<$BlogRSDUrl$> Impressões de um Boticário de Província
lTradutor Translator
Amanita muscaria

Impressões de um Boticário de Província

Desde 2003


sexta-feira, 14 de março de 2008

A reforma dos cuidados de saúde primários 


Ontem, combinei com o Vladimiro Silva que eu fotografava e ele escrevia o texto sobre a conferência a que assistimos em Coimbra. Como ele ainda não publicou nada, vou escrever duas palavrinhas.
Eu, que detesto compromissos durante as noites de semana, que raramente frequento eventos da classe farmacêutica, tenho ido algumas vezes a Coimbra assistir às conferências organizadas pela secção regional Centro da Ordem dos Farmacêuticos. Curiosamente, sendo um homem do Norte, profissionalmente sinto-me bem, mais integrado, em melhor sintonia com a malta do Centro, muitos, antigos companheiros dos movimentos da estudantada - de tal forma que estou seriamente a pensar em tranferir a minha inscrição na Ordem para Coimbra (que me não leve a mal o meu amigo Prof.º Franklin Marques). Claro que o incómodo da viagem (300 km) também é compensado pela qualidade do ciclo de conferências, da competência dos conferencistas e dos moderadores - ontem pela Prof.ª Margarida Caramona, uma das minhas Professoras predilectas, que moderou superiormente a conferência e o debate subsequente - do interesse dos temas abordados, e da amabilidade da equipa organizadora, em especial do Prof.º Batel Marques.

Ontem o tema foi a reforma dos cuidados de saúde primários, actualmente em pleno desenvolvimento, num processo irreversível e com consequências certas - no bom ou no mau sentido! - na saúde em Portugal. Um tema incontornável, actual, no panorama da saúde em que vivemos e em que viveremos nos próximos tempos.

Confesso as minhas reticências ao processo - já aqui referidas uma ou outra vez, nomeadamente no pedido de demissão do Coordenador da Missão - devidas essencialmente i) à má impressão que tinha/tenho da competência do anterior Ministro para implementar boas reformas; ii) à génese do modelo, na linha de "invenção da roda" e de "originalidade Portuguesa"; iii) aos maus ecos que se vão ouvindo sobre a realidade do até agora implementado (a SAPização de algumas USF, ARS regionais extintas mas que continuam a despachar, voluntariado de profissionais "condicionado" por militâncias partidárias, USF a instalar em frente a Farmácias, etc.); iv) ao facto de parecer sublinhar, em vez de atenuar, o divórcio desta rede de cuidados de saúde primários do Estado com a rede de 3.000 Farmácias, numa atitude irracional e esbanjadora de recursos.

Confesso que a minha opinião mudou substancialmente. Os conferencistas, o Dr. António Rodrigues - eloquentíssimo - e o Dr. Beja Afonso explicaram com detalhe a arquitectura desta que agora me parece a única verdadeira reforma na saúde em curso, pensada e arquitectada há anos (não, não foi Correia de Campos o grande inventor) e envolvendo mudanças importantes, num movimento vultoso que terá implicações determinantes na saúde dos portugueses. O painel de reacção, constituído por Duarte Freitas, Dermatologista Hospitalar, e pelo Prof.º João Moura - meu antigo professor de guitarra! -, farmacêutico e presidente da Câmara Municipal de Cantanhede reagiu e apresentou o respectivo contraditório, sobretudo outros modos, outras perspectivas de encarar a reforma.
Como vêem, não sou tão irredutível assim, também tenho a capacidade de mudar de opinião, de evoluir nas minhas apreciações (excepto na birra de estimação ao SLB) e este é exactamente um bom exemplo disso mesmo. Embora com algumas reservas (por exemplo, continuo a julgar que o Dr. Pisco não é o Coordenador ideal para a Missão) parece-me agora que esta reforma poderá - não já, daqui a uns anos - trazer benefícios importantes à saúde nacional, desde que sejam os profissionais a liderar esta hercúlea tarefa - e nunca os políticos: bons serviços prestados implicam maior afluxo de doentes que implicam maior despesa (o Dr. Beja Afonso acredita que não, mas...) e que, necessariamente, implica sabotagem política, já que os interesses dos cidadãos nem sempre coincidem com os interesses dos políticos.


Peliteiro,   às  00:24

Comentários:

 

Desculpem, passei para conhecer o blog e dizer que
O AUTISMO EXISTE!

AROMAS DE PORTUGAL

"O Autismo é definido como “uma desordem neuro-desenvolvimental caracterizada pelo enfraquecimento nas relações sociais, linguagem, e pela presença de um comportamento repetitivo e estereotipado."

saudações e um sorriso

 

 

 

Acreditar em qualquer bom desenlace desta "reforma" dos cuidados de saúde primários, só pode ser brincadeira.

Depois das USF, só falta mesmo o Pisco ir pra treinador do Benfica.
# por Anonymous Anónimo : sábado, março 15, 2008

 

 

Enviar um comentário


 

 

 

ARQUIVOS

Maio 2003      Junho 2003      Julho 2003      Agosto 2003      Setembro 2003      Outubro 2003      Novembro 2003      Dezembro 2003      Janeiro 2004      Fevereiro 2004      Março 2004      Abril 2004      Maio 2004      Junho 2004      Julho 2004      Agosto 2004      Setembro 2004      Outubro 2004      Novembro 2004      Dezembro 2004      Janeiro 2005      Fevereiro 2005      Março 2005      Abril 2005      Maio 2005      Junho 2005      Julho 2005      Agosto 2005      Setembro 2005      Outubro 2005      Novembro 2005      Dezembro 2005      Janeiro 2006      Fevereiro 2006      Março 2006      Abril 2006      Maio 2006      Junho 2006      Julho 2006      Agosto 2006      Setembro 2006      Outubro 2006      Novembro 2006      Dezembro 2006      Janeiro 2007      Fevereiro 2007      Março 2007      Abril 2007      Maio 2007      Junho 2007      Julho 2007      Agosto 2007      Setembro 2007      Outubro 2007      Novembro 2007      Dezembro 2007      Janeiro 2008      Fevereiro 2008      Março 2008      Abril 2008      Maio 2008      Junho 2008      Julho 2008      Agosto 2008      Setembro 2008      Outubro 2008      Novembro 2008      Dezembro 2008      Janeiro 2009      Fevereiro 2009      Março 2009      Abril 2009      Maio 2009      Junho 2009      Julho 2009      Agosto 2009      Setembro 2009      Outubro 2009      Novembro 2009      Dezembro 2009      Janeiro 2010      Fevereiro 2010      Março 2010      Abril 2010      Maio 2010      Junho 2010      Julho 2010      Agosto 2010      Setembro 2010      Outubro 2010      Novembro 2010      Dezembro 2010      Janeiro 2011      Fevereiro 2011      Março 2011      Abril 2011      Maio 2011      Junho 2011      Julho 2011      Agosto 2011      Setembro 2011      Outubro 2011      Novembro 2011      Dezembro 2011      Janeiro 2012      Fevereiro 2012      Março 2012      Abril 2012      Maio 2012      Junho 2012      Julho 2012      Agosto 2012      Setembro 2012      Outubro 2012      Novembro 2012      Dezembro 2012      Janeiro 2013      Fevereiro 2013      Março 2013      Abril 2013      Maio 2013      Junho 2013      Julho 2013      Agosto 2013      Setembro 2013      Outubro 2013      Novembro 2013      Dezembro 2013      Janeiro 2014      Fevereiro 2014      Março 2014      Abril 2014      Maio 2014      Junho 2014      Julho 2014      Setembro 2014      Outubro 2014      Novembro 2014      Dezembro 2014      Janeiro 2015      Fevereiro 2015      Março 2015      Abril 2015      Maio 2015      Junho 2015      Julho 2015      Agosto 2015      Setembro 2015      Outubro 2015      Novembro 2015      Dezembro 2015      Janeiro 2016      Fevereiro 2016      Março 2016      Abril 2016      Junho 2016      Julho 2016      Agosto 2016      Setembro 2016      Outubro 2016      Novembro 2016      Dezembro 2016      Janeiro 2017      Fevereiro 2017      Março 2017      Maio 2017      Setembro 2017      Outubro 2017     

 

Perfil de J. Soares Peliteiro
J. Soares Peliteiro's Facebook Profile

 


Directórios de Blogues:


Os mais lidos


Add to Google

 

 

Contactos e perfil do autor

 

 

Portugal
Portuguese flag

Blogues favoritos:


Machado JA

Sezures

Culinária daqui e d'ali

Gravidade intermédia

Do Portugal profundo

Abrupto

Mar Salgado

ALLCARE-management

Entre coutos e coutadas

Médico explica

Pharmacia de serviço

Farmácia Central

Blasfémias

31 da Armada

Câmara Corporativa

O insurgente

Forte Apache

Peopleware

ma-shamba



Ligações:

D. G. Saúde

Portal da Saúde

EMEA

O M S

F D A

C D C

Nature

Science

The Lancet

National library medicine US

A N F

Universidade de Coimbra


Farmacêuticos sem fronteiras

Farmacêuticos mundi


This page is powered by Blogger. Isn't yours?

Creative Commons License
Licença Creative Commons.