de educadores que as escolas têm. E depois querem ser respeitados.

pobeirinho sem ser pela graça de deus.
# por Anonymous Anónimo : terça-feira, janeiro 12, 2010

 

 

 

o meu mais novinho blogue chama-se:
FAROL JURÍDICO...pretende ser algo aberto á reflexão e discussão á volta da lei. do direito da justiça, fundamentos, etc, etc,...Sera aquilo que eu eos que nele quiserem participar faremos...

e isto também diz respeito á sencibilidade social ou falta dela

o blog é o seguinte.

http://faroljuridico.blogspot.com
# por Blogger RENATOGOMESPEREIRA : terça-feira, janeiro 12, 2010

 

 

 

corrigindos cencibilidade çoxial
sensibilidade social onde se deve ler...
# por Blogger RENATOGOMESPEREIRA : terça-feira, janeiro 12, 2010

 

 

 

Eu estou de acordo com a reflexão sobre a visita de estudo, acho caro,longe e cedo demais. Mas sobretudo fazer viagens com alunos, numa época em que já é difícil que eles mantenham um comportamento aceitável dentro da escola... é de valentes. Sobretudo com pais que estão sempre à espreita para dizer mal dos professores!
# por Anonymous Anónimo : terça-feira, janeiro 12, 2010

 

 

 

Eu para fazer a minha viagem de fim de curso, tive que trabalhar para amealhar uns tostões, no fim da faculdade. Mas também não fiquei traumatizado por ter falhado todas aquelas a que não fui no liceu.
# por Anonymous Anónimo : terça-feira, janeiro 12, 2010

 

 

 

Será que li bem??
Viagem de fim de curso a Paris por concluir o 9º Ano???
Depois os alunos que ingressam na faculdade chegam arrogantes, mal-criados e estúpidos. Não admira, ao verem a vulgaridade premiada com viagens a Paris.
Garanto que é apenas uma questão de tempo até que um professor universitário malhe com uma cadeira no lombo destes meninos. Vontade não falta e os motivos são de sobra, tem valido apenas a paciência que, como se sabe, tem limites.
# por Anonymous Anónimo : terça-feira, janeiro 12, 2010

 

 

 

Sr. Professor:
Diga-me qual a Faculdade em que ministra para a minha filha não se matricular lá, não vá levar com uma cadeira pelas costas
# por Anonymous Anónimo : terça-feira, janeiro 12, 2010

 

 

 

Sr. Professor,
«malhar com uma cadeira no lombo destes meninos» é o que se chama na gíria académica "fazer uma cadeira"?
# por Anonymous Anónimo : terça-feira, janeiro 12, 2010

 

 

 

Mário o seu filho é aquele que joga nos iniciados do Varzim a defesa central?
Então deixe lá o rapaz ir porque até merece.
# por Anonymous Flores : terça-feira, janeiro 12, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Artur : terça-feira, janeiro 12, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : terça-feira, janeiro 12, 2010

 

 

 

Atenção que eu nunca disse que era professor universitário! Ser anónimo é diferente de ser mentiroso.
Mas reitero tudo o que referi atrás.
E se levar com a cadeira do lombo implicasse "fazer a cadeira" então não duvido que os alunos fariam fila em frente aos gabinetes dos professores para levarem com a dita cadeira.
# por Anonymous Anónimo : terça-feira, janeiro 12, 2010

 

 

 

Preocupado com a exclusão social?!
Quando o seu filho veste uma t-shirt Nike ou calça sapatilhas Adidas também se preocupa com o colega de carteira que não pode comprar o mesmo?! Isto é EXCLUSÃO SOCIAL!
Não há também uma saúde para ricos e para pobres?! Quando "velhotes" precisam de fazer análises clinicas ou comprar medicamentos, e não têem dinheiro para tal, o que faz, paga-lhos? Isto é EXCLUSÃO SOCIAL!
# por Anonymous Anónimo : terça-feira, janeiro 12, 2010

 

 

 

Sou professora na Flávio Gonçalves e concordo com a sua apreciação: é um escândalo.
# por Anonymous Anónimo : terça-feira, janeiro 12, 2010

 

 

 

Afinal o seu filho vai ou não vai ao passeio?
# por Anonymous Rebeca : terça-feira, janeiro 12, 2010

 

 

 

Se o seu filho não for o meu também não vai!
# por Anonymous MLC : terça-feira, janeiro 12, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : terça-feira, janeiro 12, 2010

 

 

 

A professora da Flávio está lá colocada pela primeira vez este ano? Só agora é que acha um escandalo? E nos anos anteriores? É que este já não é o primeiro...!
# por Anonymous Anónimo : terça-feira, janeiro 12, 2010

 

 

 

A professora da Flávio está lá colocada pela primeira vez este ano? Só agora é que acha um escandalo? E nos anos anteriores? É que este já não é o primeiro...!
# por Anonymous Anónimo : terça-feira, janeiro 12, 2010

 

 

 

sou aluno do 9ºano da escola Dr. Flavio Gonçalves. Há aqui um grande mal entendido.
Tudo que aqui se diz até parece que são os professores que nos querem levar a Paris mas a verdade é que fomos nós que desde 7ºano lhes andamos a pedir que nos levassem a Paris quando terminassemos o 9ºano.
O resto é conversa.
# por Anonymous Anónimo : terça-feira, janeiro 12, 2010

 

 

 

Eu também sou aluna do 9º ano na mesma escola e o que disseste é verdade pa! Os professores vao assumir uma responsabilidade e estão dispostos a "aturar-nos" depois de acabarem as aulas! Há quem esteja a entender tudo mal! Nao ha excluidos nem incluidos.
# por Anonymous Anónimo : terça-feira, janeiro 12, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : terça-feira, janeiro 12, 2010

 

 

 

O seu filho é um rapazinho muito bonito e muito bem educado. É muito inteligente, muito culto, aluno de 5s, e um grande atleta do nosso Varzim.

Vamos fazer uma petição:

"DEIXE IR O PELITEIRINHO A PARIS"
Todos a repetir...
# por Anonymous Arquit : terça-feira, janeiro 12, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : terça-feira, janeiro 12, 2010

 

 

 

Eu tambem sou aluno do 9ºano, e caso nao saiba Dr. Peliteiro, o grupinho do turma do seu filho, os rapazes queques, e que tiveram a inicativa da ida a Paris. Pois, inicialmente, a ideia era uma ida as parchanas ou a Espanha... mas claro que este grupinho negou logo... e sabe o que eu ovi dizer?? O seu filho, quando os colegas disseram que queriam ir a Espanha ou parchanas, disse: " que estupidez.... as parchanas vou eu com os meus pais e ja me fartei de ir a Espanha...." antes de escrever um texto assim interrogue primeiro o seu filho e pergunte-lhe o que se esta a passar...
# por Anonymous Anónimo : terça-feira, janeiro 12, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : terça-feira, janeiro 12, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : terça-feira, janeiro 12, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : terça-feira, janeiro 12, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : terça-feira, janeiro 12, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : terça-feira, janeiro 12, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous JUIZ : terça-feira, janeiro 12, 2010

 

 

 

O MIGUEL VAI A PARIS?
Li e reli o seu post. Comovente! Sensibilizador! Cheio de valores!
Como concordo consigo quando diz "Porque a escola pública existe, é paga com os impostos de todos nós, exactamente para que todos, independentemente da sua condição sócio-económica, possam evidenciar mérito, procurando a igualdade de oportunidades, cimentando a coesão social necessária ao desenvolvimento de qualquer país"
Tanto pagamos de impostos (o senhor muito mais do que eu) e vemos os nossos filhos ser excluídos porque por motivos económicos. O seu talvez não!!! O meu quase de certeza!
Sou encarregado de educação de um COLEGA do seu filho e eu gostava de lhe colocar a seguinte questão: porque o meu educando nunca foi convidado para a festa de anos do seu filho?
Provavelmente conheço a resposta. Não faz parte do círculo mais restrito de amigos do seu filho, não veste o mesmo tipo de roupa, não pertence ao mesmo grupo social. Mas o pai defende outros valores. Transmitiu ao filho? Esquecimento ou falta de tempo? Com um currículo tão vasto opto pela segunda hipótese.
Mas o que me trás aqui é outra coisa.
O MIGUEL VAI A PARIS?
É esta resposta que necessito de saber.
Se ele for o meu educando NÃO VAI!
Quer saber porquê?
Como pai atento que o senhor é, peça ao Miguel para abrir à sua frente o Facebook dele. Veja as fotos que ele lá tem. Se o Sr. é analista como me disseram, não tem apenas um filho, mas um futuro cliente. Veja com os seus própros olhos a quantidade de latas de cerveja que o rodeiam. Quem falou em "um momento de confraternização entre colegas"? É a isto que se referia? Diga lá se não dá jeito às vezes ter um educando que é um "excluído social"?
E só para terminar. Não fale em nome de ninguém porque o senhor não é "um pescador, um operário das conservas de peixe ou de uma cordoaria, um pequeno comerciante assolado pela crise, um desempregado". Fale apenas em seu nome porque ninguém lhe encomendou o discurso.
O MIGUEL VAI A PARIS?
# por Anonymous Anónimo : terça-feira, janeiro 12, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : terça-feira, janeiro 12, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : terça-feira, janeiro 12, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : terça-feira, janeiro 12, 2010

 

 

 

Portanto, os meninos queques querem ir a Paris e não se contentam com uma viagem a Espanha. Muito mal habituados estes miúdos... Os papás ricos dão-lhes tudo, fazem-lhe todas as vontadinhas e depois os meninos fazem birra e sonham alto.
# por Anonymous Anónimo : terça-feira, janeiro 12, 2010

 

 

 

Considero absolutamente ridículo o ponto a que esta discussão chegou. Quem ler os comentários que foram deixados nem os associa ao texto que provocou tanto alarido. É muito bonito preocuparem-se com a exclusão social, com as dificuldades económicas e com as escolas elitistas... Mas a verdade é que a escola em questão é frequentada por todo o tipo de alunos, de diferentes estratos sociais e económicos! Para além de ser a única escola básica no centro da Póvoa, de 2º e 3º ciclo. A viagem de finalistas a Paris já existe há vários anos e sempre gerou polémica em relação a diversas questões mas a verdade é que os alunos continuam a insistir com os professores, que como já referiram se disponibilizam para "aturar" os meninos fora do tempo lectivo. Antes de se decidir o destino os professores questionam os alunos sobre este assunto e só depois de se chegar a um consenso é que a viagem começa a ser planeada. As únicas questões que quero frisar aqui são, em 1º lugar, a tempestade no copo de água que se gerou, típica do portuguesinho que só sabe reclamar e mostrar-se descontente em vez de procurar agir de forma racional. E em 2º lugar, tentar transmitir que nem a escola nem os professores são culpados desta situação, muito menos o Miguel que é quem vai pagar por esta confusão...
Fui aluna há pouco tempo nesta escola e já passei por esta situação por isso tenho conhecimento dos factos.
# por Anonymous Anónimo : terça-feira, janeiro 12, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : terça-feira, janeiro 12, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : terça-feira, janeiro 12, 2010

 

 

 

De facto nada melhor que uma causa comum ou não para deixar-nos logo soltar a vontade de "opinar" que cada um de nós, num exercício proprio da nossa liberdade, possui dentro de si......
Quando o meu educando, hoje chegou a casa, o primeiro comentário que soltou, foi exactamente sobre um determinado post, colocado num blogger qualquer...e eu fui ver.
E vi, vi aquilo que uma mera e simples opinião consegue fazer.
O seu autor, apenas exerce a sua liberdade de opinião para dizer que não concorda com o facto de se organizar uma viagem de finalistas (9º ano) e para a qual se pague 500 euros...Tendo em conta que nem todos os alunos têm acesso á mesma e deveria ser tido em conta isso por quem a organiza, pois pode isso tornar-se motivo de "exclusão".
Apenas isto..
É discutivel.. Eu concordo parcialmente..No entanto não deixarei de proporcionar ao meu educando o prazer de tal viagem...
O resto, tudo o que se diz a seguir, são variações sobre o tema.
E algumas das variações, são de muito mau gosto.....Se a condição social do blogger, lhe permite que o filho vá todos os dias a Paris, é um problema dele, não foi essa a questão principal.
Se o individuo é ou não culto, que diferença faz, para a questão?
Se o filho é bom ou mau aluno, que importa? que relação de causualidade tem com a opinião do pai? Será que é crime ter opinião? Eu acho que ele fez bem em comentar desta forma, e acho tambem que o meu educando ficará feliz ao fazer a viagem....Por paradoxal que seja é assim que o mundo se faz....saibamos usar a liberdade que nos deram.....eu não concordo com o ponto de vista do autor, mas não lhe deixarei de dar alguma razão: ÁS VEZES È NECESSÁRIO ABANAR AS CONSCIÊNCIAS...
# por Anonymous Jose : terça-feira, janeiro 12, 2010

 

 

 

Agora os professores não têm responsabilidade nenhuma, os alunos é que escolheram a viagem, os alunos é que decidem, eles são apenas uns sacrificados que abandonam as famílias para ir aturar os meninos.
Para que servem professores assim?
# por Anonymous ENR : terça-feira, janeiro 12, 2010

 

 

 

eu acho que o problema está no facto de não organizarem viagens de finalista prós pais.....eu ia..o paliteiro tabem..e maria tambem..e o joão e a rita.....era um forrobódó incrivel....agora os putos que conseguem curtir???nada...
abaixo as viagens pós filhos....venha as viagens pós pais...biba a escola flavio gonçalves
# por Anonymous neca : terça-feira, janeiro 12, 2010

 

 

 

Caraças!!!
Grande reacção a este pequeno texto do Jorge Peliteiro.

Porque será? Porque será? Hummm... Tocou-se em algum ponto sensível?
# por Anonymous Graça : terça-feira, janeiro 12, 2010

 

 

 

Lamentável é virem para aqui adultos ameaçar uma criança. Cobardes.
# por Anonymous Viriato : terça-feira, janeiro 12, 2010

 

 

 

Aqui há gato!
# por Anonymous Anónimo : terça-feira, janeiro 12, 2010

 

 

 

Muito se escreve e pouco se diz.
Já agora onde se ameaça a criança que não encontro esse comentário?
# por Anonymous Anónimo : terça-feira, janeiro 12, 2010

 

 

 

Dr. Peliteiro,
Esta gente é pior que os tribunais da Inquisição. Nem o leram com atenção, apenas sentiram o cheiro a sangue e toca de atacar. São irracionais.
# por Anonymous MCRT : terça-feira, janeiro 12, 2010

 

 

 

Fogo Peliteiro...Não sabia que havia gente tão mesquinha e anónima a proferir tantas ameaças em cima do teu filho: "o seu filho é que vai sofrer com isto" isto são frases de gente? mais me parece proveniente dessa geração ao estilo "dámotelemoveljá"...muito tipico dos "subsidiodependentes"...
Conheço-te há muitos anos...sei quanto subsiste a pulso na vida e sei.como tu, que as coisas não são fáceis...mas este pessoal inventa e denigre as pessoas...porque de manhã quando se levantam não se feconhecem, nem se aceitam quando se miram ao espelho...e depois botam em cima dos inocentes todo o fel que possuem...neste caso o inocente foi o teu filho...Não esmoreças,nem te sintas ameaçado.. ese o teu filho porventura ler estas minhas palavras e a dos outros detratores do pai, digo-lhe que como ele sabe deve ter muito orgulho e alegria por ter o pai que tem...que por onde passa e onde quer que seja é solidário e amigo do seu amigo...e que está sempre pronto a fazer sacrificios pelos outros...mas é claro ninguém é perfeito e o peliteiro tem dois grandes handicaps...é psd e do fcp...
# por Blogger RENATOGOMESPEREIRA : terça-feira, janeiro 12, 2010

 

 

 

Dada a grande quantidade de comentários (nunca vista por aqui) e porque podem necessitar de um contacto mais pessoal com o dono deste blog (para algum esclarecimento adicional) recomendo a consulta da seguinte página onde se encontra o seu e-mail e o número do seu telemóvel:
http://sites.google.com/site/peliteiro/
# por Anonymous Anónimo : quarta-feira, janeiro 13, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quarta-feira, janeiro 13, 2010

 

 

 

Podia ter usado do cumprimento das regras de tolerância zero enunciados na caixa de redacção de comentários e apagado completamente a grande maioria dos comentários aqui deixados, como habitualmente faço.

Mas apaguei apenas aqueles especialmente ofensivos, malcriados, ameaçadores, imbecilmente descontextualizados ou com suposições e extrapolações desconexas. Para tentarmos perceber a reacção a um simples texto de dois parágrafos.

Fico sempre desgostoso com uma frequência de tão baixo nível aqui no blogue, gentinha ignorante e estúpida que não sabe discutir ou aceitar opiniões diversas. Enfim...
# por Blogger Mário de Sá Peliteiro : quarta-feira, janeiro 13, 2010

 

 

 

Obrigado Renato, velho amigo.
# por Blogger Mário de Sá Peliteiro : quarta-feira, janeiro 13, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quarta-feira, janeiro 13, 2010

 

 

 

4? É resposta?
# por Anonymous Anónimo : quarta-feira, janeiro 13, 2010

 

 

 

Nunca achei bem premiar a mediocridade com prémios de consolação. A meu ver, a criança não deve viver num mundo utópico e acreditar que não há nem primeiro, nem ultimo lugar, e que todos são iguais. Não estou com isto a querer dizer que a atitude da escola não é discriminatória, mas não podemos afastar os nossos filhos da realidade crua e dura que se vive na adultícia. A competição existe. Pode ser que os miúdos que não podem ir a Paris percebam o porquê de não poderem, e quem sabe, no futuro, trabalhem, enriqueçam, e façam os seus filhos ir a Paris na altura deles.
# por Anonymous Anónimo : quarta-feira, janeiro 13, 2010

 

 

 

63 comentários deve constituir um recorde…
Talvez cheguemos até aos 69 o célebre “curioso número”…
E tudo por causa de uma questiúncula.
Gosto de passar os olhos por este blogue e adoro deixar comentários e provocações anónimas.
Nunca algum comentário meu foi eliminado, apesar de me colocar nos antípodas sociopolíticos do autor. Até já troquei impressões com o Dr. Peliteiro, permanecendo sempre anónimo. Posso atestar a liberdade que o Dr. Peliteiro proporciona no espaço que mantém.
Não concordo na forma como a questão foi abordada pelo autor.
Nestas idades, a divisão social sente-se na primeira semana de aulas. Não pelas marcas de vestuário que cada um carrega, mas pelo facto do filho do Sr. Doutor já conhecer o filho do Sr. Engenheiro, e o filho do Serralheiro já conhecer o filho do Torneiro Mecânico. Qualquer tentativa da direcção escolar em maquilhar estas diferenças sociais seria hipocrisia.
Acho até que as escolas deveriam promover a consciência de classe!
Agora, se alguém tem possibilidade de proporcionar aos seus filhos uma visita a Paris acho que devem aproveitar. Já visitei essa cidade uma dúzia de vezes e sinto que é sempre algo de maravilhoso.
Lembro-me perfeitamente da primeira vez que lá estive. Tinha 15 anos, fui com um bilhete de autocarro pago com muito esforço pelos meus pais, e fiquei na casa de um emigrante amigo de família, operário da construção civil. Sem dinheiro no bolso foi uma experiência maravilhosa e enriquecedora.
Mas não creio que seja boa política educativa mandar os filhos a Paris como prémio pela conclusão do 9º ano!
Para terminar, desviar críticas ao texto do autor, concorde-se ou não (e eu não concordo!), para aspectos e factos da vida privada do filho, que eu não faço a mínima ideia de quem seja nem tenho interesse em saber, ultrapassa todos os limites da decência e hombridade. Só podem ser classificados como mesquinhos e cobardes (anónimos ou não).
PS:
Dr. Peliteiro, mande o seu filho a Paris, nessa idade vale sempre a pena. Mas não pela escola, arranja de certeza um preço mais barato em qualquer agência de viagens e sem chatices!
# por Anonymous Anónimo : quarta-feira, janeiro 13, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quarta-feira, janeiro 13, 2010

 

 

 

Concordo com o sentido que proferiste no texto inicial, não há sensibilidade social. Claro que vai haver sempre pessoas com mais possibilidade económicas do que outras. Vai haver sempre pessoas com um "nivel" social diferente das outras. Aceito que as festas de anos de um rapaz qualquer não tenham que ir os colegas todos de turma. Sempre aceitei isso e considero que esse é um dos grandes motores da sociedade, a igualdade estagna. Contudo, e como tu, não concordo que se crie um ambiente "opressor" dos mais débeis, quer economicamente quer culturalmente. Seria fácil analisar o nível económico da população escolar e encontra um nível que 80% dos alunos/pais pudessem suportar e procurar uma forma de conseguir integrar os outros 20%. Se nesse padrão entrar uma viagem a Nova York em teoria não veria qualquer problema. Mas não será, como falado por vários comentários demasiados "fins de curso".
Avança Mário estou contigo.
# por Anonymous Anónimo : quarta-feira, janeiro 13, 2010

 

 

 

O comentário anterior é meu...
Por lapso publiquei como anónimo...
# por Anonymous Nuno Pimentel : quarta-feira, janeiro 13, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Miguel : quarta-feira, janeiro 13, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Miguel : quarta-feira, janeiro 13, 2010

 

 

 

Eu chamo a esta iniciativa, ausência total de bom senso.
As elites em Portugal, a começar nos políticos e acabar nos licenciados, não fazem a mínima ideia do que significa viver em hoje em Portugal, com menos de 600€, que é o ganham a maioria dos Portugueses. Por isso é que o País está como está.
Parabéns Jorge pela tua denúncia. É de facto um escandalo. Também é verdade que a Fenprof(pró-PCP/BE)negociou 2000€ liquidos para os prof,s no topo da carreira(para docentes com 40 e poucos anos), mas isso é só um pormenor como se comportam as elites.
Por acaso consegues explicar esta injustiça aos teus amigos do PSD?
# por Anonymous Carlos F : quarta-feira, janeiro 13, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quarta-feira, janeiro 13, 2010

 

 

 

REDUTOR, (viajar significa acrescentar tempo de vida) devemos castrar a ambição dos jovens? Conheço o empenho de alguns alunos e professores em conseguir os meios para que o objectivo se concretize. O contrário é que eu chamaria de exclusão social.
Meu caro, o que será mais enriquecedor, oferecer um telemóvel topo de gama ao filho pelo Natal, ou facultar-lhe uma viagem cultural?
Quanto aos professores acho que mereciam mais respeito pelo trabalho desinteressado que realizam e pela coragem e empenho que demonstram em organizar esta viagem.
Que tal uma viagem de metro a Aguçadoura?
# por Anonymous Anónimo : quarta-feira, janeiro 13, 2010

 

 

 

O autor deste post tem todo o direito de expressar a sua opinião e reconheço que o seu ponto de vista é, infelizmente, parcialmente verdade . Contudo, gerou-se aqui um grande equívoco.
Esta escola , nos 5 anos que a frequntei, sempre primou não só pela qualidade do seu ensino como também pela cidadania e hombridade dos seus alunos.´
inês
Assim sendo, sinto-me também no dever de defender os chamados "insensíveis" da questão. Em primeiro lugar gostaria de frisar que, á semelhança do que outros alunos já referiram, fomos nós, os alunos, que pedimos e temos vindo a insistir com os professores na viagem a Paris. Em segundo lugar, todos nós, crianças ou não, sabemos que as difenças sociais existem e é por isso, que um dos objectivos levados a cabo quando se fala de uma viagem de finalistas, é realizar-se actividades complementares que visam diminuir os custos de uma possível viagem.
"Vamos todos!" é o lema que emana entre nós. Sei que, infelizmente, muitas vezes isso não é possível. Mas questiono: existe mais respeito, cidadania, realidade ou amizade do que isto ? Não . Isto faz-nos crescer e ter outras visões á cerca daquilo que nos espera "lá fora".. a realidade das coisas.
E se aqui existe alguém insensível somos nós, os alunos . Porque apesar de todos trabalharmos para todos, fomos nós que pedimos aos professores esta viagem e que, sem benefícios (como referiram) e com muita resposabilidade envolvida, eles levam os filhos dos outros a passear, a um sítio muito bonito e que para muita gente é a primeira vez que lá vai. Por outro lado, dão-nos o prazer de disfrutar de uma semana com amigos que talvez nunca mais os voltaremos a ver, semana essa que tenha a certeza que nunca mais será esquecida.
Portanto como aluna só tenho de agradecer aos professores e relembrar que continuaremos a trabalhar com vista a todos podermos gozar dessa possível ( pois a viagem nem sequer está confirmada) viagem de finalistas.
# por Anonymous Anónimo : quarta-feira, janeiro 13, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quarta-feira, janeiro 13, 2010

 

 

 

O autor deste post tem todo o direito de expressar a sua opinião e reconheço que o seu ponto de vista é, infelizmente, parcialmente verdade . Contudo, gerou-se aqui um grande equívoco.
Esta escola , nos 5 anos que a frequntei, sempre primou não só pela qualidade do seu ensino como também pela cidadania e hombridade dos seus alunos.
Assim sendo, sinto-me também no dever de defender os chamados "insensíveis" da questão. Em primeiro lugar gostaria de frisar que, á semelhança do que outros alunos já referiram, fomos nós, os alunos, que pedimos e temos vindo a insistir com os professores na viagem a Paris. Em segundo lugar, todos nós, crianças ou não, sabemos que as difenças sociais existem e é por isso, que um dos objectivos levados a cabo quando se fala de uma viagem de finalistas, é realizar-se actividades complementares que visam diminuir os custos de uma possível viagem.
"Vamos todos!" é o lema que emana entre nós. Sei que, infelizmente, muitas vezes isso não é possível. Mas questiono: existe mais respeito, cidadania, realidade ou amizade do que isto ? Não . Isto faz-nos crescer e ter outras visões á cerca daquilo que nos espera "lá fora".. a realidade das coisas.
E se aqui existe alguém insensível somos nós, os alunos . Porque apesar de todos trabalharmos para todos, fomos nós que pedimos aos professores esta viagem e que, sem benefícios (como referiram) e com muita resposabilidade envolvida, eles levam os filhos dos outros a passear, a um sítio muito bonito e que para muita gente é a primeira vez que lá vai. Por outro lado, dão-nos o prazer de disfrutar de uma semana com amigos que talvez nunca mais os voltaremos a ver, semana essa que tenha a certeza que nunca mais será esquecida.
Portanto como aluna só tenho de agradecer aos professores e relembrar que continuaremos a trabalhar com vista a todos podermos gozar dessa possível ( pois a viagem nem sequer está confirmada) viagem de finalistas.
Ines
# por Anonymous Anónimo : quarta-feira, janeiro 13, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quarta-feira, janeiro 13, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quarta-feira, janeiro 13, 2010

 

 

 

Este mundo está a ficar de doidos. Dás uma opinião - quanto a mim muito sensata e pertinente - e vem de lá tamanho tsunami de imbecilidades...
Nem imaginam o tipo impecável que és, nem a jóia do filho que tens.
Grande abraço.

Zetó
# por Blogger José António Passos : quarta-feira, janeiro 13, 2010

 

 

 

A meu ver o Peliteiro tem razão se quiserem levar os alunos e irem todos, a ida a paris não é a indicada!
# por Anonymous Anónimo : quarta-feira, janeiro 13, 2010

 

 

 

Peliteiro, dedique-se à caridade.
# por Anonymous Anónimo : quarta-feira, janeiro 13, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous pessoa com muito orgulho nos seres fantásticos que nos ensinam a cada passo : quarta-feira, janeiro 13, 2010

 

 

 

Bravo!!!

(agora apague rr. peliteiro)
# por Anonymous Anónimo : quarta-feira, janeiro 13, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous João Maio : quarta-feira, janeiro 13, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quarta-feira, janeiro 13, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quarta-feira, janeiro 13, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quarta-feira, janeiro 13, 2010

 

 

 

Comentarios acima feitos pelo ALUNO AA!!!!
# por Anonymous Anónimo : quarta-feira, janeiro 13, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quarta-feira, janeiro 13, 2010

 

 

 

Sr. Peliteiro não venhas com tretas a dizer que a viagem é pouca cara, pois o seu caso financeiro parece ser elevado já demonstrado por alguns comentários.Á cerca da viagem poderá ser o último dia em que os colegas de turma poderão desfrutar de conjunto de dias na brincadeira, na risota e você ver para aqui a ter a intenção de arruinar um momento que eu gostaria de ter. Pense um bocadinho e coloque-se no lugar desses alunos. E vem inventar o "tema" de os professores serem INSENSÍVEIS , (por amor de Deus) o sr. já pensou que os professores "matam-se" a tempo e horas para organizar uma viagem de final de ano!!... Reflicta mais um pouco á cerca desta viagem ..

Comentário DE UM ALUNO DA ESCOLA Dr. Flávio Gonçalves .......
# por Anonymous Anónimo : quarta-feira, janeiro 13, 2010

 

 

 

Que raio de professores de português têm na escola Flávio Gonçalves? É com cada erro!
# por Anonymous Anónimo : quarta-feira, janeiro 13, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quarta-feira, janeiro 13, 2010

 

 

 

Estes são piores que os enfermeiros
# por Anonymous Anónimo : quarta-feira, janeiro 13, 2010

 

 

 

Muito mais do que os insultos rasteiros incomodam-me os comentários que revelam incompreensão total daquilo que eu escrevi. Uns chamam-me avarento, outros perdulário; uns rico, outros pobre; uns julgam que eu preferia Espanha, outros NY; uns que defendo os pobres e oprimidos, outros os ricos e poderosos. Esta gente não sabe ler???
# por Blogger Mário de Sá Peliteiro : quarta-feira, janeiro 13, 2010

 

 

 

Mas pelos vistos a escola não está a organizar nada - ou melhor dizendo, a iniciativa "Paris" e "viagem de fim de curso" não partiu da instituição, mas dos alunos da mesma. O que está a ser feito é, alegadamente, a pedido dos alunos (onde se inclui o seu filho, que também fará parte do rol de alunos que pediu para fazer esta viagem). Mesmo assim, você é manifestamente desfavorável a tal porque existem desigualdades económicas entre alunos e nem todos terão a possibilidade de participar. Muito bem. Mas pelos vistos há quem discorde da sua opinião e esteja disposto a fazer um linchamento público para abafar a sua opinião...
# por Anonymous Anónimo : quarta-feira, janeiro 13, 2010

 

 

 

bom, vou contribuir para chegar ao 100º comentário. Muito bom.

Quando cheguei ao blog, até me assustei com a quantidade de comentários. Pensei que estariam a comentar o sismo no Haiti. Mas não.

A maior parte dos comentários são autenticas obras de arte sobre o que de mais há de mesquinho no "pobon Portuga". O Jorge escreve sobre batatas (não querendo ofender a escola nem os seus alunos) e a malta fala de buracos negros.

O Homem na boa fé, e aparecem, do nada, uma cambada de energúmenos a entupir tudo aquilo que é o bom senso.

Como dizia o Perestrelo, aguenta coração!
# por Blogger Vítor Peliteiro : quarta-feira, janeiro 13, 2010

 

 

 

Boa noite,
Desde já apresento-me como antiga aluna da escola em questão.
Senti-me tentada a dar a minha opinião uma vez que de certo modo também interage com os ex-alunos.

A viagem de finalistas do 9ºano é considerada o momento pelo qual todos nós esperamos desde à muito. Serve para comemorar a entrada no ensino secundário. São estes os últimos dias que certamente iremos passar com colegas e professores.

Em primeiro lugar a viagem não é realizada durante o ano léctivo mas sim no mês de Julho, mês que pertence às férias de Verão tanto dos alunos como dos professores. Logo esta viagem terá em conta a disponibilidade tanto dos alunos como dos PROFESSORES que se oferecem para ficar encarregues e acompanharem em tudo.

Em segundo lugar NIMGUÉM é obrigado a pagar a quantia dos cerca de 500€.
Talvez o "filho de um pescador, de um operário das conservas de peixe ou de uma cordoaria, de um pequeno comerciante assolado pela crise, desempregados, etc.," não possa pagar em total mas, para isso, são organizadas festas, vendas de bolos, entre outras coisas para que de certo modo se possa distribuir pelos alunos que tem menos possibilidades económicas. Isto porque todos tem o direito a ir e se há quem não tenha tanta facilidade, arranja-se forma de ajudar no possível.

Relembro que os professores não são obrigados a organizar e a ir nesta viagem e o facto de estarem a criar uma polémica de certa forma "ridicula" apenas fará com que os professores pensem duas vezes e são eles que estão com "a faca e o queijo na mão" portanto amanhã às 8.20h podem perfeitamente dizer que não irá haver viagem e quem sai prejudicado não é nem o professor nem o pai (que está a criar um grande "drama" no assunto) mas sim o aluno que não tem culpa nenhuma dos pais estarem em desacordo com a organização da viagem e preocupados com o que parece ser justo e injusto. Vai ser o aluno que está à espera da viagem de finalistas desde que soube que poderia haver uma.
Apenas peço-lhe que pensem (encarregados de educação) no que realmente importa: ver o vosso filho fora destas complicações e ansioso por se divertir com os amigos ou ser de certo modo olhado como o filho dos pais que criaram um ambiente intenso entre o aluno/professor e o aluno/aluno.

Se acha assim tão injusto o "filho de um pescador, de um operário das conservas de peixe ou de uma cordoaria, de um pequeno comerciante assolado pela crise, desempregados, etc.," não ter as mesmas possibilidades que o seu filho tem apenas contribua nas tentativas de angariação de dinheiro.


Andreia Lucas
# por Anonymous AndreiaL : quarta-feira, janeiro 13, 2010

 

 

 

O Miguel só cria confusões!
:)
# por Blogger Vítor Peliteiro : quarta-feira, janeiro 13, 2010

 

 

 

Oh Miguel, não preferes o Dubai?
# por Blogger Vítor Peliteiro : quarta-feira, janeiro 13, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quarta-feira, janeiro 13, 2010

 

 

 

Ontem, numa agência de viagens, vi um itinerário para o Dubai a 437€. Acho que não implicava uma volta de camelo no deserto e portanto a "rebaja" no preço.
# por Blogger Vítor Peliteiro : quarta-feira, janeiro 13, 2010

 

 

 

Pronto, fui eu que fiz o 100º comentário. :)

Nada como aclarar o ambiente que por aqui andava com umas trenguices. Afinal este não é o objectivo do blog?

Abraços com ou sem viagens!
# por Blogger Vítor Peliteiro : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Oh anónimo nº 99 (parece o Baía), crie um blog seu e escreva o que quiser. Fácil, não?

Assim, evita essa sensação. Nos primeiros tempos deste blog, o meu irmão apagou uns 500 comentários meus. Não tive mais nada - criei um blog.

PS: Ainda não consegui apagar 500 comentários dele, mas vou no 376º. Está quase.

Como estou a ouvir agora na RTP: "saia da rotina"
# por Blogger Vítor Peliteiro : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Lá está, quando não há fair-play nem inteligência emocional, derrapa-se facilmente para o insulto - é mais fácil e não dá que pensar.
:)
Mas ainda me ri com o comentário anterior!! :)
# por Blogger Vítor Peliteiro : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Ora bom, para andar de VP, o preço sobe consideravelmente...

E olhem que eu sou um bom transporte. Melhor do que o Camelo!

Mas bem jogado!
# por Blogger Vítor Peliteiro : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Os cães ladram e a caravana passa.

Continua a dizer o que pensas quer os outros (nos quais me incluo) concordem ou não.

Acho muito bem que se expresse a sua concordância ou a discordância com o que foi escrito, agora o "insulto anónimo" deve ser apagado.

este poste deve ficar como recorde em comentários, não?
# por Anonymous Nuno Pimentel : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Em vez de andarem a arranjar verbas para um passeio a Paris os emninos e meninas deveriam estar já empenhados em contribuir para atenuar os efeitos da calamidade no Haiti.
Todos sabem que essas viagens a Paris ou que tais apenas propiciam oportunidades para sexo, drogas e álcool.
# por Anonymous Alfredo Marceneiro : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Organizar uma viagem a Paris de autocarro em Julho demonstra que os Professores não têm pinga de sensibilidade para o risco rodoviário: a probabilidade de um acidente grave é grande!
Valia a pena pensar nisto...
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Ora bem, no fundo, no fundo o Guterres até tinha uma certa razão.

Eu voto no "Rendimento Mínimo Garantido" para aplicar à viagem a Paris.

Se for para ir ao Moulin Rouge acho muito bem, agora se for para ir visitar o Museu do Louvre mais vale ficarem todos em casa :)
# por Blogger Luis Marques : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

esta miudagem de hoje em dia é terrível. Comentários maldosos cheios de insultos, e depois não querem que se apague, pensam que temos a vossa idade não?
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous alguém que tem um infinito orgulho dos seus professores! : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

sou aluna da Flávio, e sinceramente acho que está toda a gente a fazer uma tempestade num copo de água. Acho que isto é tudo uma valente treta, nós esforçamo-nos para conseguir ir a esta viagem, além disso angariámos dinheiro para a viagem ficar mais barata. As pessoas não têm nada que andar a mandar postas de pescada sobre o que não lhes diz respeito, na minha opinião. Além disso andam os professores no final do ano a levar-nos a Paris, o sonho de muitas pessoas, e além disso vamos ter oportunidade de visitar praticamente tudo, por 500€ é uma estupidez andar simplesmente a mandar 'bocas' foleiras sobre o assunto. Guarde o seu tempo pra fazer outras coisas (:
e não metam o Miguel Peliteiro ao barulho, afinal foi o pai dele que colocou o comentário no blog.
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Quero é borga em Paris! : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous PiLa/intEIRA : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

ATENÇÃO Sras. Professoras de Português da Flávio:

Os vossos alunos do 9º ano não sabem escrever português! Uma vergonha!
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Eu sou uma aluna da Flávio Gonçalves e gostaria de expressar a minha opinião sobre o assunto. Todas as turmas andam a sonhar com a viagem de finalistas desde 0 7ªano. O destino, Paris, não foi escolhido de acordo com as opiniões de apenas 1 ou 2 turmas. Todas as turmas deram a sua opinião. Além disso, as turmas de Espanhol não irão a Paris mas sim a Madrid. A viagem é apenas para revelarmos os nossos conhecimentos sobre a língua Francesa e, claro, para nos diverimos por uma última vez todos juntos.
É claro que alguns alunos têm mais possibilidades do que outros e, na nossa escola, não discriminamos ninguém. Por isso é que os alunos ditos neste blog por "queques" e todas as turmas estão, neste preciso momento, a angariar fundos para os nossos colegas, que talvez não tenham possibilidades mas que são nossos amigos "do peito" também possam ir. Se todas as tardes que iremos passar na escola a vender bolos, postais, a organizar festas não contarem para nada...Então isso É exclusão social. Mas, na Flávio, se alguém não consegue os outros ajudam. Há em todas as turmas alunos nestas condições e ninguém, dentro das nossas possibilidades, é deixado de fora.
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Jorge,

... só me resta dizer que, de facto, estás de parabéns pela quantidade absolutamente fabulosa de comentários!!!
Sinal que muita gente gosta de "ouvir" as tuas opiniões. Já se disse tanto disparate que nem me atrevo a comentar...
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido pelo autor.
# por Blogger Mário de Sá Peliteiro : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Registo com agrado que a argumentação tende agora a sublinhar que os alunos estão «a angariar fundos para os nossos colegas, que talvez não tenham possibilidades mas que são nossos amigos "do peito" também possam ir». Uma boa evolução.
Isso é sensibilidade social.
Se for verdade, só por isso já valeu a pena ter de aturar toda a malcriação que aqui desaguou.

Será difícil é, a 6 meses do evento, reunir verbas "que se vejam".
# por Blogger Mário de Sá Peliteiro : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Jorge,
não comentei este post, muito menos o faria identificando-me como "meu marido". Deve ser outro.
Parabéns pelo extraordinário número de comentário. É sinal que fazes "mexer" alguns neurónios (ainda que alguns de forma desastrosa)!!!!
Sofia Alves
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Claro que foi coincidência, Sofia.
Realmente a natureza é injusta na distribuição de inteligência. Isto é malta instigada, manipulada, por quero lá saber quem.
Beijinhos
# por Blogger Mário de Sá Peliteiro : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Sr. Mário Sá Peliteiro, sem querer ser mal educada com o senhor ou com qualquer tipo de pessoa quero que saiba que já antes do senhor escrever este post maior parte das turmas já estavam a organizar maneira de angariar fundos para os nossos colegas com mais problemas financeiros.

E com a ajuda de todos os professores.
Que alguns deles para visitas de estudo muitas vezes tiram dinheiro dos bolsos deles para dar aos alunos que precisam. Acho que também deveriam pensar nisso!

Sara.
# por Anonymous Anónimo : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Sara, a tua turma já deve então ter algum dinheiro...
Aí uns 5.000 euros? Ora diz-nos.
# por Blogger Mário de Sá Peliteiro : quinta-feira, janeiro 14, 2010

 

 

 

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
# por Anonymous Anónimo : sexta-feira, janeiro 15, 2010

 

 

 

Tantos comentários se fizeram aqui para agora nao haver visita a paris
# por Anonymous Anónimo : sexta-feira, janeiro 15, 2010

 

 

 

Afinal, vozes de burro sempre chegam ao Céu !
# por Anonymous Anónimo : sábado, janeiro 16, 2010

 

 

 

Ja viu bem o que está a fazer ? Voce está a criar confusoes por causa da ida a Paris, pois o seu filhinho queria antes ir a Barcelona. Ninguem o vai obrigar a vir connosco. E por causa do seu blogzinho a NOSSA viagem de finalistas, a Paris, está em risco. Nem compreendo porque é que o voce refere no tal site, pescadores e o resto que nem me vou dar ao trabalho de referir aqui, quando é farmaceutico, e mais, quem tem dinheiro para um carro mercendez, gasolina para por lá dentro, também tem 500 euros para uma viagem onde quer que seja. E como já aqui foi referido vá ao facebook do seu queridinho e veja lá a fotografia que ele tem.
Sou aluna da escola e frequento o 9º ano de escolaridade. Nós nao temos culpa que a turma do seu filho nao esteja a fazer nada para angariar dinheiro ( sem ofensa às pessoas da turma ), enquanto há turmas a fazer bolos, pipocas, etc.
E tamém como aluna não admito que nos insulte e muito menos aos professores que estão a fazer os possíveis para concretizar este nosso sonho. Aliás, a viagem de finalistas é fora do tempo de aulas, os professores sao disponabilizar o seu tempo conosco.

Mariana.
# por Anonymous Anónimo : sábado, janeiro 16, 2010

 

 

 

A viagem foi alterada para Famalicão em Agosto, porque nessa altura há lá tantos emigrantes que dá na mesma para treinar o Francês e fica muito mais barato.
# por Anonymous Antoine Juaquin : domingo, janeiro 17, 2010

 

 

 

INsensibilidade social????
Nessa escola a meia dúzia de alunos pobres só está lá para disfarçar, é uma escola de filhos de papás, de filhos de professores, em que as turmas são feitas a dedo pela directora farmacêutica e amiguinhos.
# por Anonymous Anónimo : domingo, janeiro 17, 2010

 

 

Enviar um comentário


 

 

 

ARQUIVOS

Maio 2003      Junho 2003      Julho 2003      Agosto 2003      Setembro 2003      Outubro 2003      Novembro 2003      Dezembro 2003      Janeiro 2004      Fevereiro 2004      Março 2004      Abril 2004      Maio 2004      Junho 2004      Julho 2004      Agosto 2004      Setembro 2004      Outubro 2004      Novembro 2004      Dezembro 2004      Janeiro 2005      Fevereiro 2005      Março 2005      Abril 2005      Maio 2005      Junho 2005      Julho 2005      Agosto 2005      Setembro 2005      Outubro 2005      Novembro 2005      Dezembro 2005      Janeiro 2006      Fevereiro 2006      Março 2006      Abril 2006      Maio 2006      Junho 2006      Julho 2006      Agosto 2006      Setembro 2006      Outubro 2006      Novembro 2006      Dezembro 2006      Janeiro 2007      Fevereiro 2007      Março 2007      Abril 2007      Maio 2007      Junho 2007      Julho 2007      Agosto 2007      Setembro 2007      Outubro 2007      Novembro 2007      Dezembro 2007      Janeiro 2008      Fevereiro 2008      Março 2008      Abril 2008      Maio 2008      Junho 2008      Julho 2008      Agosto 2008      Setembro 2008      Outubro 2008      Novembro 2008      Dezembro 2008      Janeiro 2009      Fevereiro 2009      Março 2009      Abril 2009      Maio 2009      Junho 2009      Julho 2009      Agosto 2009      Setembro 2009      Outubro 2009      Novembro 2009      Dezembro 2009      Janeiro 2010      Fevereiro 2010      Março 2010      Abril 2010      Maio 2010      Junho 2010      Julho 2010      Agosto 2010      Setembro 2010      Outubro 2010      Novembro 2010      Dezembro 2010      Janeiro 2011      Fevereiro 2011      Março 2011      Abril 2011      Maio 2011      Junho 2011      Julho 2011      Agosto 2011      Setembro 2011      Outubro 2011      Novembro 2011      Dezembro 2011      Janeiro 2012      Fevereiro 2012      Março 2012      Abril 2012      Maio 2012      Junho 2012      Julho 2012      Agosto 2012      Setembro 2012      Outubro 2012      Novembro 2012      Dezembro 2012      Janeiro 2013      Fevereiro 2013      Março 2013      Abril 2013      Maio 2013      Junho 2013      Julho 2013      Agosto 2013      Setembro 2013      Outubro 2013      Novembro 2013      Dezembro 2013      Janeiro 2014      Fevereiro 2014      Março 2014      Abril 2014      Maio 2014      Junho 2014      Julho 2014      Setembro 2014      Outubro 2014      Novembro 2014      Dezembro 2014      Janeiro 2015      Fevereiro 2015      Março 2015      Abril 2015      Maio 2015      Junho 2015      Julho 2015      Agosto 2015      Setembro 2015      Outubro 2015      Novembro 2015      Dezembro 2015      Janeiro 2016      Fevereiro 2016      Março 2016      Abril 2016      Junho 2016      Julho 2016      Agosto 2016      Setembro 2016      Outubro 2016      Novembro 2016      Dezembro 2016      Janeiro 2017      Fevereiro 2017      Março 2017      Maio 2017      Setembro 2017      Outubro 2017     

 

Perfil de J. Soares Peliteiro
J. Soares Peliteiro's Facebook Profile

 


Directórios de Blogues:


Os mais lidos


Add to Google

 

 

Contactos e perfil do autor

 

 

Portugal
Portuguese flag

Blogues favoritos:


Machado JA

Sezures

Culinária daqui e d'ali

Gravidade intermédia

Do Portugal profundo

Abrupto

Mar Salgado

ALLCARE-management

Entre coutos e coutadas

Médico explica

Pharmacia de serviço

Farmácia Central

Blasfémias

31 da Armada

Câmara Corporativa

O insurgente

Forte Apache

Peopleware

ma-shamba



Ligações:

D. G. Saúde

Portal da Saúde

EMEA

O M S

F D A

C D C

Nature

Science

The Lancet

National library medicine US

A N F

Universidade de Coimbra


Farmacêuticos sem fronteiras

Farmacêuticos mundi


This page is powered by Blogger. Isn't yours?

Creative Commons License
Licença Creative Commons.